Cocriação de valor no ensino superior privado: uma análise etnometodológica com alunos de administração de uma universidade do sul do Brasil Outros Idiomas

ID:
31424
Resumo:
Os stakeholders que atuam no ecossistema do Ensino Superior privado possuem perspectivas de valor diferentes nas relações de troca. O entendimento de como o valor é criado pode contribuir para que ocorra uma efetiva cocriação de valor. Apesar da importância do tema para o desenvolvimento teórico da disciplina de marketing, Payne, Storbacka e Frow (2008) afirmam que pouco se conhece sobre como os consumidores se engajam na cocriação de valor. A questão que se coloca é por que as pesquisas realizadas até agora não respondem como esse processo da cocriação de valor pode ser gerenciado de forma a adequadamente atender as expectativas dos quatro principais públicos em termos acadêmicos (estudantes, professores, instituições de ensino e governo)? Nessa perspectiva, o presente estudo teve por objetivo aprofundar o entendimento dessa questão no contexto específico de uma Universidade, por meio da utilização da técnica das vignettes, situada no paradigma interpretacionista de ciência, mediante abordagem de Etnometodologia. Apesar de considerar apenas uma instituição, o estudo proporciona insights das práticas de cocriação no ensino superior e na formação de sentido pelos estudantes. Uma das considerações finais do estudo é que a predominância do valor funcional interfere na obtenção do valor epistêmico e social em múltiplas perspectivas.
Citação ABNT:
BRAMBILLA, F. R.; DAMACENA, C. Cocriação de valor no ensino superior privado: uma análise etnometodológica com alunos de administração de uma universidade do sul do Brasil. Administração: Ensino e Pesquisa, v. 13, n. 3, p. 455-455, 2012.
Citação APA:
Brambilla, F. R., & Damacena, C. (2012). Cocriação de valor no ensino superior privado: uma análise etnometodológica com alunos de administração de uma universidade do sul do Brasil. Administração: Ensino e Pesquisa, 13(3), 455-455.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/31424/cocriacao-de-valor-no-ensino-superior-privado--uma-analise-etnometodologica-com-alunos-de-administracao-de-uma-universidade-do-sul-do-brasil/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ABRANTES, J. L.; SEABRA, C.; LAGES, L. F. Pedagogical Affect, Student Interest, and Learning Performance. Journal of Business Research,v. 60, n. 9, p. 960-964, 2007.

ALVES, H.; RAPOSO, M. Conceptual Model of Student Satisfaction in Higher Education. Total Quality Management,v. 18, n. 5, p. 571-588, 2007.

ATHANASIOU, A. Developing Learner Autonomy through Collaborative Learning in a Higher Education Context. Journal of Business and Society,v. 20, n.1, p. 115-129, 2007.

BENDAPUDI, N.; LEONE, R. P. Psychological implications of customer participation in co-production. Journal of Marketing, v. 67, n. 1, p. 14-28, 2003.

BORUCHOVITCH, E. Escala de Motivação para Aprender de Universitários (EMA-U): Propriedades Psicométricas. Avaliação Psicológica, v. 7, n. 2, p. 127-134, 2008.

BROCKMEIER, J.; HARRÉ, R. Narrativa: Problemas e Promessas de um Paradigma Alternativo. Psicologia: Reflexão e Crítica, v. 16, n. 3, p. 525-535, 2003.

BURRELL, G.; MORGAN, G. Sociological Paradigms and Organisational Analysis. Aldershot, England: Ashgate, 1979.

CAROLILLO, G.; CORTESE, F.; DONATO, D. L’etnometodologia: Profili Teorici Ed Ambiti Applicativi. Dipartimento di Scienze Economico-Aziendali, Giuridiche, Merceologiche e Geografiche: Università degli Studi di Foggia. Quaderno,n. 2, p. 1-28, 2008.

CHIRKOV, V. I. A Cross-Cultural Analysis of Autonomy in Education: A Self Determination Theory Perspective. Theory and Research in Education,v. 7, n. 2, p. 253-262, 2009.

CHUNG, E.; McLARNEY, C. The Classroom as a Service Encounter: Suggestions for Value Creation. Journal of Management Education,v. 24, n. 4, p. 484-500, 2000.

CLEGG, S. R.; STARBUCK, W. H. Can We Still Fix Management? The Narrow Path towards a Brighter Future in Organizing Practices. Management, v. 12, n. 5, p. 332359, 2009.

