Adoção de inovações em empresas de pequeno e médio portes: estudo de casos múltiplos em negócios hoteleiros na cidade de Aracaju Outros Idiomas

ID:
31692
Resumo:
Nas empresas de serviços, especialmente as do setor de turismo, inovar é condição essencial para a sobrevivência. Este estudo teve como objetivo identificar os tipos de inovação adotados pelas empresas hoteleiras de pequeno e médio porte da cidade de Aracaju (SE), com base na tipologia de inovações da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE, 2005). A estratégia de pesquisa adotada foi a de estudo de casos múltiplos: foram analisados seis casos de hotéis/pousadas de pequeno e médio porte localizados na cidade de Aracaju (SE). Para coletar os dados, foram realizadas entrevistas semiestruturadas com os proprietários dos hotéis/pousadas. A partir da análise dos dados, foi possível verificar que essas empresas estão buscando inovar de diversas formas, e que as inovações implementadas incluem os quatro tipos definidos pela OCDE (2005). Vale destacar a adoção de medidas sustentáveis que proporcionam redução de custos e maior satisfação dos clientes.
Citação ABNT:
SACRAMENTO, P. M.; TEIXEIRA, R. M. Adoção de inovações em empresas de pequeno e médio portes: estudo de casos múltiplos em negócios hoteleiros na cidade de Aracaju. Revista Organizações em Contexto, v. 10, n. 19, p. 1-30, 2014.
Citação APA:
Sacramento, P. M., & Teixeira, R. M. (2014). Adoção de inovações em empresas de pequeno e médio portes: estudo de casos múltiplos em negócios hoteleiros na cidade de Aracaju. Revista Organizações em Contexto, 10(19), 1-30.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/31692/adocao-de-inovacoes-em-empresas-de-pequeno-e-medio-portes--estudo-de-casos-multiplos-em-negocios-hoteleiros-na-cidade-de-aracaju/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ABIH – Sergipe registra maior média de ocupação Hoteleira de todos os Tempos 2012. Disponível em: < http://www.abih-se.com.br/noticias:1265/sergipe-registra-maior-media-de-ocupacao-hoteleira-de-todos-os-tempos.html>. Acesso em 01 abr. 2012.

ALVARES, D.; LOURENÇO, J. Inovações com incidência direta na atividade turística: uma análise dos destinos de Ouro Preto-MG e Salvador-BA. Revista de Cultura e Turismo,Ilhéus/ BA, v. 5, p. 33-43, 2011.

ALVES, S. Estratégias de inovação em mercados maduros: um olhar a partir do segmento de serviços de hotelaria. In: SEMINÁRIO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM TURISMO, 8., 2011, Balneário Camboriú. Anais… São Paulo: Aleph, 2011.

ARAUJO, J. B.; ZILBER, S. N. Adoção de e-business e reflexos no modelo de negócios: inovação organizacional em pequenas empresas dos setores de comércio e serviços. In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, 35., 2011, Rio de Janeiro. Anais… Rio de Janeiro: ENANPAD, 2011.

ASN – Agência Sergipe de Notícias. Sergipe comemora aumento no fluxo turístico em 2012. 2012. Disponível em: . Acesso em: 25 abr. 2013.

BARBIERI, J. C. et al. Inovação e sustentabilidade: novos modelos e proposições. Revista de Administração de Empresas,São Paulo, v. 50, n. 2, p. 146-154, 2010.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BENI, M. C. Globalização do turismo: megatendências do setor e a realidade brasileira. 2. ed. São Paulo: Aleph, 2003.

BHASKARAN, S. Incremental innovation and business performance: Small and medium size food enterprises. A Concentrated Industry Environment. Journal of Small Business, v. 44, n. 1, p. 64-80, 2006.

BRASIL. Ministério do Turismo. Sistema brasileiro de classificação de meios de hospedagem. s.d. Disponível em: . Acesso em: 03 fev. 2014.

