Análise da produção científica brasileira na área de finanças: panorama do Qualis A Outros Idiomas

ID:
34800
Resumo:
O objetivo do artigo consiste em analisar a produção científica nacional na área de finanças, considerando as revistas nacionais, com Qualis A, mais profícuas em finanças, com caráter quantitativo. Foram testadas três hipóteses: a) Existe uma produção científica maior na área de mercado de capitais do que nas áreas de finanças voltadas para as áreas operacionais das empresas, considerando as revistas mais profícuas em finanças; b) existe uma relação inversamente proporcional na produção de artigos na área de mercado de capitais, comparando-se com as áreas de finanças voltadas para as áreas operacionais das empresas; c) existe uma tendência de crescimento da produção acadêmica, nos periódicos Qualis A, em finanças, considerando os últimos dez anos. A primeira foi confirmada, a segunda hipótese foi rejeitada, pois a correlação é diretamente proporcional, mas de relação de fraca para média. A terceira hipótese foi rejeitada.
Citação ABNT:
HERLING, L. H. D.; MORITZ, G. O.; LIMA, M. V. A.; PEREIRA, M. F. Análise da produção científica brasileira na área de finanças: panorama do Qualis A . Revista de Administração FACES Journal, v. 13, n. 4, p. 76-89, 2014.
Citação APA:
Herling, L. H. D., Moritz, G. O., Lima, M. V. A., & Pereira, M. F. (2014). Análise da produção científica brasileira na área de finanças: panorama do Qualis A . Revista de Administração FACES Journal, 13(4), 76-89.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/34800/analise-da-producao-cientifica-brasileira-na-area-de-financas--panorama-do-qualis-a-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALVES-MAZZOTTI, A. J.; GEWANDSZNAJDER, F. O método nas ciências naturais e sociais: pesquisa quantitativa e qualitativa. 2. ed. São Paulo: Pioneira, 1999.

ASSAF NETO, A. Finanças corporativas e valor. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2005.

AZEVEDO, C. E. F. et al. Por que Finanças?: Avaliando o interesse dos estudantes de graduação em Administração pela área de Finanças. RAM Rev. Adm. Mackenzie, São Paulo, v. 13, n. 6, dez. 2012. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2013.

C.; DIAS, A. T. Análise da produção científica em finanças entre 2000-2008: um estudo bibliométrico dos encontros da ANPAD. In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓSGRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, 33., 2009, São Paulo. Anais... Rio de Janeiro: ANPAD, 2009.

FRANCO. Finanças ambientais: uma contribuição ao modelo de avaliação de risco de crédito agregando a variável ambiental. 2009. Dissertação (Mestrado) USP, São Paulo, 2009.

HALFELD, M.; TORRES, F. de F. L. Finanças comportamentais: aplicações no contexto brasileiro. RAE Revista de Administração de Empresas. abr./jun. 2001.

HERLING, L. H. D.; LIMA, M. V. A. de. Finanças corporativas: sua organização e base epistemológica In: COLÓQUIO DE EPISTEMOLOGIA, 3., 2013, Florianópolis. Anais... Florianópolis: [s. n.], 2013.

LEAL, R. P. C.; ALMEIDA, V. de S.; BORTOLON, P. M.. Produção científica brasileira em finanças no período 2000-2010.RAE – Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 53, n. 1, fev. 2013. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2013.

LEAL, R. P. C.; SAITO, R. Finanças corporativas no Brasil. RAE-eletrônica, [S. l.], v. 2, n. 2, jul./dez.2003.

NASCIMENTO, S. do; PEREIRA, A. M.; TOLEDO FILHO, J. R. Produção científica em periódicos de contabilidade relacionada ao mercado de capitais. Contabilidade, Gestão e Governança, Brasília, v. 13, n. 1, p. 32-43, jan./abr. 2010.

PIRES, V. Finanças Pessoais: fundamentos e dicas. Piracicaba SP, 2007. Disponível em: . Acesso em: 18 nov. 2012.

RICHARDSON, N. R. Pesquisa Social: métodos e técnicas. São Paulo: Atlas, 1989.

ROBERTS, R. Por dentro das finanças internacionais: guia prático dos mercados e instituições financeiras. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2000.

ROCHA, A. B. da S. O dilema do prisioneiro e a ineficiência do método das opções reais. RAC, Curitiba, v. 12, n. 2, p. 507-531, abr./jun. 2008.

ROCHA, I.; HEIN, N.; LAVARDA, C. E. F.; NASCIMENTO, S. do. A pre sença da entropia da informação no controle orçamentário em ambiente inovador. Revista de Administração e Inovação, São Paulo, v. 8, n. 2, p. 81-105, abr./ jun. 2011.

ROSS, S. A.; WESTERFIELD, R. W.; JAFFE, F. Administração financeira. São Paulo: Atlas, 1995.

SANTOS; ALVES. O impacto da Lei de Responsabilidade Fiscal no desempenho financeiro e na execução orçamentária dos municípios no Rio Grande do Sul de 1997 a 2004. Rev. Adm. Pública, Rio de Janeiro, v. 45, n. 1, jan./fev. 2011.

SILVA, A. C. B. da; OLIVEIRA, E. C. de; RIBEIRO FILHO, J. F. Revista Contabilidade & Finanças USP: uma comparação entre os períodos 1989/2001 e 2001/2004. Rev. contab. financ., São Paulo , v. 16, n. 39, dez. 2005. Disponível em:

SOLOMON, E. Teoria da administração financeira. 3. ed. São Paulo: Zahar, 1977.

VERGARA, S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. São Paulo: Atlas, 1998.

WAICZYK, C.; ENSSLIN, E. R. Avaliação de produção científica de pesquisadores: mapeamento das publicações científicas. Revista Contemporânea de Contabilidade, Florianópolis, v. 10, n. 20, p. 97-112, maio/ago. 2013.

YIN, R. Estudo de Caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2001.