Cobrança do uso da água e comportamento dos usuários industriais na bacia hidrográfica do Piracicaba, Capivari e Jundiaí Outros Idiomas

ID:
37287
Resumo:
Esta pesquisa tem como objetivo avaliar como a cobrança do uso da água nas bacias do PCJ tem influenciado o comportamento dos usuários industriais no sentido de adotar estratégias para a racionalização do consumo de recursos hídricos. A metodologia inclui entrevistas em profundidade com múltiplos stakeholders, incluindo representantes das indústrias, do setor público, do Comitê de Bacia PCJ e organizações não governamentais. As conclusões apontam para um processo de implantação da cobrança pelo uso da água de baixa eficiência, ainda que resulte no estímulo do uso racional da água no setor. O principal fator é o preço reduzido da cobrança que não estimula as mudanças em profundidade na Gestão de Recursos Hídricos, além de gerar recursos financeiros pouco significativos para a preservação da qualidade da água na região.
Citação ABNT:
DEMAJOROVIC, J.; CARUSO, C.; JACOBI, P. R. Cobrança do uso da água e comportamento dos usuários industriais na bacia hidrográfica do Piracicaba, Capivari e Jundiaí. Revista de Administração Pública, v. 49, n. 5, p. 193-1214, 2015.
Citação APA:
Demajorovic, J., Caruso, C., & Jacobi, P. R. (2015). Cobrança do uso da água e comportamento dos usuários industriais na bacia hidrográfica do Piracicaba, Capivari e Jundiaí. Revista de Administração Pública, 49(5), 193-1214.
DOI:
http://dx.doi.org/10.1590/0034-7612137792
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/37287/cobranca-do-uso-da-agua-e-comportamento-dos-usuarios-industriais-na-bacia-hidrografica-do-piracicaba--capivari-e-jundiai/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ANA. Agência Nacional de Águas. A implementação da cobrança pelo uso de recursos hídricos e agência de água das bacias dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí. Brasília: ANA; SDAG, 2009.

ANA. Agência Nacional de Águas. Balanço de arrecadação efetiva: por setor, atualizado em 10/01/2012. Brasília: ANA, 2014.

ANA. Agência Nacional de Águas. Conjuntura dos recursos hídricos no Brasil - informe 2012. Brasília: ANA, 2012. Disponível em: . Acesso em: 25 fev. 2015. 2012.

ANA. Agência Nacional de Águas. Gestão de bacias: instrumento de gestão. Brasília: Ministério do Meio Ambiente, 2010. Disponível em: . Acesso em: 11 jul. 2010.

ANA. Agência Nacional de Águas. Relatório de atividades 2009. Brasília: ANA, 2010a.

BAFONI, Pamela; TELLES, Daniela. A cobrança pelo uso da água na bacia hidrográfica dos rios Piracicaba, Capivara e Jundiaí. In: SIMPÓSIO EXPERIÊNCIAS EM GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS POR BACIA HIDROGRÁFICA, 2.; 2010, Atibaia. Anais... Brasília: ANA, 2010.

BARBI, Fabiana. Capital social e ação coletiva na gestão das bacias dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí: os desafios da gestão compartilhada do Sistema Cantareira - SP. Dissertação (mestrado em ciência ambiental) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1994.

BARRAQUÉ, Bernard; BERLAND, Jean-Marc; FLORET-MIGUET, Edith. Select emerging issues in water quality control policies. In: CORREA, Fernanda N. (Ed.). Selected issues in water resources management in Europe. Rotterdam: A. A. Balkema, 1998.

BARRAQUÉ, Bernard (Org.). Les politiques de l’eau en Europe. Paris: Éditions La Découverte, 1995.

BORGES, Camila B. N. A eficiência da cobrança pelo uso da água como instrumento de gestão de recursos hídricos para as indústrias das bacias dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí. Dissertação (mestrado em saúde pública) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

BRAGA, Benedito P. F. et al. Pacto federativo e gestão das águas. Estudos Avançados: Dossiê Água, São Paulo, v. 22, n. 63, p. 17-42, maio/ago. 2008.

BRASILEIRO, Andrea C. B.; SINISGALLI, Paulo A. de A.; CICHOSKI, Caroline. Instrumentos econômicos para elaboração de políticas públicas de gestão de recursos hídricos: o caso brasileiro. In: ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM AMBIENTE E SOCIEDADE, 5, 2010, Florianópolis. Anais... São Paulo: Annpas, 2010.

CAMPOS, Elaine F.; BORTOLAZZO, Vanessa C.; OLIVEIRA, Ives. Pacto internacional das águas - estudo de águas da bacia PCJ. In: SIMPÓSIO EXPERIÊNCIAS EM GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS POR BACIA HIDROGRÁFICA, 2, 2010, Atibaia. Anais... Americana: Consórcio PCJ, 2010.