CAMARGO, L. O. de L. Os domínios da hospitalidade. In: DENCKER, A. de F. M.; BUENO, M. S. (Orgs.). Hospitalidade: cenários e oportunidades. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2003.

CAMPOS, L. B. P. Análise multi-casos das dimensões da inovação em empresas de pequeno porte. In: ENANPAD – ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, 35., 2011, Rio de Janeiro. Anais… Rio de Janeiro: ANPAD, 2011.

CEEAPIA. Centro de Estudos de Economia Aplicada do Atlântico.

CRESWELL, John W. Research design: Qualitative, quantitative and mixed methods approaches. 3rd. ed. Thousand Oaks: Sage, 2009.

CRUZ, R. O empreendedor no processo de inovação de pequenas empresas de software do Rio Grande do Sul. In: EGEPE – ENCONTRO DE ESTUDOS SOBRE EMPREENDEDORISMO E GESTÃO DE PEQUENAS EMPRESAS. 2003, Brasília. Anais… Brasília: UEM/UEL/UnB, 2003.

DAMANPOUR, F. Organization innovation: a meta analysis of effects of determinants and moderators. Academy of Management Journal, v. 34, p. 355-390, 1991.

DAVENPORT, T. H. Reengenharia de processos. Rio de Janeiro: Campus, 1994.

DE CONTO, S. Gerenciamento de resíduos sólidos em meios de hospedagem. In: TRIGO, L. G. G. (Org.). Análises regionais e globais do turismo brasileiro. São Paulo: Roca, 2005.

EISENHARDT, K. Building theories from case study research. Academy of Management Review,v. 14, n. 4, p. 532-550, 1989.

FERNANDES PEREIRA, M. et al. Fatores de inovação para a sobrevivência das micro e pequenas empresas no Brasil. RAI Revista de Administração e Inovação, São Paulo, v. 6, n. 1, 2009.

FERREIRA, S. S.; CUNHA. J. C. A capacitação tecnológica das indústrias de louças de mesa de Campo Largo. Revista de Administração Mackenzie, São Paulo, v. 9, n. 2, p. 31-57, 2008.

FIRMINO, M. B. Turismo: organização e gestão. Lisboa: Escolar, 2007.

FITZSIMMONS, J. A.; FITZSIMMONS, M. J. Administração de serviços: operações, estratégia e tecnologia da informação. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

FLORES, L. C. da S.; CAVALCANTE, L. de S.; RAYE, R. L., Marketing turístico: estudo sobre o uso da tecnologia da informação e comunicação nas agências de viagens e turismo de Balneário Camboriú (SC, Brasil). Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo, São Paulo, v. 6, n. 3, p. 322-339, set.-dez. 2012.

FREEMAN, C. The economics of industrial innovation. 2. ed. London: Pinter, 1989.

FREEMAN, C. The Economics of technical change. Cambridge Journal of Economics, n. 18, p. 463-514, 1994.

GALBRAITH, J. K. American capitalism: The concept of countervailing power. Boston: Houghton Mifflin, 1956.

GOMES, C. M.; KRUGLIANSKAS, I. A influência do porte no comportamento inovador da empresa. RAI: Revista de Administração e Inovação,São Paulo, v. 6, n. 2, p. 5-27, 2009.

GOMES, R. R. Tecnologia da informação e o processo de gestão da inovação: um estudo de caso de uma empresa de serviços de TI em Aracaju/SE. In: EGEPE ENCONTRO DE ESTUDOS SOBRE EMPREENDEDORISMO E GESTÃO DE PEQUENAS EMPRESAS, 7., 2012, Florianópolis. Anais… Florianópolis: ANEGEPE, 2012.

GORNI, P. M.; DREHER, M. T.; MACHADO, D. P. N. Inovação em serviços turísticos: a percepção desse processo em agências de viagens. Revista Acadêmica Observatório de Inovação do Turismo, Rio de Janeiro, v. 4, p. 1-14, 2009.

