Eficiência do atendimento do SUS nas microrregiões do Estado de Santa Catarina Outros Idiomas

ID:
13754
Resumo:
O objetivo deste estudo é avaliar a questão da eficiência do atendimento do SUS das vinte microrregiões do estado de Santa Catarina através da análise envoltória de dados (DEA). Esta pesquisa caracteriza-se como descritiva e com abordagem quantitativa. A amostra deste estudo é composta pelas 20 microrregiões de Santa Catarina. Os resultados desta pesquisa indicam que 65% das microrregiões pertencentes à amostra são eficientes. A média de eficiência do estado de Santa Catarina é de 97,04%. 75% das microrregiões apresentam eficiência superior à média do estado e a microrregião menos eficiente apresentou escore de eficiência igual a 0,786, ou 78,6%. Conclui-se que o SUS é eficiente quanto ao atendimento no estado de Santa Catarina.
Citação ABNT:
POLITELO, L.; SCARPIN, J. E. Eficiência do atendimento do SUS nas microrregiões do Estado de Santa Catarina. Revista de Administração Hospitalar e Inovação em Saúde, v. 10, n. 1, p. 19-35, 2013.
Citação APA:
Politelo, L., & Scarpin, J. E. (2013). Eficiência do atendimento do SUS nas microrregiões do Estado de Santa Catarina. Revista de Administração Hospitalar e Inovação em Saúde, 10(1), 19-35.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/13754/eficiencia-do-atendimento-do-sus-nas-microrregioes-do-estado-de-santa-catarina/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
AL-SHAMMARI, M. A multi-criteria data envelopment analysis model for measuring the productive efficiency of hospitals. International Journal of Operations & Production Management. v. 19, n. 9, p. 879-891, 1999.

BANKER, R. D.; CHARNES, A.; COOPER, W. W. Some Models for Estimating Technical and Scale Inefficiencies in Data Envelopment Analysis. Management Science. v. 30, n. 9, p. 1078-1092, 1984.

BARNUM, D. T.; WALTON, S. M.; SHIELDS, K. L.; SCHUMOCK, G. T. Measuring hospital efficiency with data envelopment analysis: Non-substitutable vs. substitutable inputs and outputs. Journal of Medical Systems. v. 35, n. 6, p. 1393-1401, 2011.

CESCONETTO, A.; LAPA, J. dos S.; CALVO, M. C. M. Avaliação da Eficiência produtiva de hospitais do SUS de Santa Catarina. Cadernos de Saúde Pública. v. 24, n. 10, p. 24072417, out. 2008.

CHARNES, A.; COOPER, W. W.; RHODES, E. Measuring the Efficiency of Decision Making Units. European Journal of Operational Research. v. 2, n. 6, p. 429-444, 1978.

CHUANG, C.; CHANG, P.; LIN, R. An Efficiency Data Envelopment Analysis Model Reinforced by Classification and Regression Tree for Hospital Performance Evaluation. Journal of Medical Systems. v. 35, n. 5, p. 1075-1083, 2011.

CHU, Y. The productive efficiency of Chinese hospitals. China Economic Review. v. 22, n. 3, p. 428-439, set. 2011.

CUNHA, J. A. C. da. Avaliação de Desempenho e eficiência em organizações de Saúde: um estudo em hospitais filantrópicos. 2011. Tese (Doutorado em Controladoria e Contabilidade) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011.

DENEFFE, D.; MASSON, R. What do not-for-profit hospitals maximize? International Journal of Industrial Organization. v. 20, n. 4, p. 461-492, 2002.

FERLIE, E.; ASBURNER, L.; FITZGERALD, L.; PETTIGREW, A. A nova Administração pública em ação. Brasília: UNB/ENAP, 1999

FERREIRA, C. M. de C.; GOMES, A. P. Introdução à análise envoltória de dados: modelos e aplicações. Minas Gerais: Editora UFV, 2009.

FONSECA, P. C.; FERREIRA, M. A. M. Investigação dos Níveis de Eficiência na utilização de Recursos no setor de saúde: uma análise das microrregiões de Minas Gerais. Saúde e Sociedade. v. 18, n. 2, p.199-213, 2009.

GOMES, E. G.; MANGABEIRA, J. A. C. Uso de Análise Envoltória de Dados em Agricultura: o caso de Holambra. Engevista. v. 6, n. 1, p. 19-27, abr. 2004.

GONÇALVEZ, L. Análise da eficiência dos hospitais SA e SPA segundo uma abordagem de fronteira de eficiência. 2008. Tese (Doutorado em Gestão) – Instituto Universitário de Lisboa, Lisboa, 2008.

