Produção acadêmica dos temas Governança Corporativa e Sustentabilidade: uma análise dos últimos 14 anos nos periódicos internacionais Outros Idiomas

ID:
32095
Resumo:
Este artigo mapeou o perfil e a produção acadêmica dos temas Governança Corporativa e Sustentabilidade em conjunto, durante o período de 2000 a 2013, nos periódicos internacionais nas áreas de Administração, Contabilidade, Economia, Finanças e Turismo. Metodologicamente, utilizaram-se as técnicas de análise bibliométrica, como também a estatística descritiva nos 58 artigos identificados. Realça-se também que a análise de redes foi trabalhada também enfatizando os atributos de densidade e centralidade. Os principais resultados foram: aproximadamente 69% das publicações foram realizadas em parceria; Anwar, Cvelbar, Galbreath, Lazonick e Mulyadi foram os autores mais profícuos; as Universidades de Curtin e Cambridge foram as que mais publicaram; os países que se destacaram neste estudo foram Austrália, EUA e Inglaterra. Observou-se baixa densidade das redes sociais analisadas neste estudo. E os temas mais abordados foram a responsabilidade social corporativa, disclosure, valor aos acionistas, desempenho organizacional, conselho de administração, desenvolvimento sustentável, ética, auditoria e estrutura de capital.
Citação ABNT:
RIBEIRO, H. C. M.Produção acadêmica dos temas Governança Corporativa e Sustentabilidade: uma análise dos últimos 14 anos nos periódicos internacionais. Revista Economia & Gestão, v. 14, n. 35, p. 5-34, 2014.
Citação APA:
Ribeiro, H. C. M.(2014). Produção acadêmica dos temas Governança Corporativa e Sustentabilidade: uma análise dos últimos 14 anos nos periódicos internacionais. Revista Economia & Gestão, 14(35), 5-34.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/32095/producao-academica-dos-temas-governanca-corporativa-e-sustentabilidade--uma-analise-dos-ultimos-14-anos-nos-periodicos-internacionais/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALVARES, E.; GIACOMETTI, C.; GUSSO, E. Governança corporativa: um modelo brasileiro. Access Online via Elsevier, 2008.

ARAS, G.; CROWTHER, D. Governance and Sustainability: an Investigation into the Relationship between Corporate Governance and Corporate Sustainability. Management Decision, USA, v. 46, n. 3, p. 433-448, 2008.

BASSETTO, L. I. A incorporação da responsabilidade social e Sustentabilidade: um estudo baseado no relatório de gestão 2005 da companhia paranaense de energia – COPEL. Gestão & Produção, São Paulo, v. 17, n. 3, p. 639-651, 2010.

BERARDI, P. C. A evolução do conceito de Governança Corporativa à luz da ética: uma análise longitudinal. 2008. 149 p. Dissertação (Mestrado em Administração de Empresas) – Fundação Getulio Vargas, São Paulo, 2008.

BERTUCCI, J L de O.; BERNARDES, P.; BRANDÃO, M. M. Políticas e práticas de Governança Corporativa em empresas brasileiras de capital aberto. Revista de Administração da USP, São Paulo, v. 41, n. 2, p. 183-196, 2006.

BEUREN, I. M.; SOUZA, J. C. de. Em busca de um delineamento de proposta para classificação dos periódicos internacionais de contabilidade para o Qualis Capes. Revista Contabilidade & Finanças, São Paulo, v. 19, n. 46, p. 44-58, 2008.

CARDOSO, R. L. et al. Pesquisa científica em contabilidade entre 1990 e 2003. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 45, n. 2, p. 34-45, 2005.

CASTRO JUNIOR, F H F de; CONCEIÇÃO, P M da; SANTOS, D. A. A relação entre o nível voluntário de transparência e o custo de capital próprio das empresas brasileiras não-financeiras. Revista Eletrônica de Administração, Rio Grande do Sul, v. 17, n. 3, p. 617-635, 2011.

CATAPAN, A.; CHEROBIM, A. P. M. S. Estado da arte da Governança Corporativa: estudo bibliométrico nos anos de 2000 a 2010. Revista de Administração, Contabilidade e Economia, Santa Catarina, v. 9, n. 1-2, p. 207-230, 2011.

CATAPAN, A. et al. Sustentabilidade: uma investigação da produção científica brasileira no período de 2001 à 2011. Revista da Faculdade de Administração e Economia, São Paulo, v. 4, n. 2, p. 187-202, 2013.

