Evidenciação da remuneração variável nas melhores empresas para se trabalhar listadas na BM&FBovespa: um estudo à luz dos CPCs 10 e 33 Outros Idiomas

ID:
143
Periódico:
Resumo:
O tema remuneração variável tem sido foco de várias discussões nos âmbitos acadêmico e corporativo nos últimos anos embasadas no argumento de que as relações positivas com os empregados podem ser consideradas como fonte de vantagem competitiva para as empresas. A preocupação dos organismos normatizadores de práticas contábeis no Brasil com as questões relacionadas à remuneração variável nas organizações fez com que o Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) emitisse os Pronunciamentos Técnicos CPCs 10 e 33, que estabelecem procedimentos para reconhecimento e divulgação nas demonstrações contábeis das transações com pagamento baseado em ações (stock options) e com benefícios concedidos a empregados. Este estudo tem o objetivo de analisar a evidenciação da remuneração variável nas melhores empresas para se trabalhar (MEPTs) listadas na BM&FBovespa diante das Deliberações CVM nº 562/2008 e 600/2009, que aprovam e tornam obrigatório, para as companhias abertas, a aplicação dos Pronunciamentos Técnicos CPCs 10 e 33 a partir dos exercícios encerrados em 2008 e 2009, respectivamente. O estudo descritivo com abordagem qualitativa dos dados foi realizado por meio da técnica de análise de conteúdo das Notas Explicativas às Demonstrações Financeiras Padronizadas do ano de 2009 das companhias abertas incluídas no ranking das MEPTs no Brasil em 2009 das revistas Exame e Você S/A. Os resultados demonstram que, das duas formas de remuneração variável propostas para a análise tendo como referência os CPCs 10 e 33, os itens de divulgação relacionados a benefícios a empregados (CPC 33) foram os mais pontuados. Conclui-se que, de modo geral, os fatores tamanho, setor e quantidade de empregados condicionam a maior extensão da evidenciação de informação sobre as políticas de remuneração variável praticadas pelas empresas pesquisadas.
Citação ABNT:
MIRANDA, K. F.; TOMÉ, W. C.; GALLON, A. V. Evidenciação da remuneração variável nas melhores empresas para se trabalhar listadas na BM&FBovespa: um estudo à luz dos CPCs 10 e 33. Pensar Contábil, v. 13, n. 51, art. 4, p. 35-47, 2011.
Citação APA:
Miranda, K. F., Tomé, W. C., & Gallon, A. V. (2011). Evidenciação da remuneração variável nas melhores empresas para se trabalhar listadas na BM&FBovespa: um estudo à luz dos CPCs 10 e 33. Pensar Contábil, 13(51), 35-47.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/143/evidenciacao-da-remuneracao-variavel-nas-melhores-empresas-para-se-trabalhar-listadas-na-bm-fbovespa--um-estudo-a-luz-dos-cpcs-10-e-33/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1979.

CAMARGOS, M.A.; HELAL, D.H.; BOAS, A.P. Análise empírica da relação entre a remuneração de executivos e o desempenho financeiro de empresas brasileiras. In: ENEGEP, 27., 2007, Foz do Iguaçu. Anais… Rio de Janeiro: ABEPRO, 2007. CD-ROM.

CAMPOS, E.S. O reconhecimento, a mensuração e a evidenciação de operações de remunerações em opções de ações: uma pesquisa empírica em companhias abertas brasileiras. Brasília-DF: [s.n.], 2008.

CPC – COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS. Pronunciamento Técnico CPC 05 – Divulgação sobre partes relacionadas. Disponível em: . Acesso em: 12 jun. 2010.

CPC – COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS. Pronunciamento Técnico CPC 10 – Pagamento baseado em ações. Disponível em: . Acesso em: 12 jun. 2010.

CPC – COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS. Pronunciamento Técnico CPC 33 – Benefícios a empregados. Disponível em: . Acesso em: 12 jun. 2010.

DALMACIO, F.Z.; REZENDE, A.J.; SLOMSKI, V. Análise setorial das medidas de performance utilizadas nos contratos de remuneração dos gestores. Revista Universo Contábil, v. 5, n. 3, p. 06-23, jul./set., 2009.

DELLAGNELO, E.H.L.; DELLAGNELO, J.R.G. Modelos de eficácia subjacentes aos programas de remuneração variável. Revista de Negócios, v. 2, n. 1, p. 53-67, out./dez. 1996.

