Programação Matemática Aplicada à Gestão de Performance de Unidades de Negócios

ID:
20243
Resumo:
As companhias que adotaram o modelo de descentralização no processo de tomada de decisão delegando às divisões internas mais autoridade, invariavelmente tiveram que instituir um sistema formal de relacionamento entre as divisões. Tal sistema tem como objetivo buscar a total harmonia entre os interesses das divisões e os objetivos gerais da organização. Especificamente é composto de normas de conduta, mecanismos de arbitragem e preços de transferência. Com base nesse sistema, espera-se que sejam resolvidos conflitos relacionados ao processo de descentralização caracterizada por certo grau de independência da divisão em relação à companhia e a necessidade de otimização de resultados. Por conta disso, problemas inerentes à falta de congruência de objetivos, dificuldades de determinação de preços de transferências, problemas relacionados com decisões de produzir ou comprar, entre outros, fazem parte da complexidade de gerenciar uma organização cuja administração é descentralizada e que tem por necessidade avaliar corretamente o desempenho das unidades de negócios uma vez que a partir delas derivará o resultado da própria organização como um todo. Isto posto, este artigo pretende examinar através da programação matemática problemas recorrentes em organizações divisionalizadas através do exame de estudos de caso.
Citação ABNT:
SILVA, R. N. S.; COELHO, P. S. S. Programação Matemática Aplicada à Gestão de Performance de Unidades de Negócios. Contabilidade, Gestão e Governança, v. 8, n. 2, p. 267-292, 2005.
Citação APA:
Silva, R. N. S., & Coelho, P. S. S. (2005). Programação Matemática Aplicada à Gestão de Performance de Unidades de Negócios. Contabilidade, Gestão e Governança, 8(2), 267-292.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/20243/programacao-matematica-aplicada-a-gestao-de-performance-de-unidades-de-negocios/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português