COLOSSI, N.; CONSENTINO, A.; QUEIROZ, E. Mudanças no Contexto do Ensino Superior no Brasil: Uma Tendência ao Ensino Colaborativo. Revista da FAE, v. 4, n. 1, p. 49-58, 2001.

COSTA, F. J. da. A Influência do Valor Percebido pelo Cliente sobre os Comportamentos de Reclamação e Boca a Boca: Uma Investigação em Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu. Tese (Doutorado em Administração) –Fundação Getúlio Vargas – Escola de Administração de Empresas de São Paulo, 2007.

COSTA, F. J. da; LIMA, D. P.; ANDRADE, R. J. C. An Analysis of Business Administration Students Interest in the Area of Production and Operations. Journal of Operations and Supply Chain Management,v. 1, n. 2, p. 89-101, 2008.

COSTA, F. J. da; MOTA, K. C. N. Valor Percebido no Curso, Percepção do Prestígio e Identificação com a Profissão: Uma Análise Junto a Estudantes de Turismo. In: SEMINÁRIO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM TURISMO, 5., 2008, Belo Horizonte. Anais... Belo Horizonte, [s.n.], 2008.

COSTA, F. J. da; OLIVEIRA, L. G. L. Valor Percebido no Curso, Percepção do Prestígio e Identificação com a Profissão: Uma Análise Junto a Estudantes de Administração e Contabilidade. Revista de Administração da UFSM, v. 1, n. 3, p. 453-468, 2008.

COSTA, F. J. da; SOARES, A. A. C.; BRASILEIRO, A. de S. B. Formação em Administração na Perspectiva do Aluno: Valor Percebido no Curso, Percepção do Prestígio e Identificação com a Profissão. In: ENCONTRO DE ENSINO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE, 1., 2007, Recife. Anais…[s.n.], 2007.

COSTA, F.J. da. Formação em Administração na Perspectiva do Aluno: Valor Percebido no Curso, Percepção do Prestígio e Identificação com a Profissão. Revista Ciências Administrativas, v. 14, n. 1, p. 151-163, 2008.

COSTA, F.J. da. Formação em Turismo na Perspectiva do Estudante: Valor Percebido no Curso, Percepção de Prestígio e Identificação com a Profissão. Revista Turismo: Visão e Ação, v. 11, n. 1, p. 3-22, 2009.

COSTA, F.J. da; OLIVEIRA, L. G. L.; OLIVEIRA, D. M. de. Valor Percebido no Curso, Percepção do Prestígio e Identificação com a Profissão: Uma Análise Junto a Estudantes da Área de Negócios. In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, 32.,2008, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: [s.n.], 2008.

CROPANZANO, R.; MITCHELL, M. S. Social Exchange Theory: An Interdisciplinary Review. Journal of Management, v. 31, n. 6, p. 874-900, 2005.

DAFT, R. L.; WEICK, K.E. Por um Modelo de Organização Concebido como Sistema Interpretativo. Revista de Administração de Empresas, v. 45, n. 4, p. 73-86, 2005.

DEBNATH, S.C.; TANDON, S.; POINTER, L.V. Designing Business School Courses to Promote Student Motivation: An Application of the Job Characteristics Model. Journal of Management Education,v. 31, n. 6, p. 812-831, 2007.

DeSHIELDS Jr., O.W.; KARA, A.; KAYNAK, E. Determinants of Business Student Satisfaction and Retention in Higher Education: Applying Herzberg’s Two-Factor Theor y. International Journal of Education Management,v. 19, n. 2, p. 128-139, 2005.

DONG, B.; EVANS, K.R.; ZOU, S. The Effects of Customer Participation in Co Created Service Recovery. Journal of Academy of Marketing Science, v. 36, n.1, p.123137, 2008.

DUTRA,E. A Narrativa como uma Técnica de Pesquisa Fenomenológica. Estudos de Psicologia, v. 7, n. 2, p. 371-378, 2002.

EDVARDSSON, B.; TRONVOLL, B.; GRUBER, T. Expanding Understanding of Service Exchange and Value Co-Creation: A Social Construction Approach. Journal of the Academy of Marketing Science,v. 39, n. 2, p. 327-339, 2011.

FARANDA, W. T.; CLARKE III, I. Student Observations of Outstanding Teaching: Implications for Marketing Educators. Journal of Marketing Education, v. 26, n. 3, p. 271281, 2004.

