Corpos que dançam: expressões da linguagem do corpo na educação

ID:
21321
Resumo:
As danças tradicionais estão inseridas no contexto das práticas culturais configurando uma linguagem que pode vir a ser tematizada na arte e na educação. Este texto propõe uma reflexão sobre o lugar das danças tradicionais como prática pedagógica, enfatizando a expressividade e a linguagem corporal. Considerando que o mesmo fenômeno pode ser interpretado a partir de vários referenciais possibilitando uma diversidade de ângulos, de óticas e perspectivas, contempla a leitura dessas danças a partir dos fatores de movimento, espaço e tempo da linguagem da dança apresentando-os como estrutura para a percepção e, portanto, para a linguagem, a comunicação e a expressão. Conclui que essas danças enquanto linguagem e elemento da cultura constituem-se em um espaço onde os professores podem levar seus alunos a experimentarem novas dinâmicas, vivenciar a expressividade do corpo e da interpretação da linguagem corporal do outro.
Citação ABNT:
VIANA, R. N. A.Corpos que dançam: expressões da linguagem do corpo na educação. Interface - Revista do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, v. 2, n. 1, p. 95-108, 2005.
Citação APA:
Viana, R. N. A.(2005). Corpos que dançam: expressões da linguagem do corpo na educação. Interface - Revista do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, 2(1), 95-108.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/21321/corpos-que-dancam--expressoes-da-linguagem-do-corpo-na-educacao/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português