COELHO, A. C. D.; LOPES, A. B. Avaliação da prática de gerenciamento de resultados na apuração de lucro por companhias abertas brasileiras conforme seu grau de alavancagem financeira. Revista de Administração Contemporânea, São Paulo, v. 11, n. 2, p. 121-144, 2007.

COSTA, G da S.; BOENTE, D. R. Análise do perfil da produção científica sobre ciclo de vida no período de 2000 a 2011. Revista Ambiente Contábil, Rio Grande do Norte, v. 4, n. 1, p. 106-119, 2012.

CRUZ, A. P. C. da et al. Perfil das redes de cooperação científica: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade – 2001 a 2009. Revista Contabilidade & Finanças, São Paulo, v. 22, n. 55, p. 64-87, 2011.

DA CUNHA, P. R.; MOURA, G. D.; SANTANA, A. G. Perfil dos estudos sobre o tema Governança Corporativa publicados em periódicos brasileiros de 2009 a 2011. Registro Contábil, Alagoas, v. 4, n. 2, p. 105-122, 2013.

DAL VESCO, D. G.; BEUREN, I. M. Teoria da estrutura de propriedade: redes sociais em periódicos internacionais de alto impacto. Revista Facultad de Ciencias Económicas: Investigación y Reflexión, Colombia, v. 20, n. 1, 2012.

DUARTE, E.; CARDOZO, M. A.; VICENTE, E. F. R. Governança: uma investigação da produção científica brasileira no período de 2000 a 2009. Contabilidade, Gestão e Governança, Brasília, v. 15, n. 1, p. 115-127, 2012.

DURISIN, B.; PUZONE, F. Maturation of Corporate Governance Research, 1983-2007: an Assessment. Corporate Governance: An International Review, USA, v. 17, n. 3, p. 266-291, 2009.

ELKINGTON, J. Governance for Sustainability. Corporate Governance: An International Review, USA, v. 14, n. 6, p. 522-529, 2006.

GABRIELE, P. D.et al. Sustentabilidade e vantagem competitiva estratégica: um estudo exploratório e bibliométrico. Revista Produção Online, Santa Catarina, v. 12, n. 3, p. 729-755, 2012.

GALLON, A. V.; ENSSLIN, S. R. Evidenciação estratégica dos pilares da Sustentabilidade empresarial: investigação no relatório da administração das empresas que compõem o ISE. Pensar Contábil, Rio de Janeiro, v. 10, n. 41, p. 1-12, 2008.

GRÜN, R. Atores e ações na construção da Governança Corporativa brasileira. Revista Brasileira de Ciências Sociais, São Paulo, v. 18, n. 52, p. 139-161, 2003.

GUTTMANN, R. Uma introdução ao capitalismo dirigido pelas finanças. Novos Estudos - CEBRAP, São Paulo, n. 82, p. 11-33, 2008.

HEINZMANN, L. M.; DREHER, M. T. Governança corporativa e Sustentabilidade: a produção científica está abordando os temas de forma articulada? Revista de Administração e Negócios da Amazônia, Amazonas, v. 4, n. 1, p. 1-12, 2012.

HENRIQUES, F. E.; SELIG, P. M.; MIGUEL, P. A. C. Modularidade e custos: seleção de um referencial para pesquisa por meio de uma análise bibliométrica. ABCustos Associação Brasileira de Custos, Rio Grande do Sul, v. 7, n. 2, 2012.

HUANG, C. Y.; HO, Y. S. Historical Research on Corporate Governance: a Bibliometric Analysis. African Journal of Business Management, Nigeria, v. 5, n. 2, p. 276-284, 2011.

IGARASHI, W. et al. Investigação no contexto brasileiro sobre gestão do conhecimento/aprendizagem/tecnologia de informação: pesquisa realizada na Scientific Electronic Library Online. Cadernos EBAPE.BR, Rio de Janeiro, v. 6, n. 2, p. 1-18, 2008.

JABBOUR, C. J. C.; JABBOUR, A B L de S; OLIVEIRA, J. H. C. de.; CALDEIRA, J. H. The Perception of Brazilian Researchers Concerning the Factors that Influence the Citation of their Articles: a study in the Field of Sustainability. Serials Review, USA, v. 39, n. 2, p. 93, 2013.

KOCMANOVÁ, A.; HŘEBÍČEK, J.; DOČEKALOVÁ, M. Corporate Governance and Sustainability. Economics and Management, Reino Unido, v. 16, p. 543-550, 2011.

LEAL, R. P. C.; SAITO, R. Finanças corporativas no Brasil. RAE-eletrônica, São Paulo, v. 2, n. 2, p. 1-15, 2003.