CANEPA, Eugenio M.; PEREIRA, Jaildo S.; LANNA, Antonio E. L. A política de recursos hídricos e o princípio usuário-pagador (pup). Revista Brasileira de Recursos Hídricos da Associação Brasileira de Recursos Hídricos, São Paulo, v. 4, n. 1, p. 103-117, jan./mar. 1999.

COMITÊS PCJ. A cobrança pelo uso da água na bacia PCJ: cartilha água. 2009. Disponível em: . Acesso em: 7 jul. 2010. 2009.

COMITÊS PCJ. Planos de bacias 2011. São Paulo: Comitê PCJ, 2011.

DAEE. Departamento de Águas e Energia Elétrica. Cobrança pelo uso dos recursos hídricos. Piracicaba: Secretaria de Estado de Energia, Recursos Hídricos e Saneamento, 2010.

DEMAJOROVIC, Jacques; CARUSO, Carla. Uso da água na gestão de recursos hídricos das bacias hidrográficas. In: ENCONTRO INTERNACIONAL DE GESTÃO EMPRESARIAL E MEIO AMBIENTE, 16.; 2012, São Paulo. Anais... São Paulo: Engema, 2012.

EISENHARDT, Kathleen M. Building theories from case studies. The Academy Management Review, v. 14, n. 4, p. 532-550, out. 1989.

FERES, José et al. Demanda por água e custo de poluição hídrica nas indústrias do Paraíba do Sul. Rio de Janeiro: Ipea, 2005.

GLACHANT, Matthieu. The political economy of water effluent charges in France: why are rates kept low? European Journal of Law and Economics, v. 14, n. 1, p. 27-43, 2002.

GLASER, Barney G.; STRAUSS, Anselm L. The discovery of grounded theory: strategies for qualitative research. Chicago: Aldine Publishing Company, 1967.

GODOI, Christiane K.; MATTOS, Pedro L. C. L. Entrevista qualitativa: instrumento de pesquisa e evento dialógico. In: GODOI, Christiane K.; BANDEIRA-DE-MELLO, Rodrigo; SILVA, Anielson B. da (Org.). Pesquisa, estratégia e métodos. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2010. p. 301-323.

GODOY, Mario et al. Avaliação da qualidade das águas dos principais rios formadores da bacia hidrográfica dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí. In: SIMPÓSIO EXPERIÊNCIAS EM GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS DA BACIA HIDROGRÁFICA, 2, 2010, Atibaia. Anais... Americana: Consórcio PCJ, 2010.

GOULART JUNIOR, Rogério; CARDOSO NETO, Nicolau; FRANK, Beate. O mecanismo econômico para gestão de recursos hídricos - cobrança. In: ENCONTRO DE ECONOMIA CATARINENSE, 4, 2010, Santa Catarina. Anais... Santa Catarina: Apec, 2010.

GUIMARÃES, Paulo V.; DEMAJOROVIC, Jacques; OLIVEIRA, Roberto G. Estratégias empresariais e instrumentos econômicos de gestão ambiental. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 35, n. 5, p. 72-82, 1995.

IGAM. Instituto Mineiro de Gestão de Águas. Primeira etapa do Plano Estadual de Recursos Hídricos de Minas Gerais. Análise de Cenários Existentes, Relatório Técnico, Belo Horizonte, n. 3, p. 1-111, nov. 2006.

IRRIGART ENGENHARIA EM RECURSOS HÍDRICOS E MEIO AMBIENTE. Relatório final da situação dos recursos hídricos das bacias hidrográficas dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí-2004/2006. Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí, São Paulo, v. 2, p. 126-334, 2007.

JACOBI, Pedro R.; BARBI, Fabiana. Governança de recursos hídricos e a participação da sociedade civil. In: SEMINÁRIO NACIONAL MOVIMENTOS SOCIAIS, PARTICIPAÇÃO E DEMOCRACIA, 2, 2007, Florianópolis. Anais... Florianópolis, UFSC, 2007.

JOHN, Liana; MARCONDES, Pyr. O valor da água - primeiros resultados da cobrança das bacias PCJ. São Paulo: Camirim Editorial, 2010.

LEITE, Gil B.; VIEIRA, Wislon C. Proposta metodológica de cobrança pelo uso dos recursos hídricos usando o valor de Shapley: uma aplicação à bacia do rio Paraíba do Sul. Estud. Econ. [online], v. 40, n. 3, p. 651-677, 2010.

MARTINEZ, Francisco; LAHOZ, Francisco. A cobrança pelo uso da água nas bacias hidrográficas do rio Piracicaba, Capivari e Jundiaí - aplicação e perspectivas. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HÍDRICOS, 17, 2007, Atibaia. Anais... Porto Alegre: ABRH, 2007.