FASSINGER, P.A. Understanding Classroom Interaction: Students’ and Professors’ Contributions to Students’ Silence. Journal of Higher Education, v. 66, n. 1, p. 82-96, 1995.

FINCH, J. E.; TROMBLEY, C. M.; RABAS, B. J. The Role of Multiple Consumption Values in Consumer Cooperative Patronage: An Application of the Theory of Market Choice Behavior. Journal of Marketing Management, v. 8, n. 1, p. 44-56, 1998.

FINCH, J.E. The Impact of Personal Consumption Values and Beliefs on Organic Food Purchase Behavior. Journal of Food Products Marketing,v. 11, n. 4, p. 63-76, 2005.

GARCIA, J. Avaliação e Aprendizagem na Educação Superior. Estudos em Avaliação Educacional,v. 20, n. 43, p. 201-213, 2009.

GARFINKEL, H. Estudios en Etnometodología. Barcelona: Anthropos, 2006.

GRANITZ, N. A.; KOERNIG, S. K.; HARICH, K. R. Now It’s Personal: Antecedents and Outcomes of Rapport between Business Faculty and their Students. Journal of Marketing Education,v. 31, n. 1, p. 52-65, 2009.

GRANOVETTER, M. Ação Econômica e Estrutura Social: O Problema da Imersão. RAE Eletrônica, v. 6, n. 1, p. 1-40, 2007.

GUMMESSON, E. Extending the Service-Dominant Logic: From Customer Centricity to Balanced Centricity. Journal of the Academy of Marketing Science,v. 36, n.1, p. 15-17, 2008.

HALBESLEBEN, J.R.B.; WHEELER, A.R. Student Identification with Business Education Models: Measurement and Relationship to Educational Outcomes. Journal of Management Education,v. 33, n. 2, p. 166-195, 2009.

HERITAGE, J. C. Etnometodologia. In: GIDDENS, A.; TURNER, J. (Orgs.). Teoria Social Hoje. São Paulo: UNESP, 1999.

HOMANS, G.C. As Pesquisas na Western Electric. In: BALCÃO, Y.; CORDEIRO, L. O Comportamento Humano na Empresa. 3.ed. Rio de Janeiro: FGV, 1977.

JENKINS, N.; BLOOR, M.; FISCHER, J.; BERNEY, L.; NEALE, J. Putting in the Context: The Use of Vignettes in Qualitative Interviewing. Qualitative Research,v.10, n. 2, p.175198, 2010.

JOHNSON, M. D.; SELNES, F. Customer Portfolio Management: Toward a Dynamic Theory of Exchange Relationships. Journal of Marketing,v. 68, n.1, p. 1-17, 2004.

KARNS, G. L. An Update of Marketing Student Perceptions of Learning Activities: Structure, Preferences, and Effectiveness. Marketing Education,v. 27, n. 2, p. 163-171, 2005.

KARNS, G. L. Learning Style Differences in the Perceived Effectiveness of Learning Activities. Journal of Marketing Education, v. 28, n. 1, p. 56-63, 2006.

KIRSCHBAUM, C.; HOELZ, J. C. Mecanismos Mediadores entre Controle e Confiança. In: ENCONTRO DE ESTUDOS ORGANIZACIONAIS, 6., 2010. Anais...Florianópolis/ SC: ANPAD, 2010.

KOTZÉ, T. G.; PLESSIS, P. F. Students as “Co-Producers” of Education: A Proposed Model of Student Socialization and Participation at Tertiary Institutions. Quality Assurance in Education, v. 11, n. 4, p. 186-201, 2003.

LOPES, F.T.; MAGESTE, G.de S. Pedagogia Crítica: Repensando o Ensino de Estudos Organizacionais. In: ENCONTRO DE ESTUDOS ORGANIZACIONAIS, 5.,Anais... Belo Horizonte: ANPAD, 2008.

LUSCH, R. F. Marketing’s Evolving Identity: Defining Our Future. Journal of Public Policy & Marketing,v. 26, n. 2, p. 261-268, 2007.

LUSCH, R. F. The Small and Long View. Journal of Macromarketing,v. 26, n. 2, p. 240-244, 2006.

OLIVEIRA, B. A. de. O Trabalho Educativo: reflexões sobre paradigmas e problemas do pensamento pedagógico brasileiro. Campinas: Autores Associados, 1996.

