Relação do Capital Intelectual de natureza social e ambiental com o desempenho econômico-financeiro do segmento de energia elétrica brasileiro Outros Idiomas

ID:
33635
Resumo:
Este estudo objetiva verificar a relação entre os indicadores de capital intelectual (CI) de natureza social e ambiental e as variáveis de desempenho econômico financeiro das empresas listadas no índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BFBovespa em e . Para isso, foi utilizada uma amostra composta de empresas de energia elétrica. As variáveis de analise partiram do constructo Capital Intelectual Social (com três variáveis e indicadores) e Capital Intelectual Ambiental (com três variáveis e indicadores), conforme proposto por Guthrie et al. (1999) e adaptado por Silva e Ensslin (2011). Na análise, aplicou-se correlação de Spearman com dez indicadores de desempenho econômico financeiro. s resultados indicam CI social superior ao ambiental no período analisado, com indicativo de investimentos em ações socialmente responsáveis. As correlações entre as variáveis econômico financeiras e o CI social e ambiental são, na maioria dos casos, positivas com pouca significância estatística, embora haja evolução positiva de um ano para outro, confirmando que o desenvolvimento econômico financeiro apresenta relação importante com o aumento dos investimentos em CI social e ambiental. Quanto a correlação entre CI social e ambiental, esta forte e positiva, o que se justifica pelo fato de os coeficientes socioambientais serem as únicas matrizes independentes das oscilações de desempenho econômico financeiro e por representarem fatores competitivos importantes e, muitas vezes, protegidos por leis.
Citação ABNT:
ORO, I. M.; BALBINOT, I. J.; THOMÉ, D.; LAVARDA, C. E. F. Relação do Capital Intelectual de natureza social e ambiental com o desempenho econômico-financeiro do segmento de energia elétrica brasileiro. Revista de Administração da UFSM, v. 7, n. esp, p. 59-74, 2014.
Citação APA:
Oro, I. M., Balbinot, I. J., Thomé, D., & Lavarda, C. E. F. (2014). Relação do Capital Intelectual de natureza social e ambiental com o desempenho econômico-financeiro do segmento de energia elétrica brasileiro. Revista de Administração da UFSM, 7(esp), 59-74.
DOI:
10.5902/1983465912961
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/33635/relacao-do-capital-intelectual-de-natureza-social-e-ambiental-com-o-desempenho-economico-financeiro-do-segmento-de-energia-eletrica-brasileiro/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ABDULLAHA, D.V.; SOFIAN, S. The Relationship between Intellectual Capital and Corporate Performance. Procedia Social and Behavioral Sciences, v. 40, p. 537 – 541, 2012.

ASHLEY, P. A. Ética e responsabilidade social nos negócios. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2002.

DAVENPORT, T. H.; PRUSAK, L. Conhecimento empresarial: como as organizações gerenciam o seu capital intelectual. Rio de Janeiro: Campus, 2003.

DEMAJOROVIC, J. Sociedade de risco e responsabilidade socioambiental: perspectivas para a educação corporativa. São Paulo: Senac, 2003.

DIAS, R. Marketing ambiental: ética, responsabilidade social e competitividade nos negócios. São Paulo: Atlas, 2007.

EDVINSSON, L.; MALONE, M. S. Capital intelectual: descobrindo o valor real de sua empresa pela identificação de seus valores internos. São Paulo: Makron Books, 1998.

GALLON, A. V.; SOUZA, F. C.; ROVER, S.; ENSSLIN, S. R. Um estudo reflexivo da produção científica em capital intelectual. Revista de Administração Mackenzie. Florianópolis, v. 9, n. 4, p. 142-172, 2008.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

GIL, A. de L.; ARNOSTI, J. C. M. Balanço intelectual: a estratégia com projetos de mudança e o reconhecimento dos talentos humanos. São Paulo: Saraiva, 2007.

GLOBAL REPORTING INITIATIVE. Diretrizes para Relatórios de Sustentabilidade. Disponível em: < http://www.globalreporting. org/NR/rdonlyres/4855C490-A872-49349E0B-8C2502622576/5288/DiretrizesG3.pdf>. Acesso em 20 nov. 2010.

GRACIOLI, C. Impacto do capital intelectual na performance organizacional. 2005. 136 f. Dissertação (Mestrado em Administração)Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2005.

GUTHRIE, J.; PETTY, R.; FERRIER, F.; WELLS, R. There is no accounting for intellectual capital in Australia: review of annual reporting practices and internal measurement of intangibles within Australian organization. International Symposium of Measuring and Reporting Intellectual Amsterdam, 1999.

GUTHRIE, J.; RICCERI, F. DUMAYC, J. Reflections and projections: A decade of Intellectual Capital Accounting Research. British Accounting Review, v. 44, p. 68–82, 2012.

MANGANELI, M.T. de M.; OTT, E.; BRASILEIRO, G. de A. Evidenciação de capital intelectual: um estudo em empresas ganhadoras do prêmio troféu transparência. In: CONGRESSO USP, 13º, 2013, São Paulo. Anais... São Paulo: Universidade de São Paulo, 2013.

MARTINS, E.; DINIZ, J. A.; MIRANDA, G. J. Análise avançada das demonstrações contábeis: uma abordagem crítica. São Paulo: Atlas, 2012.

MARTINS, G. de A.; THEÓPHILO, C. R. Metodologia da investigação científica para ciências sociais e aplicadas. São Paulo: Atlas, 2007.

NASCIMENTO, S.; ROCHA, I.; REINA, D.; FERNANDES, F. C. Disclosure voluntário do capital intelectual nas maiores companhias abertas participantes do Novo Mercado. Reuna, v. 17, n. 1, p. 29-46, 2012.

PEREIRA, M. B. Tratamento contábil dos ativos intelectuais focados em ativos humanos de empresas de governança corporativa da bolsa de valores de São Paulo. 2006. 166 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis) Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, 2006.

SILVA, H. A. S; ENSSLIN, S. R. O desempenho econômico-financeiro impulsiona a evidenciação de indicadores de capital intelectual de natureza social e ambiental? In: CONGRESSO USP DE CONTROLADORIA E CONTABILIDADE, 11º, 2011, São Paulo. Anais... São Paulo: USP, 2011.

STEWART, T. A. Capital intelectual: A nova vantagem competitiva das empresas. 4. ed. São Paulo: Campus, 1998.

TACHIZAWA, T. Gestão ambiental e responsabilidade social corporativa: estratégias de negócio focadas na realidade brasileira. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

TINOCO, J. E. P. Balanço social. São Paulo: Atlas, 2001.

TINOCO, J. E. P.; KRAEMER, M. E. P. Contabilidade e gestão ambiental. 2. ed. Atlas, 2008.