Gerenciamento de resíduos sólidos no Serviço de Saúde Outros Idiomas

ID:
13681
Resumo:
A manipulação inadequada de resíduos de serviços de saúde (RSS) pode representar grandes riscos e problemas ao meio ambiente e à saúde humana. Os RSS são aqueles provenientes de todos os estabelecimentos prestadores de serviços de saúde e, desta forma, este estudo possui como objetivo analisar o gerenciamento dos RSS em um hospital universitário, localizado no estado do Rio Grande do Sul. A pesquisa caracteriza-se como qualitativa, exploratória, e adota como método o estudo de caso. A coleta de dados foi realizada por meio de observação direta e entrevista semi-estruturada com o responsável técnico pelo gerenciamento de resíduos do hospital analisado. Os resultados evidenciaram a significativa preocupação do hospital com o gerenciamento adequado dos RSS, em que se destaca, desde 2003, a implantação do Plano de Gerenciamento de Resíduos do Serviço de Saúde, o qual normatiza e descreve as etapas de segregação, manejo e descarte dos resíduos hospitalares, a fim de que os riscos oferecidos sejam minimizados. Ressalta-se a importância da preocupação ambiental por parte das organizações de saúde, tendo em vista que ao prestarem assistência para a população, torna-se imprescindível a segurança nos serviços prestados, já que qualquer ação indevida pode acarretar danos para os pacientes, profissionais da área da saúde e comunidade em geral.
Palavras-chave:
Citação ABNT:
KNEIPP, J. M.; BEURON, T. A.; CARPES, A. M.; PERLIN, A. P.; GOMES, C. M. Gerenciamento de resíduos sólidos no Serviço de Saúde. Revista de Administração Hospitalar e Inovação em Saúde, v. 6, n. 6, p. 22-34, 2011.
Citação APA:
Kneipp, J. M., Beuron, T. A., Carpes, A. M., Perlin, A. P., & Gomes, C. M. (2011). Gerenciamento de resíduos sólidos no Serviço de Saúde. Revista de Administração Hospitalar e Inovação em Saúde, 6(6), 22-34.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/13681/gerenciamento-de-residuos-solidos-no-servico-de-saude/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10004. Rio de Janeiro: ABNT, 2004

ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 12807. Rio de Janeiro: ABNT, 1993

ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 12810. Rio de Janeiro: ABNT, 1993

AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA - ANVISA (Brasil). Resolução da Diretoria Colegiada - RDC n. 306, de 07 de dezembro de 2004. Dispõe sobre o Regulamento Técnico para o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde. Diário Oficial da União, 10 dez. 2004.

ALMEIDA, R de A. Jr.; AMARAL, S. P. Lixo urbano, um velho problema atual. In: SIMPEP, 13, 2006, São Paulo. Anais. São Paulo: UNESP, 2006.

CARRAMENHA, M. M. L. Gerenciamento de resíduos sólidos em serviços de saúde: uma contribuição para a avaliação do desempenho ambiental. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental Urbana) - Escola Politécnica da Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2005.

COELHO H. Manual de gerenciamento de resíduos sólidos de serviços de saúde. Rio de Janeiro: FIOCRUZ; 2001.

CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE - CONAMA (Brasil). RESOLUÇÃO CONAMA n. 358, de 29 de abril de 2005. Dispõe sobre o tratamento e a disposição final dos resíduos dos serviços de saúde e dá outras providências. Diário Oficial da União, 04 maio 2005.

CUSSIOL, N A de M. Manual de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde. Belo Horizonte: Fundação Estadual do Meio Ambiente - FEAM, 2008.

FUNDAÇÃO NACIONAL DE SÁUDE - FUNASA (Brasil). Manual de Saneamento. 3 ed. Brasília: Fundação Nacional de Saúde, 2006.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 2007.

LIPPEL, M. Modelo de gerenciamento de resíduos sólidos de saúde para pequenos geradores o caso de Blumenau/SC. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2003.

MONTEIRO, J. H. P. et. al. Manual de Gerenciamento Integrado de resíduos sólidos. Coordenação técnica Victor Zular Zveibil. Rio de Janeiro: IBAM, 2001.

MOURA, A. de; VIRIATO, A. Gestão Hospitalar. São Paulo: Manole, 2008.

NAIME, R.; RAMALHO, A. H. P.; NAIME, I. S. Avaliação do sistema de gestão dos resíduos sólidos do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Revista Espaço para a Saúde, Londrina, v.9, n. 1, p.1-17, dez. 2008.

OLIVEIRA, J. M. de. Análise do Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde nos Hospitais de Porto Alegre. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2002.

ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DE SAÚDE. Guia para o manejo interno de resíduos sólidos em estabelecimentos de saúde. Tradução de Carol Castillo Argüello. Brasília: Organização Pan-Americana da Saúde, 1997.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa Social: métodos e técnicas. 1999. São Paulo: Atlas.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2 ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.