PAIXÃO, A. L. A Etnometodologia e o Estudo do Poder: Notas Preliminares. Anal. & Conj.,v. 1, n. 2, p. 93-110, 1986.

PAYNE, A.F.; STORBACKA, K.; FROW, P. Managing the co-creation of value. Journal of the Academy of Marketing Science, v. 36, n. 1, p. 83-96, 2008.

PINI, F. M. The Role of Customers in Interactive Co-Creation Practices: The Italian Scenario. Journal of Know Techn Pol, v. 22, n.1, p. 61-69, 2009.

PRAHALAD, C.K.; RAMASWAMY, V. Co-creating unique value with customers. Strategy & Leadership,v. 32, n. 3, p. 4-9, 2004.

QIAN, B. Expectation, Service Quality, and Satisfaction in Higher Education: School of Management Strategic Marketing Group. MSc Theses (School of Management: Master of Science). Supervisor: Paul Baines. Cranfield University,p. 1-95, September, 2006.

RAMÍREZ, R. Value Co-Production: Intellectual Origins and Implications for Practice and Research. Strategic Management Journal,v. 20, n.1, p. 49-65, 1999.

RAMSEY, V. J.; FITZGIBBONS, D. E. Being in the Classroom. Journal of Management Education, v. 29, n. 2, p. 333-356, 2005.

REEVE, J. M.; HALUSIC, M. How K-12 Teachers can put Self-Determination Theory Principles into Practice. Theory and Research in Education,v. 7, n. 2, p. 145-154, 2009.

SACRINI, M. Da Fenomenologia à Etnometodologia: Entrevista com Kenneth Liberman. Scientia e Studia,v. 7, n. 4, p. 669-679, 2009.

SHETH, J. N.; NEWMAN, B. I.; GROSS, B. L. Why We Buy What We Buy: A Theory of Consumption Values. Journal of Business Research,v. 22, n.1, p. 159-170, 1991.

SIERRA, J. J. Shared Responsibility and Student Learning: Ensuring a Favorable Educational Experience. Journal of Marketing Education,v. 32, n. 1, p. 104-111, 2010.

SILVA, M. Educação na Cibercultura: O Desafio Comunicacional do Professor Presencial e Online. Revista FAEEBA,v. 12, n. 20, p. 261-271, 2003.

SMITH, V. H.; SPERB, T. M. A Construção do Sujeito Narrador: Pensa-mento Discursivo na Etapa Personalista. Psicologia em Estudo,v. 12, n. 3, p. 553-562, 2007.

VARGO, S. L. Customer Integration and Value Creation: Paradigmatic Traps and Perspectives. Journal of Service Research,v. 11, n. 2, p. 211-215, 2008.

VARGO, S. L. On a Theory of Markets and Marketing: From Positively Normative to Normatively Positive. Australasian Marketing Journal,v.15, n.1, p. 53-60, 2007.

VARGO, S. L. Toward a Transcending Conceptualization of Relationship: A Service Dominant Logic Perspective. Journal of Business & Industrial Marketing, v. 24, n.5/6, p. 373-379, 2009.

VARGO, S. L.; LUSCH, R. F. Evolving to a New Dominant Logic for Marketing. Journal of Marketing,v. 68, p. 1-17, 2004.

VARGO, S. L.; LUSCH, R. F. Service-Dominant Logic: Continuing the Evolution. Journal of the Academy of Marketing Science,v. 36, p. 1-10, 2008.

VARGO, S. L.; MAGLIO, P. P.; AKAKA, M. A. On Value and Value Co-Creation: A Service Systems and Service Logic Perspective. European Management Journal,v. 26, n.1, p.145-152, 2008.

VERGARA, S. C.; CALDAS, M. P. Paradigma Interpretacionista: A Busca da Superação do Objetivismo Funcionalista nos Anos 1980 e 1990. Revista de Administração de Empresas,v. 45, n. 4, p. 66-72, 2005.

VOSS, R.; GRUBER, T.; SZMIGIN, I. Service Quality in Higher Education: The Role of Student Expectations. Journal of Business Research,v. 60, n. 9, p. 949-959, 2007.

YOUNG, M. R. The Motivational Effects of the Classroom Environment in Facilitating SelfRegulated Learning. Journal of Marketing Education, v. 27, n. 1, p. 25-40, 2005.