Efeito Clientela, níveis marginais de taxação e eficiência: o caso de dividendos no mercado acionário brasileiro

ID:
19300
Resumo:
Este trabalho examina o chamado "efeito clientela" e os níveis marginais de taxação no mercado acionário brasileiro. Este efeito sugere que investidores terão preferências por níveis de distribuição de dividendos de acordo com suas alíquotas marginais de taxação. Os resultados indicam que os níveis marginais de taxação de investidores do mercado acionário elevou-se de 16% para 37% no período 1973-1976. Estes resultados sugerem que o pequeno e médio investidor afastaram-se do mercado no período. Entretanto, os resultados não suportam a existência de "efeito clientela" no mercado acionário brasileiro.
Citação ABNT:
BRITO, N.; RIETTI, R. Efeito Clientela, níveis marginais de taxação e eficiência: o caso de dividendos no mercado acionário brasileiro. RAUSP Management Journal, v. 16, n. 1, p. 33-46, 1981.
Citação APA:
Brito, N., & Rietti, R. (1981). Efeito Clientela, níveis marginais de taxação e eficiência: o caso de dividendos no mercado acionário brasileiro. RAUSP Management Journal, 16(1), 33-46.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/19300/efeito-clientela--niveis-marginais-de-taxacao-e-eficiencia--o-caso-de-dividendos-no-mercado-acionario-brasileiro/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português