DIAS, W.O.; CUNHA, J.V.A.; CARMO MÁRIO, P. Plano de incentivo em opções de ações e a harmonização contábil: estudo do nível de disclosure das empresas brasileiras após o CPC 10. Revista Pensar Contábil, v. 11, n. 46, p. 29-38, out./dez., 2009.

ERNST & YOUNG; FIPECAFI. Manual de normas internacionais de contabilidade: IFRS versus normas brasileiras. São Paulo: Atlas, 2009.

FREITAS, H.M.R.; JANISSEK, R. Análise léxica e análise de conteúdo: técnicas complementares, sequenciais e recorrentes para exploração de dados qualitativos. Porto Alegre: Editora Sagra Luzzatto, 2000.

FURTADO, R.A.; CARVALHO NETO, A.; LOPES, D.P.T. O que as listas de “Melhores Empresas para Trabalhar” dizem sobre as organizações, seus empregados e os consultores e pesquisadores de RH? In: Encontro da ANPAD, 31., 2007, Rio de Janeiro, Anais... Rio de Janeiro: ANPAD, 2007.

GALLON, A.V.; BEUREN, I.M.; SABADIN, A.L.; FASSINA, P.H. Análise de conteúdo dos sistemas de remuneração variável de empregados nos Relatórios da Administração de companhias abertas. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 5., 2005, São Paulo, Anais... São Paulo: FEA/USP, 2005.

GIL, A.C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 1999.

IUDÍCIBUS, S.; MARTINS, E.; GELBCKE, E.R.; SANTOS, A. Manual de contabilidade societária: aplicável a todas as sociedades de acordo com as normas internacionais e do CPC. São Paulo: Atlas, 2010.

LIMA, V.S.; LIMA, G.A.S.F.; LIMA, I.S.; CARVALHO, L.N.G. Determinantes da convergência aos padrões internacionais de contabilidade no Brasil. In: Congresso ANPCONT, 4., 2010, Natal, Anais ... São Paulo: ANPCONT, 2010.

NUNES, A.A. Concessão de opções de ações a funcionários: um problema contábil. Revista de Administração e Contabilidade da Unisinos, v. 5, n. 1, p. 32-41, jan./abr., 2008.

OYADOMARI, J.C.T.; CÉSAR, A.M.R.V.; SOUZA, E.F.; OLIVEIRA, M.A. Remuneração variável e congruência de metas. In: Congresso ANPCONT, 2., 2008, Salvador, Anais ... São Paulo: ANPCONT, 2008.

REIS NETO, M.T. A remuneração variável na percepção dos empregados e suas consequências na motivação e no desempenho. In: Encontro da ANPAD, 30., 2006, Salvador, Anais... Rio de Janeiro: ANPAD, 2006.

REZENDE, A.J.; DALMACIO, F.Z.; SLOMSKI, V. Medidas de performance como determinantes de remuneração dos gestores: méritos do gestor ou características do setor. In: Congresso Internacional de Custos, 10., 2007. Anais... Lyon: IIC, 2007.

RIBEIRO, G.M. Remuneração variável. Revista Parceria em Qualidade, ano 5, n. 21, p. 40-41, 1997.

RICHARDSON, R.J. Pesquisa social: métodos e técnicas. São Paulo: Atlas, 1999.

SILVA, J.O.; BEUREN, I.M. Evidenciação da remuneração variável dos executivos nas maiores empresas brasileiras listadas na Bovespa. In: Congresso ANPCONT, 4., 2010, Natal, Anais ... São Paulo: ANPCONT, 2010.

VASCONCELOS, K.A.; SILVA, G.A.V. A aplicação estratégica da remuneração variável: conectando o sistema de recompensas ao balanced scorecard. In: Encontro da ANPAD, 31., 2007, Rio de Janeiro, Anais... Rio de Janeiro: ANPAD, 2009.

VICTOR, F.G.; TERRA, P.R.S. Determinantes do nível de evidenciação da remuneração por meio de opções de ações no Brasil. In: Encontro da ANPAD, 33., 2009, São Paulo, Anais... São Paulo: ANPAD, 2009.

WOOD JR. T.; PICARELLI FILHO, V. Remuneração estratégica: a nova vantagem competitiva. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1999.