GUERRA, M.; SOUZA, A. A. de.; MOREIRA, D. R. Performance Analysis: A study using data envelopment analysis in 26 Brazilian Hospitals. Journal of Health Finance. v. 38, n. 4, p. 19-35, 2012.

IBAÑEZ, N.; VECINA NETO, G. Modelos de gestão e o SUS. Ciência & Saúde Coletiva. Rio de Janeiro, v. 12, p. 1831-1840, 2007.

JUNQUEIRA, L. A. P. Gerência dos serviços de saúde. Cadernos de Saúde Pública. v. 6, n. 3, p. 247-259, jul./set. 1990.

KATHARAKI, M. Approaching the management of hospital units with an operation research technique: the case of 32 Greek obstetric and gynaecology public units. Health Policy. v. 85, n. 1, p. 19-31, jan. 2008.

KEELER, E.; MELNICK, G.; ZWANZIGER, J. The changing effects of competition on nonprofit and for-profit hospital pricing behavior. Journal of Health Economics. v. 18, p. 69-86, 1999.

MACEDO, M. A. S.; BARBOSA, A. C. T. C.; CAVALCANTE, G. T. C. Desempenho de agências bancárias no Brasil: aplicando análise envoltória de dados (DEA) a indicadores relacionados às perspectivas do BSC. Revista Economia & Gestão. v. 9, n. 19, p. 65-84, jan./abr. 2009.

MARINHO, A. Avaliação da eficiência técnica nos serviços de saúde nos municípios do estado do Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Economia. v. 57, n. 2, p. 515-534, jul./set. 2003.

MILLS, A. E.; SPENCER, E. M. Values based decision making: a tool for achieving the goals of healthcare. HEC Forum. v. 17, n. 1, p. 18-32, 2005.

MORRISEY, M. A.; WEDIG, G. J.; HASSAN, M. Do nonprofit hospitals pay their way? Health Affairs. v. 15, n. 4, p. 132-144, 1996.

NICOLA, A. de.; GITTO, S.; MANCUSO, P. Uncover the predictive structure of healthcare efficiency applying a bootstrapped data envelopment analysis. Expert Systems with Applications. v. 39, n. 12, p. 10495-10499, set. 2012.

PAULY, M. V. Nonprofit firms in medical markets. American Economic Review. v. 77, n. 2, p. 2757-262, maio, 1987.

PEIRÓ, S.; ARTELLS, J. J.; MENEU, R. Identificación y priorización de actuaciones de mejora de la eficiência en el Sistema Nacional de Salud. Gaceta Sanitaria. v. 25, p. 95-105, 2011.

POLITELO, Leandro; KAVESKI, Itzhak Simão David; GODOY, Nádia Nara de; CUNHA, Paulo Roberto. Níveis de eficiência na utilização de recursos no setor de saúde: uma análise na mesorregião do Vale do Itajaí – Santa Catarina. In: ENCONTRO DA DIVISÃO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, 5., 2012, Salvador. Anais... Rio de Janeiro: EnAPG, 2012.

REDER, M. W. Some problems in the economics of hospitals. The American Economic Review, v. 55, n. 1/2, p. 472-480, mar. 1965.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

SANTOS, C. M. dos.; CARVALHO, H. R.; LÍRIO, V. S. Eficiência do atendimento do SUS no estado de Minas Gerais. In: Seminário sobre a Economia Mineira, 8, 2008. Anais... Belo Horizonte: UFMG/Cedeplar, 2008.

SARKIS, J.; TALLURI, S. International Journal of Operation & Production Management. v. 22, n. 3, p. 306-313, 2002.

SILVA, A. M. M. da; BRANDALIZE, A. A moderna administração hospitalar. Terra e Cultura. v. 22, n. 42, p. 56-67, jan./jun. 2006.

SOUZA, I. V.; NISHIJIMA, M.; ROCHA, F. Eficiência do setor hospitalar nos municípios paulistas. Economia Aplicada. v. 14, n. 1, p.51-66, 2010.

STAAT, M. Efficiency of hospitals in Germany: a DEA-bootstrap approach. Applied Economics. v. 38, p. 2255-2263, 2006.

VERGARA, S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2000.

VIACAVA, F.; UGÁ, M. A. D.; PORTO, S.; LAGUARDIA, J.; MOREIRA, R. da S. Avaliação de Desempenho de Sistemas de Saúde: um modelo de análise. Ciência & Saúde Coletiva. v. 17, n. 4, p. 921-934, abr. 2012.