LEITE, D. A. et al. Pesquisa em Governança Corporativa no Brasil: análise teórica e agenda de pesquisa à luz da dimensão holística da Governança Corporativa de 1998 a 2010. Revista Tecer, Minas Gerais, v. 6, n. 10, p. 62-79, 2013.

LOPES, H. E. G.; BERNARDES, P.; LARA, L. de C. Governança corporativa e desempenho: um estudo em empresas de capital aberto no Brasil. Revista Economia & Gestão, Minas Gerais, v. 19, n. 19, p. 26-43, 2009.

MACHADO JÚNIOR, C. et al. Estudo bibliométrico da Sustentabilidade ambiental: os 15 anos do simpósio de administração da produção, logística e operações internacionais – Simpoi. J Health Sci Inst, São Paulo, v. 31, n. 2, p. 123-131, 2013.

MALACRIDA, M. J. C.; YAMAMOTO, M. M. Governança corporativa: nível de evidenciação das informações e sua relação com a volatilidade das ações do Ibovespa. Revista Contabilidade & Finanças, São Paulo, v. spe, p. 65-79, 2006.

MATHEUS, R. F.; SILVA, A B de O. Análise de redes sociais como método para a Ciência da Informação. DataGramaZero-Revista de Ciência da Informação, Brasília, v. 7, n. 2, 2006.

MICHELON, G.; PARBONETTI, A. The Effect of Corporate Governance on Sustainability Disclosure. Journal of Management & Governance, USA, v. 16, n. 3, p. 477-509, 2012.

MIZRUCHI, M. S. Análise de redes sociais: avanços recentes e controvérsias atuais. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 46, n. 3, p. 72-86, 2006.

NUNES, J. G. et al. Análise das variáveis que influenciam a adesão das empresas ao índice BM&F Bovespa de Sustentabilidade empresarial. Revista de Administração e Contabilidade da Unisinos, Rio Grande do Sul, v. 7, n. 4, p. 328-340, 2010.

PAULISTA, G.; VARVAKIS, G.; MONTIBELLER-FILHO, G. Espaço emocional e indicadores de Sustentabilidade. Ambiente & Sociedade, São Paulo, v. 11, n. 1, p. 185200, 2008.

PINHEIRO, A. S.; CARRIERI, A. de P.; JOAQUIM, N. de F. Esquadrinhando a Governança Corporativa: o Comportamento dos Personagens sob o Ponto de Vista dos Discursos dos Autores Acadêmicos. Revista Contabilidade & Finanças, São Paulo, v. 24, n. 63, p. 231-242, 2013.

PINHEIRO, L. V. R. Lei de Bradford: uma reformulação conceitual. Ciência da Informação, Brasília, v. 12, n. 2, p. 59-80, 1983.

QUONIAM, L. et al. Inteligência obtida pela aplicação de data mining em base de teses francesas sobre o Brasil. Ciência da Informação, Brasília, v. 30, n. 2, p. 20-28, 2001.

REITER, N.; PROCIANOY, J. L. Impacto informacional das reuniões públicas APIMEC: um estudo de evento. Revista de Administração Mackenzie, São Paulo, v. 14, n. 2, p. 127-154, 2013.

RIBEIRO, H. C. M.; COSTA, B. K.; FERREIRA, M. P. Governança corporativa nos esportes: Uma análise dos últimos 23 anos de produção acadêmica em periódicos internacionais. In: SEMINÁRIOS EM ADMINISTRAÇÃO, 2013, São Paulo. Anais… São Paulo: SemeAd, 2013.

RIBEIRO, H. C. M. et al. Entender para progredir: análise da pesquisa em Governança Corporativa no Brasil. Gestão Contemporânea, Rio Grande do Sul, v. 9, n. 12, p. 1142, 2012.

RIBEIRO, H. C. M. et al. Governança corporativa: um estudo bibliométrico da produção científica das dissertações e teses brasileira. Contabilidade, Gestão e Governança, Brasília, v. 15, n. 3, p. 52-70, 2012.

RIBEIRO, H. C. M. et al. Mapeando os temas estratégia e Governança Corporativa: uma análise dos últimos 23 anos de estudo nos periódicos internacionais da área de administração. In: ENCONTRO DE ESTUDOS EM ESTRATÉGIA, 2013, Bento Gonçalves. Anais… Rio Grande do Sul: 3Es, 2013.

RIBEIRO, H. C. M.; MURITIBA, S. N.; MURITIBA, P. M. Perfil e crescimento dos temas “Governança Corporativa” e “estratégia”: uma análise dos últimos 11 anos nos periódicos da área de administração no Brasil. Gestão & Regionalidade, São Paulo, v. 28, n. 82, p. 83-99, 2012.

