Gestão de qualidade do ensino básico em Moçambique: Um estudo em escolas primárias e públicas Outros Idiomas

ID:
37885
Resumo:
O artigo busca analisar a gestão de qualidade do ensino básico de Moçambique como forma de contribuição para a melhoria no processo de ensino aprendizagem em três instituições de ensino primário. Foram pesquisados professores e diretores escolares centrando-se na análise de conteúdo e de documentos oficiais do Governo moçambicano. Como técnica para coleta de dados utilizou-se entrevistas com roteiro semiestruturado, optando-se pela abordagem qualitativa. As variáveis analisadas foram mecanismos de qualidade, competência dos diretores e professores e, perfil e formação dos mesmos. Os resultados mostram os fatores considerados pertinentes para melhorar a qualidade de educação, como políticas mais efetivas de orientação ao aluno, formação continuada e integrada dos professores, e profissionais das escolas, condições de trabalho, gestão democrático-participativa e implementação de sistema de avaliação. Constatou-se que uma melhor gestão é importante para um melhor desempenho das escolas e dos alunos, exigindo do diretor esforços para um melhor controle e análise do processo dentro e fora da sala de aula.
Citação ABNT:
BEIRA, J. C.; VARGAS, S. L.; GONÇALO, C. R. Gestão de qualidade do ensino básico em Moçambique: Um estudo em escolas primárias e públicas . NAVUS - Revista de Gestão e Tecnologia, v. 5, n. 4, p. 65-77, 2015.
Citação APA:
Beira, J. C., Vargas, S. L., & Gonçalo, C. R. (2015). Gestão de qualidade do ensino básico em Moçambique: Um estudo em escolas primárias e públicas . NAVUS - Revista de Gestão e Tecnologia, 5(4), 65-77.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/37885/gestao-de-qualidade-do-ensino--basico-em-mocambique--um-estudo-em-escolas-primarias-e-publicas-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ANDRÉ, Marli E. D. A. Formação de professores: a constituição de um campo de estudos. Educação, Porto Alegre, v. 33, n. 3, p. 174-181, set./dez. 2010.

BORGES, Mauro; HOPPEN, Norberto; LUCE, Fernando Bins. Information technology impact on market orientation in e-business. Journal of Business Research, Athens, GA, USA, v. 62, p. 883-890, set. 2009.

BOYATZIS, Richard E. The competent manager: a model for effective performance. New York: John Wiley& Sons, 1982.

DEMO, Pedro. Educação e qualidade. 3. ed. Campinas: Papirus, 1996.

DIAS, Miriam Fernandes Xavier. Qualidade na educação. Vértices, Campos dos Goytacazes, RJ, v. 3, n. 1, p. 1-20, 2001.

DONEL, Flavia et al. Qualidade na Educação. In: COBENGE CONGRESSO BRASILEIRO DE ENSINO DE ENGENHARIA, 24, 2001, Uberlândia. Anais..., Uberlândia, MG: UFU, 2001.

DOURADO, Luiz Fernandes; OLIVEIRA, João Ferreira de. A qualidade da educação: perspectivas e desafios. Brasília: MEC/INEP, 2007.

DOURADO, Luiz Fernandes; OLIVEIRA, João Ferreira de; SANTOS, Catarina de Almeida. A Qualidade da Educação: conceitos e definições. Cad. Cedes, Campinas, v. 29, n. 78, p. 201-215, maio/ago. 2009.

EDUARDO, Tomé. Moçambique: a prestação efectiva de serviços públicos no sector da Educação. África do Sul: Open Society Foundations, 2012.

ESTEVÃO, Carlos. Gestão estratégica nas escolas. Lisboa: Instituto de Inovação Educacional, 1998. (Cadernos de Organização e Gestão Curricular).

FLEURY, Maria Tereza Leme; FLEURY, Afonso. Construindo o conceito de competência. RAC, Rio de Janeiro, p.183-196, 2001. Edição Especial.

