Governo e administração municipal: a experiência brasileira Outros Idiomas

ID:
12458
Resumo:
Este artigo trata da posição do município no sistema governamental brasileiro, desde sua introdução durante o regime colonial até hoje. O artigo relaciona as referências aos governos municipais nas constituições de 1824, 1891, 1934, 1937, 1946, 1967 e sua Emenda n¡ 1, de 1969, e 1988, inclusive suas emendas. As relações intergovernamentais, no que se refere aos municípios, são também discutidas, bem como os problemas das competências concorrentes e comuns entre os municípios, a União e os estados. As fontes das receitas municipais, inclusive os problemas atualmente em discussão no Congresso Nacional, merecem especial atenção, tendo em vista as reivindicações dos governos municipais, com o apoio das associações municipalistas. Essas associações — mais de 600, nacionais, estudantis e microrregionais — vêm desempenhando um importante papel, desde a elaboração da Constituição de 1988. O artigo analisa a evolução da estrutura administrativa dos governos municipais, especialmente nas cidades de grande e médio portes, bem como o crescente aumento de conselhos destinados a incrementar a participação da comunidade na discussão de planos e projetos municipais. Finalmente, é feita uma comparação de certas características importantes do sistema de governo municipal brasileiro com as de outros países, inclusive no que se refere à multiplicação dos municípios.
Citação ABNT:
MELLO, D. L.Governo e administração municipal: a experiência brasileira. Revista de Administração Pública, v. 35, n. 2, p. 79-96, 2001.
Citação APA:
Mello, D. L.(2001). Governo e administração municipal: a experiência brasileira. Revista de Administração Pública, 35(2), 79-96.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/12458/governo-e-administracao-municipal--a-experiencia-brasileira/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português