GOUVÊA, A. B. C. T.; SILVEIRA, A.; MACHADO, H. V. Compreensões do empreendedorismo e do exercício do papel por mulheres empreendedoras. In: EMPREENDEDORISMO E ESTRATÉGIA DE EMPRESAS DE PEQUENO PORTE, 2., 2009, Curitiba. Anais… Curitiba: Pontifícia Universidade Católica do Paraná, 2009.

Grau de inovação das pequenas e médias empresas nas regiões periféricas da Guarda e Açores. Working Paper, Portugal, n. 10, dez. 2010.Disponível em: < http://www.ceeapla.uac. pt/index.php?static=wps&pg=6>. Acesso em: 30 mai. 2014.

HALL, C. M. Innovation and tourism policy in Australia and New Zealand: Never the twain shall meet? Journal of Policy Research in Tourism Leisure and Events, v., n. 1 , p. 2-18, 2009.

HJALAGER, A. M. A review of innovation research in tourism. Tourism Management, v. 31, n. 1, p. 1-12, 2010.

HONMA, E. T.; TEIXEIRA, R. M. Competências empreendedoras em hotéis de pequeno porte: estudo de múltiplos casos em Curitiba, Paraná. Revista Turismo Visão e Ação [eletrônica]. Balneário do Camboriú, v. 13, n. 1, p. 52-80, 2011. Disponível em: < http://www6.univali.br/ seer/index.php/rtva/article/view/1993/1864> Acesso em: 20 dez 2012.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pesquisa de inovação tecnológica – Pintec, Rio de Janeiro, 2008.

JOÃO, B. N. et al. Inovação de valor: o caso Citizenm Hotels. Turismo: Visão e Ação [online]. Balneário do Camboriú. v. 13, p. 299-310, 2011. Disponível em:< http://www6.univali.br/seer/ index.php/rtva/article/view/2627/2069>. Acesso em: 30 mai. 2014.

KLEMENT, C. F. F. Serviços em hotelaria: estudo de casos sobre inovação em hospitalidade. In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, 34., 2010, Rio de Janeiro. Anais… Rio de Janeiro: ENANPAD, 2010.

KLEMENT, C. F. F.; YU, A. S. O. Inovação em serviços: estudo de casos de inovação tecnológica em uma organização hoteleira. In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO, 32., 2008, Rio de Janeiro. Anais… Rio de Janeiro: ANPAD, 2008.

LA ROVERE, R. L.; MEDEIROS, J. R., Gestão da inovação em pequenas e médias empresas: um estudo de caso. In: SIMPÓSIO DE GESTÃO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA, 21., 2000, São Paulo. Anais… São Paulo:ANPAD, 2000.

LAFORET, S; TANN, J. Innovative characteristics of small manufacturing firms. Journal of Small Business and Enterprise Development, v. 13 n. 3, p. 363-380, 2006.

MATTSSON, J.; SUNDBO, J.; JENSEN, C. F. Innovation systems in tourism: The roles of attractors and scene-takers. Industry and Innovation, Sydney, v. 12, n. 3, p. 357, 2005.

MORAES, A. G. Tecnologia de informação nas agências de turismo: uma análise de como as agências estão utilizando esse recurso para se manter competitiva. Pasos: Revista de Turismo y Patrimonio Cultural (Online). v. 5, p. 163-173, 2007.

MOREIRA, D. A.; QUEIROZ, A. C. S. Inovação: conceitos fundamentais. In: MOREIRA, D. A.; SPOLIDORO, A. C. Q. (Orgs.). Inovação organizacional e tecnológica. São Paulo: Thomson Learning, 2006, p. 1-22. v. 1.

MOURA, G. L. et al. Aprendizado em redes e processo de inovação dentro de uma empresa: o caso Mextra. RAE Eletrônica (online). v. 7, n. 1, jan.-jun. 2008.

