Capital Social e Relacionamentos Inter e Intrarregionais em Arranjos Produtivos Locais: estudo no APL Calçadista de Nova Serrana/MG Outros Idiomas

ID:
38139
Resumo:
O Capital Social favorece o desenvolvimento competitivo das empresas por meio da construção de infraestrutura relacional e integração entre os atores presentes em núcleos comuns, como é o caso dos Arranjos Produtivos Locais (APLs). Uma vez que as empresas inseridas nos referidos núcleos se relacionam com atores internos e externos ao arranjo, o objetivo deste estudo foi analisar a formação e o desenvolvimento do Capital Social inter e intrarregional na perspectiva dos atores organizacionais no APL de Nova Serrana - MG. Objetivouse identificar características das relações estabelecidas pelos empresários inseridos no APL, considerando os contextos interno e externo ao arranjo, tendo como elemento mediador o Capital Social em suas três dimensões: estrutural, relacional e cognitiva (NAHAPIET; GOSHAL, 1998). Metodologicamente, recorreuse a uma pesquisa de natureza qualitativa, conduzida sob a forma de estudo de caso. Por acessibilidade, foram realizadas 10 entrevistas com empresários integrantes do APL. Como instrumento de pesquisa, utilizou-se um roteiro semiestruturado e o tratamento dos dados foi realizado por análise de conteúdo com o auxílio do software Atlas TI® versão 7.1.4. Os resultados da pesquisa evidenciaram que os empresários reconhecem o valor das práticas sociais, utilizam-nas em benefício de seus negócios e reconhecem a necessidade de se estabelecer relações de distintas naturezas e intensidade de vínculos dentro e fora do arranjo produtivo. Contudo, esbarram em algumas dificuldades, como as posturas individualistas e introspectivas fomentadas pelos elevados níveis de desconfiança. Em suma, a inserção no APL é percebida como favorável apenas pelas empresas mais integradas ao grupo.
Citação ABNT:
AZEVEDO, A. C.; PARDINI, D. J.; SIMÃO, G. L. Capital Social e Relacionamentos Inter e Intrarregionais em Arranjos Produtivos Locais: estudo no APL Calçadista de Nova Serrana/MG. Revista de Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas, v. 4, n. 2, p. 96-132, 2015.
Citação APA:
Azevedo, A. C., Pardini, D. J., & Simão, G. L. (2015). Capital Social e Relacionamentos Inter e Intrarregionais em Arranjos Produtivos Locais: estudo no APL Calçadista de Nova Serrana/MG. Revista de Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas, 4(2), 96-132.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/38139/capital-social-e-relacionamentos-inter-e-intrarregionais-em-arranjos-produtivos-locais--estudo-no-apl-calcadista-de-nova-serrana-mg/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ADLER, P.; KWON, S. Social Capital: Prospects for a new concept. Academy of Management Review, v. 27, n. 1, p. 17-40, 2002.

ALBAGLI, S.; MACIEL, M. L. Capital Social e desenvolvimento local. In: LASTRES, H. M. M.; CASSIOLATO, J. E.; MACIEL, M. L. Pequena empresa: cooperação e desenvolvimento local. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2003. p. 423-440.

AMARAL FILHO, J. É negócio ser pequeno, mas em grupo; desenvolvimento em debate: painéis do desenvolvimento brasileiro. Rio de Janeiro: BNDES, 2002.

AMATO NETO, J. Redes de Cooperação Produtiva e Clusters Regionais. São Paulo: Atlas, 2000.

AMORIM, M. Cluster, como estratégia de desenvolvimento industrial no Ceará. Fortaleza, Ceará: Banco do Nordeste, 1998.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2010.

CASTELLS, M. A Era da Informação: Economia, Sociedade e Cultura. 2 ed. Fundação Calouste Gulbenkian: Lisboa, 2005.

CRESWELL, J. W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 3 ed. Porto Alegre: Artmed/Bookman, 2010.

CUNHA, J. A. C; PASSADOR, J. L.; PASSADOR, C. S. A presença de agentes intermediadores na formação de redes interorganizacionais: uma análise sob a perspectiva temporal. Cad. EBAPE.BR, v. 10, n. 1, p. 109-128, 2012.

FERRAZ, S. F. S.; GOBB, R. L.; LIMA, T. C. B. de. Arranjos produtivos locais na perspectiva da teoria do Capital Social: um estudo no cluster moveleiro de marco (CE). Contextus - Revista Contemporânea de Economia e Gestão, v. 9, n. 2, p. 79-95, 2011.

FERREIRA, I. R. C.; VOSGERAU, D. S. R.; MOYSES, S. J.; MOYSES, S. T.. Diplomas Normativos do Programa Saúde na Escola: análise de conteúdo associada à ferramenta ATLAS TI. Ciência & Saúde Coletiva, v. 17, n. 12, p. 3385-3398, 2012.

