A dinâmica e os fatores organizacionais propiciadores à ocorrência do assédio moral no trabalho Outros Idiomas

ID:
38982
Resumo:
Neste artigo é apresentada uma revisão da literatura sobre o assédio moral, com uma abordagem voltada para a Ciência da Administração e Psicologia Organizacional e do Trabalho. Considera-se que, no atual contexto, existem alguns fatores organizacionais propiciadores à ocorrência do assédio moral, e que são importantes de ser compreendidos pelos gestores. O assédio moral trata de um processo complexo que inclui a interação de aspectos interpessoais, sociais (grupais) e organizacionais. A abordagem aqui focada é a do assédio moral organizacional, cujo objetivo é atingir o trabalhador por meio de estratégias organizacionais de constrangimento com o objetivo de melhorar a produtividade. Ressalta-se que existem alguns fatores organizacionais que podem propiciar o assédio, como a mudança da natureza e da organização do trabalho, cultura e clima organizacional, assim como liderança. Buscaram-se subsídios conceituais explicativos do fenômeno nos modelos propostos, os quais demonstram a interação dos diversos aspectos supracitados que influenciam na ocorrência.
Citação ABNT:
NUNES, T. S.; TOLFO, S. R. A dinâmica e os fatores organizacionais propiciadores à ocorrência do assédio moral no trabalho. Revista de Gestão e Secretariado, v. 4, n. 2, p. 90-113, 2013.
Citação APA:
Nunes, T. S., & Tolfo, S. R. (2013). A dinâmica e os fatores organizacionais propiciadores à ocorrência do assédio moral no trabalho. Revista de Gestão e Secretariado, 4(2), 90-113.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/38982/a-dinamica-e-os-fatores-organizacionais-propiciadores-a-ocorrencia-do-assedio-moral-no-trabalho/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português