NODARI, C. H.; DORION, E.; DAL BÓ, G.; OLEA, P. M.; SEVERO, E. A. Innovation in services: Cases of Brazilian manufacturing industries. African Journal of Business Management, Nigéria, v. 6, p. 286-296, 2012.

NORA, L. D. D.; SILUK, J. C. M. Proposta de diagnóstico da inovação e competitividade no setor de serviços. RACE: Revista de Administração, Contabilidade e Economia,Joaçaba-SC v. 10, p. 7-30, 2011.

OCDE – Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico. Manual de Oslo. Proposta de diretrizes para coleta e interpretação de dados sobre inovação tecnológica. 2004. Disponível em: . Acesso em: 22 mai. 2012.

OLIVEIRA , C. Turismo sergipano: grande propulsor da economia e do desenvolvimento. ASN – Agência Sergipe de Notícias. 14 jan. 2013. Disponível em: . Acesso em: 25 abr. 2013.

OLIVEIRA, M. F. Aprendizagem e inovação nas pequenas empresas: um estudo multicasos no arranjo produtivo local do setor do vestuário de Cianorte-PR. 2008. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção) – Programa de Pós Graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, São Paulo.

OMT – Organização Mundial do Turismo. Relatório anual: um ano de recuperação. World Tourism Barometer 2011. Disponível em: . Acesso em: 12abr. 2012.

OTTENBACHER, M. C. Innovation management in the hospitality industry: Different strategies for achieving success. Journal of Hospitality & Tourism Research, v. 31, n. 4, p. 431-454. 2007.

PACAGNELLA JÚNIOR, A. C. et al. Influências no desempenho inovador do setor de bens de capital: uma análise na indústria paulista. READ Revista Eletrônica de Administração,Porto Alegre, v. 16, n. 2, 2010. Disponível em: < http://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/ view/38850/25022>. Acesso em: 15 jan. 2013.

PAYÉS, M. A. M.; ROQUE DA SILVA, O.; TEIXEIRA, R. D. Inovação, conhecimento e competitividade. In: SIMPÓSIO DE GESTÃO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA, 25., 2008, Brasília. Anais… Brasília: ANPAD, 2008.

QUEIROZ, T. R.; PIGATTO, G. A. S.; SCALCO, A. R. Inovações tecnológicas e redes de cooperação na produção de acerola da Nova Alta Paulista. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, Taubaté, v. 8, n. 1, p. 165-197, 2012.

RUSCHMANN, D.; SOLHA, K. T. Turismo: uma visão empresarial. Barueri: Manole, 2003.

SANTOS, S. Y.; OLAVE, M. E. L. Condicionantes de inovação tecnológica em processos em pequenas e medias empresas alimentícias em Aracaju/Se. In: EGEPEENCONTRO DE ESTUDOS SOBRE EMPREENDEDORISMO E GESTÃO DE PEQUENAS EMPRESAS, 7., 2012, Florianópolis. Anais… Florianópolis: Anegepe, 2012.

SCHUMPETER, J. A. Teoria do desenvolvimento econômico: uma investigação sobre lucros, capital, crédito, juro e o ciclo econômico. São Paulo: Abril Cultural, 1982. (Coleção: Os Economistas).

SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Anuário do trabalho na micro e pequena empresa: 2010-2011. 4. ed. Brasília: Sebrae/Dieese, 2011a.

SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Taxa de sobrevivência das empresas no Brasil. Brasília: Sebrae, 2011b.

SELA, V. M. et al. Empreendedorismo e Inovação: um estudo sobre a gestão de um empreendimento de sucesso no ramo alimentício. In: SIMPÓSIO DE GESTÃO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA, 25., 2008, Brasília. Anais… Brasília/DF:ANPAD, 2008.

SETUR-SE. Turismo em Sergipe tem crescimento recorde este ano, 2011. Disponível em: Acesso em: 01 abr. 2012.

