Comportamento do consumidor sob a ótica da Teoria Meios-Fim: um estudo sobre os valores pessoais dos discentes do curso de especialização em Gestão Pública Outros Idiomas

ID:
30363
Resumo:
O objetivo deste artigo é aprofundar o conhecimento acerca do comportamento do consumidor, no tocante aos serviços educacionais. Para isso, busca identificar os valores pessoais dos discentes de uma IES pública, sob a ótica da Teoria Meios-Fim. Para a coleta dos dados, foi utilizada a abordagem qualitativa, por meio da técnica de entrevista laddering. A etapa seguinte consistiu na análise de conteúdo, resultando em um conjunto de sequências atributos-consequências-valores, elaboração da Matriz de Implicação e do Mapa Hierárquico de Valores. Assim, foi possível caracterizar três potenciais segmentos de consumidores e relacionar desafios gerenciais ligados aos mesmos. Como indicação para pesquisa futura propõe-se a ampliação da discussão em outros cursos do país vinculados ao Programa Nacional de Formação em Administração Pública.
Citação ABNT:
BUENO, J. M.; BOAS, L. H. B. V.; OLIVEIRA, L. A. D. S.; SIQUEIRA, W. R.; PIMENTA, M. L. Comportamento do consumidor sob a ótica da Teoria Meios-Fim: um estudo sobre os valores pessoais dos discentes do curso de especialização em Gestão Pública. Revista Gestão & Planejamento, v. 15, n. 1, p. 80-99, 2014.
Citação APA:
Bueno, J. M., Boas, L. H. B. V., Oliveira, L. A. D. S., Siqueira, W. R., & Pimenta, M. L. (2014). Comportamento do consumidor sob a ótica da Teoria Meios-Fim: um estudo sobre os valores pessoais dos discentes do curso de especialização em Gestão Pública. Revista Gestão & Planejamento, 15(1), 80-99.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/30363/comportamento-do-consumidor-sob-a-otica-da-teoria-meios-fim--um-estudo-sobre-os-valores-pessoais-dos-discentes-do-curso-de-especializacao-em-gestao-publica/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALFINITO, S. A influência de valores humanos e axiomas sociais na escolha do consumidor: uma análise comparativa aplicada à educação superior. 2009. 146f. Tese (Doutorado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações) Universidade de Brasília, Brasília, 2009.

ALMEIDA, F. A. S.; SILVA, A. M. Educação a distância sob o enfoque do método quadripolar. In: ALMEIDA, F. A. S.; SILVA, A. M. (Org.). Metodologia aplicada à Educação a Distância. Porto, Portugal: Departamento de Jornalismo e Ciências da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Portugal; Goiás: Unidade Universitária de Educação a Distância da Universidade Estadual de Goiás, 2011.

AÑAÑA, E. S. Os valores pessoais e sua influência na avaliação dos atributos de marca: uma abordagem trans e intracultural. 2008. 204 f. Tese (Doutorado em Administração) Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2008.

BARBOSA, L. O estudo do consumo nas ciências sociais contemporâneas. In BARBOSA, L.; CAMPBELL C. Cultura, consumo e identidade. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2006.

BEARDEN, W. O.; NETEMEYER, R. G. Handbook of marketing scales. Thousand Oaks: Sage Publications, 1999.

BLACKWELL, R. D.; MINIARD, P. W.; ENGEL, J. F. Comportamento do consumidor. Tradução de Eduardo Teixeira Ayrosa. São Paulo: Cengage Learning, 2011.

CARDOSO, M. S. S. Valores dos consumidores do projeto piloto do curso de administração a distância da Universidade Federal de Uberlândia: uma análise sob a ótica da teoria meios-fim. 2010. 126 f. Dissertação (Mestrado em Administração) Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2010.

FAGEN FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS. Projeto para funcionamento de cursos de pósgraduação lato sensu. Uberlândia: UFU, 2010. Disponível em: < http://www.ead.ufu.br/file.php?file=%2F228%2Fdados%2FProjeto_Especializacao_Gestao_Publica.pdf>. Acesso em: 30 dez. 2011.

GADE, C. Psicologia do consumidor e da propaganda. 2. ed. São Paulo, EPU, 1998.

GIGLIO, E. M. O comportamento do consumidor. 2. ed. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.

GUTMAN, J. A means-end chain model based on consumer categorization process. Journal of Marketing, Chicago, v. 46, p. 60-72, apr. 1982.

GUTMAN, J. Exploring the nature of linkages between consequences and values. Journal of Business Research, New York, v. 22, n. 2, p. 143-148, mar. 1991.

HENRIQUE, J. L. Dos valores pessoais às fases de lealdade. 2009. 289 f. Tese (Doutorado em Administração) Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.

IKEDA, A. A.; VELUDO-DE-OLIVEIRA, T. M. A teoria de meios-fim: uma aplicação em marketing educacional. FACES R. Adm, v. 5, n. 1, p. 11-25, jan./abr. 2006.

IKEDA, A. A.;. Laddering em pesquisa de marketing. Cadernos EBAPE, v. VI, n. 1, p. 1-13, mar. 2008

IKEDA, A. A.;. O conceito de valor para o cliente: definições e implicações gerenciais em marketing. REAd Revista Eletrônica de Administração, v. 11, n. 2, p. 1-22, mar./abr. 2005.

KAHLE, L.; BEATTY, S. E.; HOMER, P. Alternative Measurement Approaches to consumer values: The list of Values (LOV) and Life Style (VALS). Journal of Consumer Research, v. 13, n. 3, p. 405-409, 1986.

KAMAKURA, W. A.; MAZZON, J. A. Value segmentation: a model for the measurement of values and value systems. Journal of Consumer Research, Gainesville, v. 8, n. 2, p. 208-218, 1991.

