Análise SWOT da abordagem da contingência nos estudos da contabilidade gerencial Outros Idiomas

ID:
35531
Resumo:
O estudo objetiva analisar trabalhos que criticam a utilização da teoria da contingência em pesquisas na área de Contabilidade Gerencial de forma a identificar pontos fortes, fracos, bem como as oportunidades e as ameaças de aplicação, segundo a abordagem da análise SWOT, bem como oferecer sugestões de temas e procedimentos para pesquisas na área. Foi realizada uma revisão aprofundada de trabalhos que buscavam criticar a utilização da teoria da contingência em estudos de Contabilidade Gerencial. Os trabalhos revisados foram os de Otley (1980), Chapman (1997), Chenhall (2007) e Langfield-Smith (2007). Como resultado o estudo enfatiza pontos fortes do uso da teoria e ameaças com destaque para alguns cuidados na sua aplicação em estudos na área de Contabilidade Gerencial. As recomendações para futuras pesquisas abrangem a utilização de estudos de caso e análises longitudinais.
Citação ABNT:
MARQUES, K. C. M.; SOUZA, R. P.; SILVA, M. Z. Análise SWOT da abordagem da contingência nos estudos da contabilidade gerencial. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 12, n. 25, p. 117-136, 2015.
Citação APA:
Marques, K. C. M., Souza, R. P., & Silva, M. Z. (2015). Análise SWOT da abordagem da contingência nos estudos da contabilidade gerencial. Revista Contemporânea de Contabilidade, 12(25), 117-136.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/35531/analise-swot-da-abordagem-da-contingencia-nos-estudos-da-contabilidade-gerencial/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
MAGALHÃES, E. M. M.; MAIA, H. O trabalho docente por professores de curso de pedagogia. Revista Múltipla Leituras,1(2), 189-206, 2009.

SANTANA, G. A. S.; REIS, A. O.; REIS, M. C. T.; TAVARES, B. A Representação Social na Interpretação de um Sonho de Cidade Coletivamente Construído. Revista Administração Pública e Gestão Social, 5(1), 21-27, 2013.

ABRIC, J. C. Les representations sociales: aspects théoriques. In: Abric, J. C. (Dir.). Pratiques sociales et representations. 3 éd. Paris: PUF, p. 11-36, 2008.

AICPA–American Institute of Certified Public Accountants. Mapping of the Core Competency Framework to the Skills Tested on the CPA Exam. New York: AICPA. 2010. Disponível em: . Acesso em:30 nov. 2013. 2010.

ALVES-MAZZOTTI, A. J. Representações sociais: aspectos teóricos e aplicações à educação. Revista Múltiplas Leituras, 1(1), 18-43,2008.

BISQUERRA, R.; SARRIERA, J. C.; MARTÍNEZ, F. Introdução à estatística. Porto Alegre: Artmed, 2004.

BRASIL. Resolução CNE/ CES n° 10, de 16 de dezembro de 2004. Disponível em: . Acesso em 9 out.2013. 2004.

CARDOSO, R. L.; RICCIO, E. L.; ALBUQUERQUE, L. G. Competências do contador: um estudo sobre a existência de uma estrutura de interdependência. Revista de Administração da Universidade de São Paulo. 44(4), 365-379, 2009.

CARDOSO, R. L.; RICCIO, E. L.; MENDONÇA NETO, O. R.; OYADOMARI, J. C. Entendo e explorando as competências do contador gerencial: uma análise feita pelos profissionais. Advances in Scientific and Applied Accounting, 3(3), 353-371,2011.

CORY, S.; HUTTENHOFF, T. Perspectives of non-public accountants about accounting education and certifications: An exploratory investigation. Journal of Finance and Accountancy. Disponível em: . Acesso em: 07 dez. 2013.

CRAMER, L.; BRITO, M. J.; CAPPELLE, M. C. A. As Representações Sociais das Relações de Gêneros na Educação Superior: a Inserção do Feminino no Universo Masculino. Anais do Encontro da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em administração, Campinas-SP, Brasil,2001.

DUTRA,J. S. Competências: Conceitos e Instrumentos para a Gestão de Pessoas na Empresa Moderna. São Paulo: Atlas, 2004.

FARR, R. M. Representações sociais: a teoria e sua história. In: GUARESCHI, P. e JOVCHELOVITCH, S. (orgs.). Textos em representações sociais. 7 ed. Petrópolis: Vozes, 2002.

FÁVERO, L. P.; BELFIORE, P.; SILVA, F. L.; CHAN, B. L. Análise de dados: modelagem multivariada para tomada de decisões. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.