SILVA NETO, A. T.; TEIXEIRA, R. M. Mensuração do grau de inovação de micro e pequenas empresas: estudo em empresas da cadeia têxtil confecção em Sergipe. RAI Revista de Administração e Inovação , São Paulo, v. 8, n. 3, p. 205-229, 2011.

SILVA, A. et al. Inovação nas pequenas, médias e grandes empresas: vantagens e desvantagens. IN: ENEGEP ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 23., 2003, Ouro Preto. Anais… Ouro Preto: UFOP, 2003.

SILVA, M. E.; SOUSA, I. G.; FREITAS, L. S. Processo de inovação: um estudo no setor moveleiro de Campina Grande PB. RAI: Revista de Administração e Inovação, São Paulo, v. 9, p. 257-279, 2012.

SPERB, M. P.; TEIXEIRA, R. M. Turismo sustentável e gestão ambiental em meios de hospedagem: o caso da Ilha do Mel, Paraná. Observatório de Inovação do Turismo, Rio de Janeiro, v. 3, n. 4, dez. 2008.

STEVENS, E.; DIMITRIADIS, S. Managing the new service development process: Towards a systemic model. European Journal of Marketing, v. 39, n. 1/2, p. 175-198, 2005.

SUNDBO, J.; ORFILA-SINTES, F.; SØRENSEN, F. The innovative behavior of tourism firms: Comparative studies of Denmark and Spain. Research Policy, Denmark, v. 36, p. 88-106, 2007.

TEIXEIRA, R. M. Competências empreendedoras em hotéis de pequeno porte em Curitiba, Paraná: análise das competências necessárias e desejadas e formas de aprendizagem de proprietários e gestores. In: SEMINÁRIO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM TURISMO, 7., 2010, São Paulo. Anais… São Paulo: Universidade Anhembi Morumbi/UAM, 2010.

TEIXEIRA, R. M. Diagnóstico de pequenos negócios hoteleiros em Sergipe. In: TRIGO, L. G. G. (Ed.). Análises regionais e globais do turismo brasileiro. São Paulo: Roca, 2005.

TEIXEIRA, R. M. O processo de criação de novos negócios em turismo: estudo de casos múltiplos em agências de viagens em Curitiba, Paraná. Revista Turismo em Análise, São Paulo, v. 23, n. 2, p. 464-483, ago. 2012.

TIDD, J.; BESSANT, J.; PAVITT, K. Gestão da inovação. Porto Alegre: Bookman, 2008.

TÖPKE, D. R.; VIDAL, M. P.; SOARES, R. Hotelaria sustentável: preocupação com a comunidade local ou diferencial competitivo? Revista Acadêmica Observatório de Inovação do Turismo,Rio de Janeiro, v. 6, n. 3, p. 1-21, 2011.

VAN de VEN, A. Central problems in the management of innovation. Management Science, Minneapolis, v. 32, n. 5, p. 590-607. May. 1986.

VIEIRA, M. M. F. Por uma boa pesquisa (qualitativa) em administração. In: VIEIRA, M. M. F.; ZOUAIN, D. M. (Orgs.). Pesquisa qualitativa em administração. Rio de Janeiro: FGV, 2004. p. 13-28.

WEIDENFELD, A.; WILLIAMS, A. M.; BUTLER, R. W. Knowledge transfer and innovation among attractions. In: Annals of Tourism Research, United Kingdom v. 37, n. 3, p. 604–626, 2010.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e método. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

YU, A. S. O.; KLEMENT, C. F. F. Inovação na indústria hoteleira: complementação entre inovações tecnológicas e inovações baseadas em serviços. Revista Acadêmica Observatório de Inovação do Turismo, Rio de Janeiro, v. I, p. 2, 2006.

ZORTEA-JOHNSTON, E; DARROCH, J; MATEAR, S. Business orientations and innovation in small and medium sized enterprises. International Entrepreneurship and Management Journal, v. 8, p. 145–164, 2011.