Experimentando pensar: da fábula de Barnard à aventura de outras possibilidades de organizar

ID:
20641
Periódico:
Resumo:
Neste artigo, partimos da necessidade de adotar uma relação crítica com a tradição do que conhecemos como estudos organizacionais, considerando que é preciso lembrar de onde viemos para poder discernir para onde estamos indo, e para formular caminhos alternativos no nosso fazer acadêmico. Tomamos um clássico – As funções do executivo, de Chester Barnard, adotando uma postura lúdico-terapêutica, para não sermos sufocados por ele. Assim, apresentamos um conto a respeito de uma fábula – a fábula sobre a ligação intrínseca e transcendente entre cooperação e organização, destacando os aspectos de moralidade nela contidos. Depois, realizamos algumas reflexões em nosso esforço para encontrar/desenvolver perspectivas que permitam descobrir possibilidades de mudança na prática, bem como no modo como pensamos sobre as organizações.
Citação ABNT:
MISOCZKY, M. C. A.; VECCHIO, R. A. Experimentando pensar: da fábula de Barnard à aventura de outras possibilidades de organizar. Cadernos EBAPE.BR, v. 4, n. 1, p. 1-11, 2006.
Citação APA:
Misoczky, M. C. A., & Vecchio, R. A. (2006). Experimentando pensar: da fábula de Barnard à aventura de outras possibilidades de organizar. Cadernos EBAPE.BR, 4(1), 1-11.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/20641/experimentando-pensar--da-fabula-de-barnard-a-aventura-de-outras-possibilidades-de-organizar/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português