KAMINSKI, S. R.; PRADO, P. H. M.; HERNANDEZ, J. M. da C. Uma aplicação do modelo de cadeias-meiosfim (MEC) por meio da técnica padrão de associação (APT) ao consumidor de música. RAI – Revista de Administração e Inovação, v. 3, n. 1, p. 21-38, 2006.

KLERING, L. R.; KRUEL, A. J.; CASAGRANDE, L. Reflexões sobre qualificação profissional e Educação a Distância mediadas pela Internet. In: ENCONTRO DE ENSINO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE, 3., 2011, João Pessoa. Anais... João Pessoa: EnEPQ, 2011. CD-ROM.

LOMBARDI, M. F. S.; ARAUJO, B. F. V. B; TEIXEIRA, M. L. M. Os estudantes de graduação em Administração de Empresas e seus valores básicos: Um estudo em duas Universidades da cidade de São Paulo. In: ENCONTRO DE ENSINO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE, 2., 2009, Curitiba. Anais... Curitiba: EnEPQ, 2009. CD-ROM.

LUSCH, R. F.; VARGO, S. L.; TANNIRU, M. Service, value networks and learning. Journal of Academy of Marketing Science, n. 38, p. 19-31, 2010.

MACEDO, J. A. C. Marcas regionais de alimentos: a relação de valor do consumidor como determinante de compra. Dissertação (Mestrado em Administração) Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2009.

MCENALLY, M.; DE CHERNATONY, L. The Evolving Nature of Branding: consumer and managerial considerations. Academy of Marketing Science Review, v. 2, p. 1-41, 1999.

NOGUEIRA, C. M.; FERREIRA, C. F.; SILVA, R. R. C. C.; ABREU, V. F. L.; VILAS BOAS, L. H. B. Valores pessoais e percepção de atributos dos estudantes de medicina veterinária em uma instituição de ensino superior. In: ENCONTRO DE MARKETING, 5., 2012, Curitiba. Anais... Curitiba, 2012. CD-ROM.

PILATI, O. Especialização: falácia ou conhecimento aprofundado? RBPG, v. 3, n. 5, p. 7-26, jun. 2006.

PIMENTA, Márcio Lopes. Comportamento do consumidor de alimentos orgânicos na cidade de Uberlândia: um estudo com base na cadeia de meios-fins. 2008. 125 f. Dissertação (Mestrado em Administração) Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2008.

PINTO, D. C. Valores e motivação baseada na identidade: a influência da identidade no consumo responsável. 2011. 111 f. Dissertação (Mestrado em Administração) Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.

PIZZOLI, M. F. F. Semelhanças e diferenças de valores pessoais dos consumidores supermercadistas caxienses de marca própria e de marca do fabricante. 2002. 86 f. Dissertação (Mestrado em Administração) Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2002.

REYNOLDS, T. J.; GUTMAN, J. Laddering theory, method, analysis, and interpretation. Journal of Advertising Research, New York, v. 28, p. 11-31, Feb./Mar. 1988.

REYNOLDS, T.; CRADDOCK, A. The application of the MECCAS model to the development and assessment of advertising strategy: a case study. Journal of Advertising Research, p. 43-54, April/May. 1988.

ROKEACH, M. The nature of human values. New York: Free Press, 1973.

SAMPAIO, J. A. C. Comportamento do consumidor de comida japonesa: um estudo sobre atributos e valores. 2009. Dissertação (Mestrado em Administração e Controladoria) Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2009.

SCARPIN, M. R. S.; DOMINGUES, M. J. C. S.; SCARPIM, J. E. Atributos competitivos nos cursos de pósgraduação lato sensu. Revista ANGRAD, v. 12, p. 447-475, 2011.

SCHWARTZ, S. H. Universals in the content and structure of values: theory and empirical tests in 20 countries. Advances in Experimental Social Psychology, New York, v. 25, p. 1-65, 1992.

SCHWARTZ, S. H. Valores humanos básicos: seu contexto e estrutura intercultural. In: TAMAYO A.; PORTO, J. B. Valores e comportamentos nas organizações. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2005. p. 17-55.

TAMAYO, A.; PORTO, J. B. Valores comportamentais nas organizações. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2005.

TORRES, C. V.; ALLEN, M. W. Valores humanos e escolha do consumidor na Austrália e Brasil. Psicologia: Teoria e Pesquisa, v. 25, n. 4, p. 489-497, out./dez. 2009.

VALADÃO JÚNIOR, V. M. et al. Análise de convergência entre competências propostas pelos cursos de MBAs e os valores pessoais dos discentes: um estudo em uma instituição pública de ensino superior. In: ENCONTRO DE ENSINO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE, 3., 2011, João Pessoa. Anais... João Pessoa: EnEPQ, 2011. CD-ROM.

VARGO, S. L.; LUSCH, R. F. Evolving to a new dominant logic for marketing. Journal of Marketing, v. 68, p. 1-17, Jan. 2004.

VEIGA-NETO, A. R. Um estudo comparativo de formas de segmentação de mercado: uma comparação entre VALS-2 e segmentação por variáveis demográficas com estudantes universitários. RAC – Revista de Administração Contemporânea, v. 11, n.1, p. 139-161, jan./mar. 2007.

VILAS BOAS, L. H. de B. Comportamento do consumidor de produtos orgânicos: uma análise na perspectiva da teoria da cadeia de meios e fins. 2005. 222 f. Tese (Doutorado em Administração) Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.

WALKER, B.; OLSON, J. Means-end chains: Connecting products with self. Journal of Business Research, v. 22, n. 2 p. 111-118, Mar. 1991.