ROCZANSKI, C. R. M. et al. O estado da arte em estratégia na Revista de Administração Contemporânea: um estudo bibliométrico. Revista Economia e Gestão, Minas Gerais, v. 10, n. 24, p. 28-47, 2010.

ROMO-FERNÁNDEZ, L. M.; GUERRERO-BOTE, V. P.; MOYA-ANEGÓN, F. World Scientific Production on Renewable Energy, Sustainability and the Environment. Energy for Sustainable Development, USA, v. 16, n. 4, p. 500-508, 2012.

ROSSONI, L. et al. Cooperação interinstitucional no campo da pesquisa em estratégia. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 47, n. 4, p. 1-15, 2007.

ROSSONI, L.; GUARIDO FILHO, E. R. Cooperação entre programas de pósgraduação em administração no Brasil: evidências estruturais em quatro áreas temáticas. Revista de Administração Contemporânea, São Paulo, v. 13, n. 3, p. 366-390, 2009.

ROSSONI, L.; HOCAYEN-DA-SILVA, A. J. Cooperação entre pesquisadores da área de administração da informação: evidências estruturais de fragmentação das relações no campo científico. Revista de Administração da USP, São Paulo, v. 43, n. 2, p. 138-151, 2008.

SAMPAIO, R. R.; ROSA, C. P.; PEREIRA, H. B. de B. Mapping Information and Knowledge Flow: IT Governance from the Perspective of Social Networks. Gestão & Produção, São Paulo, v. 19, n. 2, p. 377-387, 2012.

SCHMITT, C da S.; HAYDE, C T von der; DREHER, M. T. Sustentabilidade como vantagem competitiva: uma análise bibliométrica. Estratégia & Negócios, Rio Grande do Sul, v. 6, n. 2, p. 157-174, 2013.

SCHOOLMAN, E. D. et al. How Interdisciplinary is Sustainability Research? Analyzing the Structure of an Emerging Scientific Field. Sustainability science, USA, v. 7, n. 1, p. 67-80, 2012.

SCHROEDER, J. T.; SCHROEDER, I. Responsabilidade social corporativa: limites e possibilidades. RAE-eletrônica, São Paulo, v. 3, n. 1, p. 1-10, 2004.

SILVA, S. S. da; REIS, R. P.; AMÂNCIO, R. Paradigmas ambientais nos relatos de Sustentabilidade de organizações do setor de energia elétrica. Revista de Administração Mackenzie, São Paulo, v. 12, n. 3, p. 146-176, 2011.

SILVEIRA, A D M da; BARROS, L A B de C.; FAMÁ, R. Estrutura de governança e valor das companhias abertas brasileiras. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 43, n. 3, p. 50-64, 2003.

SOUZA, F. C.; BORBA, J. A. Governança corporativa e remuneração de executivos: uma revisão de artigos publicados no exterior. Contabilidade Vista & Revista, Minas Gerais, v. 18, n. 2, p. 35-48, 2009.

SOUZA, F. J. V. de; SILVA, M. C. da; ARAUJO, A. O. Uma análise da produção científica da área de contabilidade governamental nos periódicos que utilizam o SEER e o Scielo. In: CONGRESSO USP DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EM CONTABILIDADE, 9, 2012, São Paulo. Anais… São Paulo: CICC-USP, 2012.

SOUZA, M. T. S. de; RIBEIRO, H. C. M. Sustentabilidade ambiental: uma metaanálise da produção brasileira em periódicos de administração. Revista de Administração Contemporânea, São Paulo, v. 17, n. 3, p. 368-396, 2013.

SROUR, R. H. Por que empresas eticamente orientadas? Revista Organicom, São Paulo, v. 5, n. 8, p. 59-67, 2011.

STAUB, I. D.; MARTINS, H. C.; RODRIGUES, S. B. Governança corporativa e criação de valor para o acionista: da teoria à prática, os impactos organizacionais e financeiros. Revista Economia & Gestão, Minas Gerais, v. 2, n. 3, p. 36-55, 2002.

STEINBERG, H. Governança Corporativa. São Paulo: Editora Gente, 2008.

TERRA, P. R. S.; LIMA, J. B. N. de. Governança corporativa e a reação do mercado de capitais à divulgação das informações contábeis. Revista Contabilidade & Finanças, São Paulo, n. 42, p. 33-49, 2006.

YARIME, M.; TAKEDA, Y.; KAJIKAWA, Y. Towards Institutional Analysis of Sustainability Science: a Quantitative Examination of the patterns of Research Collaboration. Sustainability Science, USA, v. 5, n. 1, p. 115-125, 2010.