MARTINS, Danielle P. A percepção como método para trabalhos em educação ambiental: o caso de uma comunidade de Porto Alegre - RS. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE GESTÃO AMBIENTAL, 2, 2011. Londrina. Anais… Bauru: Ibeas, 2011.

MEJIÁS, Concepción R.; LENIHAN, Helena; O’REAGAN, Bernadette. Charges in the industrial water sector: comparison between Ireland and Spain. Environmental Resources Economics, v. 45, n. 1, p. 113-132, 2009.

OLIVEIRA, José A. P. de. Instrumentos econômicos para gestão ambiental: lições das experiências nacional e internacional. Salvador: Centro de Recursos Ambientais; Neama, 2003. (Série Construindo os Recursos do Amanhã, v. 3).

OMURA, Patrícia; MAZOCHI, Maria. A cobrança pelo uso da água na bacia Piracicaba-Jaguari (PJ): Instrumentos de gestão e metodologia de cobrança. In: SIMPÓSIO EXPERIÊNCIAS EM GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS POR BACIA HIDROGRÁFICA, 2, 2010, Atibaia. Anais... Americana: Consórcio PCJ, 2010.

PIO, Anícia A. B. Reflexos da gestão de recursos hídricos para o setor industrial paulista. Tese (mestrado em engenharia ambiental) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.

PIZAIA, Márcia G.; MACHADO, Bernardo P.; JUNGLES, Antonio E. A cobrança do uso da água e estimação da função demanda residencial de água. Rev. Adm. Pública, v. 36, n. 6, p. 847-77, 2002.

PORTO, Monica F. A. Gestão urbana e gestão das águas: caminhos da Integração. Estudos Avançados, São Paulo, v. 17, n. 47, p. 129-145, maio/ago. 2003.

QUENTAL, Sarah; BOMBO, Ivanilde; YANSEN, Karla. Aplicação dos recursos arrecadados pelas cobranças PCJ em PDCs e investimentos. In: SIMPÓSIO EXPERIÊNCIAS EM GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS POR BACIA HIDROGRÁFICA, 2, 2010, Atibaia. Anais... Americana: Consórcio PCJ, 2010.

RAMOS, Marilene. Gestão de recursos hídricos e cobrança pelo uso da água. Rio de Janeiro: Fundação Getulio Vargas - Ebap, p. 1-61, mar. 2007.

ROMAN, Rodrigo; FOLEGATTI, Marcos; ORELLANA-GONZÁLEZ, Alba. Situação dos recursos hídricos nas bacias hidrográficas dos rios PCJ, utilizando um modelo desenvolvido em dinâmica de sistemas. Revista de Engenharia Agrícola, Jaboticabal, v. 29, n. 4, p. 578-590, out./dez. 2009.

SEROA DA MOTTA, Ronaldo. Economia ambiental. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

SEROA da MOTTA, Ronaldo. O uso de instrumentos econômicos na gestão ambiental. Brasília: Ipea, 2000. Disponível em: . Acesso em: 1o set. 2011. 2000.

SILVA, Aneilson B.; GODOI, Christiane K.; BANDEIRA-DE-MELLO, Rodrigo. Pesquisa qualitativa em estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos. 2. ed. Rio de Janeiro: Saraiva, 2010.

SILVEIRA, Geraldo L.; GOLDENFRUM, Joel A. Taxa não é cobrança: uma proposta para efetiva aplicação do Instituto de Gestão dos Recursos hídricos para drenagem urbana. Revista Brasileira de Recursos Hídricos, Porto Alegre, v. 14, n. 4, p. 71-80, out./dez. 2009.

SINISGALLI, Paulo A. et al. Disposição a pagar pelo uso da água na bacia do rio Paraíba do Sul - trecho São Paulo, Brasil. In: JACOBI, Pedro R.; SINISGALLI, Paulo A. Governança da água na América Latina e Europa: atores sociais, conflitos e territorialidade. São Paulo: Annablume, 2009. v. 3, p. 11-35.

SOUZA JR.; Wagner C. Gestão das águas no Brasil, reflexões, diagnósticos e desafios. São Paulo: IEB Instituto Internacional de Educação do Brasil, 2009.

VARELA, Carmen A. Instrumentos de políticas ambientais, casos de aplicação e seus impactos para as empresas e a sociedade. Revista Ciência e Administração, Fortaleza, v. 14, n. 2, p. 251-262, 2008.

VEETTIL, Prakashan C. et al. Complementarity between water pricing, water rights and local water governance. A Bayesian analysis of choice behavior of farmer in the Krishna river basin, Índia. Ecologial Economics, n. 70, p. 1756-1766, 2011.