O impacto de percepções de justiça em três bases de comprometimento organizacional Outros Idiomas

ID:
16959
Resumo:
Justiça e comprometimento são fenômenos fundamentais no ambiente organizacional. Justiça no trabalho pode ser compreendida em duas vertentes clássicas, distributiva e procedimental, e uma emergente denominada interacional. Comprometimento organizacional pode ser estudado sob três bases, isto é, afetiva, normativa e calculativa. No presente estudo, teve-se como objetivo testar um modelo teórico em que se analisa o impacto da percepção de justiça sobre o comprometimento organizacional. Para tanto, contou-se com a participação de 838 servidores públicos municipais ativos, sendo 529 da Secretaria de Educação, 182 da Secretaria de Saúde e 127 da Secretaria de Serviços Municipais de uma prefeitura da região do ABC Paulista. No teste do modelo efetuado por análise de regressão múltipla, constatou-se que parcela significativa da variância de comprometimento afetivo, calculativo e normativo podia ser explicada por percepções de justiça. A partir desses resultados, pôde-se concluir que percepção de justiça é um importante antecedente de comprometimento organizacional. Portanto, cognições sobre justiça representam um componente psicossocial capaz de influenciar os vínculos que o indivíduo mantém com a organização na qual trabalha.
Citação ABNT:
FILENGA, D.; SIQUEIRA, M. M. M. O impacto de percepções de justiça em três bases de comprometimento organizacional. Revista de Administração, v. 41, n. 4, p. 431-441, 2006.
Citação APA:
Filenga, D., & Siqueira, M. M. M. (2006). O impacto de percepções de justiça em três bases de comprometimento organizacional. Revista de Administração, 41(4), 431-441.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/16959/o-impacto-de-percepcoes-de-justica-em-tres-bases-de-comprometimento-organizacional/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português