Perfil do (a) Profissional de Secretariado Executivo na Gestão Contemporânea: Evidências a Partir dos Ingressantes no Mercado de Trabalho na Cidade de Curitiba, e das Demandas Empresariais Outros Idiomas

ID:
40733
Resumo:
Este artigo aborda o perfil profissional do Secretariado Executivo atual considerandomercado de trabalho, diretrizes curriculares nacionais (DCN) para os cursos de secretariado é legislação de regulamentação, bem como o interesse dealunos formandos pelos temas específicos da sua profissão. Tem como objetivo analisar, por meio dos temas de pesquisa presentes nos trabalhos de conclusão de curso (TCC), se os interesses dos formandos em Secretariado Executivo estão alinhados às demandas do mercado de trabalho e da legislação.A metodologia consiste em pesquisa exploratória e descritiva, utilizando-se de métodos mistos de análise, suportados pelas técnicas de análise de conteúdo. Os dados foram obtidos por meio de pesquisa bibliográfica e documental, contando com análise de vagas ofertadas em uma empresa de recursos humanos on-line e dos TCCs realizados nos últimos dois anos por concluintes do curso de Bacharelado em Secretariado Executivo de uma instituição de ensino privada na cidade de Curitiba, PR. Os resultados indicam um alinhamento das características e habilidades trabalhadas pelos profissionais ingressantes no mercado de trabalho com as necessidades eexigências das empresas contemporâneas, o que vai ao encontro do perfil delineado pelas DCN e pelas vagas de trabalho publicadas no período selecionado. Observase ainda que a formação acadêmica desses novos profissionais está englobando tanto as características inerentes ao cotidiano da profissão como posturas relacionadas com o novo perfil da área secretarial.
Citação ABNT:
MÜLLER, R.; OLIVEIRA, V. S.; CEGAN, E. Perfil do (a) Profissional de Secretariado Executivo na Gestão Contemporânea: Evidências a Partir dos Ingressantes no Mercado de Trabalho na Cidade de Curitiba, e das Demandas Empresariais . Revista de Gestão e Secretariado, v. 6, n. 3, p. 129-151, 2015.
Citação APA:
Müller, R., Oliveira, V. S., & Cegan, E. (2015). Perfil do (a) Profissional de Secretariado Executivo na Gestão Contemporânea: Evidências a Partir dos Ingressantes no Mercado de Trabalho na Cidade de Curitiba, e das Demandas Empresariais . Revista de Gestão e Secretariado, 6(3), 129-151.
DOI:
10.7769/gesec.v6i3.453
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/40733/perfil-do--a--profissional-de-secretariado-executivo-na-gestao-contemporanea--evidencias-a-partir-dos-ingressantes-no-mercado-de-trabalho-na-cidade-de-curitiba--e-das-demandas-empresariais-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
Bardin, Laurence. (1995). Análise de conteúdo. Lisboa: Editora 70.

Bortolotto, Raquel Maria; Rinaldi, Rúbia Nara. (2008). O Secretário Executivo e sua formação nas instituições de ensino na região Sul do Brasil. Revista Expectativa, 7(7), 9-25.

Brasil. Lei n. 7.337, de 30 de setembro 1985. (1985). Dispõe sobre o Exercício da profissão de secretário, e dá outras providências. Recuperado em 20 de julho, 2015, de .

Creswell, John W.; Clark, Vicki L. (2013). Plano.Pesquisa de métodos mistos. 2a ed. Porto Alegre: Penso.

Durante, Daniela Giareta; Vaz, Caroline de Fátima Matiello; Bertoletti, Roberta; Santos, Maria Elizabete Mariano dos; Chais, Cassiane. (2011). Atuação e ascensão profissional a partir da formação em Secretariado Executivo: levantamento com egressos da UPF/RS. Revista de Gestão e Secretariado, 2(2). 170-193.

Lima, Marco Antonio; Soares, Alessandra de Paula Lima. (2014). O secretário executivo e a tecnologia da informação: um estudo sobre a utilização de recursos tecnológicos pelos profissionais da cidade de Belém/PA. Revista de Gestão e Secretariado, 5(2). 138-157.

MEC/CNE. (2003). Parecer CNE/CES 67/2003. Referencial para as Diretrizes Curriculares Nacionais – DCN dos cursos de graduação. Conselho Nacional de Educação.

Müller, Rodrigo; Sanches, Fernanda Cristina. (2014). Pesquisa acadêmica em secretariado executivo: um estudo de caso na Revista Expectativa. Revista Expectativa, 13(13).

Natalense, Liana. (1998). A secretária do futuro. Rio de Janeiro: Qualitymark.

Nd. Resolução n. 3, de 23 de junho de 2005. (2005). Diretrizes curriculares nacionais para o curso de graduação em Secretariado Executivo. Diário Oficial da União. Brasília, DF: Ministério da Educação e Cultura.

Neiva, Edméa Garcia; D’Elia, Elizabete Silva. (2005). Secretária Executiva. São Paulo: IOB-Thomson.

Prodanov, Cleber Cristiano; Freitas, Ernani Cesar de. (2013). Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. 2a ed. Novo Hamburgo: Feevale.

Sabino, Rosimeri Ferraz; Marchelli, Paulo Sergio. (2009). O debate teórico-metodológico no campo do secretariado: pluralismos e singularidades. Cadernos Ebape, 7(4), 607-621.

Santos, Magda Elizabete dos; Moretto, Cleide Fátima. (2011). O mercado de trabalho do secretário executivo no contexto da dinâmica produtiva e do emprego recentes no Brasil. Revista do Secretariado Executivo, (Secretariado em Revist@), v. 7, p. 21-35.

Stece, Vanderleia; Cegan, Edilaine; Lima, Thereza Cristina Souza; Boguslawski, Ana Maria. (2014). Características dos cursos superiores de tecnologia e bacharelado em secretariado: um estudo com base na interpretação das diretrizes curriculares. Revista de Gestão e Secretariado, 5(1), 62-81.

Werner, Adriane; Oliveira,Vanderleia Stece de. (2014). Secretariado Executivo e Relações Públicas: uma parceria de sucesso. Curitiba: Intersaberes.