FERREIRA, V. C. P. ONGs no Brasil: um estudo sobre suas características e fatores que têm induzido seu crescimento. Tese de Doutorado. Fundação Getúlio Vargas, Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 2005.

FLEURY, A.; FLEURY, M. T. L. Estratégias empresariais e formação de competências: um quebra-cabeça caleidoscópio da indústria brasileira. 3 ed. São Paulo: Atlas,2004.

FRANCO, M. L. P. B. Representações sociais, ideologia e desenvolvimento da consciência. Cadernos de Pesquisa, 121(34), 169-186, 2004.

GOMES, D. M. Competências e habilidades do diretor. Campo Grande, MS: UCDB, 2003.

HAIR JR.; J. F.; BLACK, B.; BABIN, B.; ANDERSON, R. E.; TATHAM, R. L. Análise Multivariada de Dados. Porto Alegre: Bookman, 2009.

HAIR, J. F.; BABIN, B.; MONEY, A. H.; SAMUEL, P. Fundamentos de métodos de pesquisa em administração. Porto Alegre: Bookman, 2005.

IFAC- International Federation of Accountants. Strategy and Work Plan. New York, 2010. April. Disponível em:. Acesso em: 30 nov. 2010.

IFAC - International Federation Of Accountants. Handbook of International Education Pronouncements 2010 Edition. New York, 2013. Disponível em: . Acesso em: 30 nov. 2013.

JODELET, D. As representações sociais. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2001.

LEAL, E. A.; SOARES, M. A.; SOUSA, E. G. de. Perspectivas dos Formandos do Curso de Ciências Contábeis e as Exigências do Mercado de Trabalho. Revista Contemporânea de Contabilidade, 10(1), 147-159, 2008.

MAROCO, J. Análise Estatística com Utilização do SPSS. 3 ed. Lisboa: Sílabo,2007.

MAZZOTTI, T. B. Representações sociais de problemas ambientais: uma contribuição à educação brasileira. In: Moreira, A. P. (org.). Representações sociais: teoria e prática. João Pessoa: UFPB, 2001.

MOHAMED, E. K.; LASHINE, S. H. Accounting knowledge and skills and the challenges of a global business environment. Managerial Finance, 29(7), 3-16, 2003.

MOSCOVI, S. A Representação social da psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar, 1978.

MOSCOVI, S. Representações sociais: investigações em psicologia social. 2 ed. Petrópolis: Vozes, 2004.

MUNHOZ, I. M. S. Educação para a carreira e representações sociais de professores: limites e possibilidades na educação básica. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brasil, 2010.

OTT, E.; CUNHA, J. V. A.; CORNACHIONE JUNIOR, E. B.; Luca, M. M. M. Relevância dos conhecimentos, habilidades e métodos instrucionais na perspectiva de estudantes e profissionais da área contábil: estudo comparativo internacional. Anais do Encontro da Associação Nacional dos Programas de Pós Graduação em Ciências Contábeis, Vitória/ES, Brasil, 2011.

PESTANA, M. H.; GAGEIRO, J. N. Análise de dados para ciências sociais a complementaridade do SPSS. 5. ed. Lisboa: Sílabo, 2008.

PIRES, C. B.; OTT, E.; DAMACENA,C. A formação do contador e a demanda do mercado de trabalho na região metropolitana de Porto Alegre (RS). Revista de Administração e Contabilidade da Unisinos, 7(4), 315-327, 2010.

SÁ, C. P. Núcleo central das representações sociais. Rio de Janeiro: EdUERJ, 1998.

SAMPIERI, R. H.; COLLADO, C. F.; LUCIO, P. B. Metodologia de Pesquisa. 3 ed. São Paulo: McGraw-Hill, 2006.

SCHLINDWEIN, A. C. O ensino de Ciências Contábeis nas Instituições de Ensino da Mesorregião do Vale do Itajaí/SC: uma análise das contribuições curriculares da Resolução CNE/CES N. 10/2004. Dissertação de Mestrado, Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, SC, Brasil, 2007.

SPINK, M. J. P. O Conceito de Representação Social na Abordagem Psicossocial. Cadernos de Saúde Pública, 9(3), 300-308, 1993.

VERGARA, S. C. Métodos de pesquisa em administração. 4. ed. São Paulo: ed. Atlas, 2010.

VERGARA, S. C.; FERREIRA, V. C. P. A representação social de ONGs segundo formadores de opinião do município do Rio de Janeiro. Revista de Administração Pública, 39(5), 1137-1159, 2006.