FONTANIVE, Nilma Santos; KLEIN, Rubén. O efeito da capacitação docente no desempenho dos alunos: uma contribuição para a formulação de novas políticas públicas de melhoria na qualidade da educação básica. Revista Iberoamericana de Evolução Educativa, Portugal, v. 3, n. 3, p. 62-89, 2010.

FREITAS, Wesley R. S.; JABBOUR, Charbel J. C. Utilizando estudo de caso(s) como estratégia de pesquisa qualitativa: boas práticas e sugestões. Estudo & Debate, Lajeado, v. 18, n. 2, p. 07-22, 2011.

GADOTTI, Moacir. Perspectivas atuais da educação. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

GADOTTI, Moacir. Qualidade na educação: uma nova abordagem. In: CONGRESSO DE EDUCAÇÃO BÁSICA: QUALIDADE NA APRENDIZAGEM, COEB, 1., 2013, Florianópolis. Anais... Florianópolis: COEB, 2013.

GARCIA, Carlos Marcelo. A formação de professores: novas perspectivas baseadas na investigação sobre o pensamento do professor. In: NÓVOA, António (Coord.). Os professores e a sua formação. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1995. p. 51-76.

GARVIN, David A. Gerenciando a qualidade: a visão estratégica e competitiva. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1992.

GOLIAS, Manuel. Sistema de ensino em Moçambique, passado e presente. Moçambique: Escolar, 1993.

LIBÂNEO, José Carlos. Organização e gestão da escola: teoria e prática. 6. ed. São Paulo: Heccus Editora, 2013.

LONGO, Rose Mary Juliano. Gestão da qualidade: evolução histórica, conceitos básicos e aplicação na educação. Brasília: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, 1996.

LÜCK, Heloísa. Dimensões de gestão escolar e suas competências. Curitiba: Positivo, 2009.

MICHELS, Maria Helena. Gestão, formação docente e inclusão: eixos da reforma educacional brasileira que atribuem contornos à organização escolar. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 33, p. 406-423, set./dez. 2006. MOÇAMBIQUE. Ministério da Educação e Cultura de Moçambique. Plano estratégico de educação 20122016. Maputo: MEC, 2012.

MOÇAMBIQUE. Ministério da Educação e Cultura de Moçambique. Plano estratégico de educação 20122016. Maputo: MEC, 2012.

NÓVOA, António. (Coord.). Os professores e a sua formação. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1995.

OLIVEIRA, Ana Margarida Massa de. Experiências de supervisão pedagógica: contributos para o desenvolvimento profissional dos professores cooperantes do 1º Ciclo do Ensino Básico. 2010. Dissertação (Mestrado em Supervisão Pedagógica) Universidade dos Açores, Ponta Delgada, 2010.

OLIVEIRA, Romualdo Portela de; ARAUJO, Gilda Cardoso de. Qualidade do ensino: uma nova dimensão da luta pelo direito à educação. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n. 28, p. 5-23, abr. 2005.

PERRENOUD, Philip. Dez novas competências para ensinar. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

PERRENOUD, Philippe. Os ciclos de aprendizagem: um caminho para combater o fracasso escolar. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2004.

SLLIS, Edward. Totalquality management in education. 3. ed. London: Kongan Page, 2002.

STEPHEUS, David. Quality of basic education. [2003]. Paper for EFA Global Monitoring Report. Disponível em: . Acesso em: 14 jun. 2015.

XAVIER, António Carlos da R. A gestão da qualidade e a excelência dos serviços educacionais: custos e benefícios de sua implantação. Brasília: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, 1996.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2010.

ZULLIAN, Margaret Simon; FREITAS, Soraia Napoleão. Formação de professores na educação inclusiva: aprendendo a viver, criar, pensar e ensinar de outro modo. Revista Educação Especial, Santa Maria, n. 18, 2001.