FLICK, U. Introdução à pesquisa qualitativa. 3 ed. Porto Alegre: Artmed, 2009.

GOBB, R. L. Cooperação e Confiança em um APL Moveleiro: Um Estudo à Luz do Capital Social e das Redes Interorganizacionais. In: XXXIV ENCONTRO NACIONAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - ENANPAD, 34, 2010. Rio de Janeiro, Anais... Rio de Janeiro: ANPAD, 2010.

GRANOVETTER, M. The Strenght of Weak Ties. The American Journal of Sociology, v. 78, n. 6, p. 1360-1380, 1973.

LASTRES, H. M. M.; CASSIOLATO, J. E. Sistemas de inovação e desenvolvimento as implicações de política. São Paulo em Perspectiva, v. 19, n. 1, p. 34-45, 2005.

LEITE, R.; LOPES, H. E. G.; SILVA, S. A estratégia em relacionamentos coopetitivos: um estudo do arranjo produtivo de Nova Serrana. RBGN Revista Brasileira de Gestão de Negócios. v. 11, n. 30, p. 65-78, 2009.

LIN, N. Building a theory of social capital. In: LIN, N. ; COOK, K.; BURT, S. R. (ed.) Social Capital: Theory and Research. New York: Aldine de Gruyter, 2001. p. 3-30.

LUNDVALL, B. A. Innovation as an interactive process: from user-producer interaction to the national system of innovation. In: DOSI, G.; PAVITT, K.; SOETE, L. Technical change and economic theory. London: Pinter Publishers, 1988.

MARCONATTO D.; PEDROZO, E. A. Capital Social: uma visão integrada. In: XXXV ENCONTRO NACIONAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - ENANPAD, 35, 2011. Rio de Janeiro, Anais... Rio de Janeiro: ANPAD, 2011.

MARTELETO, R. M.; SILVA, A. B. O. Redes e Capital Social: o enfoque da informação para o desenvolvimento local. Ciência da Informação. Brasília, v. 33, n. 3, p. 41-49, 2004.

MORE, J. D.; VALLE, M. R.; VILLELA, L. E. Modelo Fuzzy para Avaliação de Influência de Fatores Endógenos e Exógenos no Desenvolvimento de um APL - Aplicação no Caso de Cabo Frio-RJ. In: XXXI ENCONTRO NACIONAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - ENANPAD, 31, 2007, Rio de Janeiro, Anais… Rio de Janeiro: ANPAD, 2007.

NAHAPIET, J.; GHOSHAL, S. Social capital, intellectual capital and the organizational advantage. Academy of Management Review, v. 23, n. 2, p. 242266, 1998.

PORTES, A. Social capital: Its origins and applications in modern sociology. Annual Review of Sociology, v. 24, p. 1-24, 1998.

REGIS, H. P. Construção social de uma rede informal de mentoria nas incubadoras de base tecnológica do Recife. 196f. Tese (Doutorado) - Programa de Pós Graduação em Administração-PROPAD, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2005.

RODRIGUES, S. B.; CHILD, J. Building social capital for internationalization. Revista de Administração Contemporânea. v. 16, n. 1, p. 23-38, 2012.

SOUZA FILHO, O. V. ; SILVEIRA, R. Z.; CARRIERI, A. P. ; TEIXEIRA, J. C. Um arranjo produtivo em xeque: campo, habitus e capital simbólico em um Arranjo Produtivo Local moveleiro em Minas Gerais. Revista de Administração, v. 48, n. 4, p. 671-687, 2013.

SUGAHARA, C. R.; VERGUEIRO, W. C. S. Redes sociais: um olhar sobre a dinâmica da informação na rede (APL) Arranjo Produtivo Local Têxtil, de Americana - São Paulo. 1 ed. São Paulo: Editora Sociologia e Política, 2011.

VALE, G. M. V. Territórios vitoriosos: o papel das redes organizacionais. Rio de Janeiro: Editora Garamond Ltda. 2007.

WEGNER, D.; MAEHLER, A. E. Capital Social e Capacidade Absortiva: Influências no Desempenho de Empresas Participantes de Redes Interorganizacionais. In: VI ENCONTRO DE ESTUDOS ORGANIZACIONAIS DA ANPAD - EnEO, 6, 2010. Florianópolis, Anais... Rio de Janeiro: EnEO, 2010.

WEGNER, D.; MAEHLER, A. E. Desempenho de empresas participantes de redes interorganizacionais: analisando a influência do Capital Social e da capacidade absortiva. Revista Gestão & Planejamento, v. 13, n. 2, p. 191-211, 2012.

YIN, Robert. K. Estudo de caso. 2 ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.