Produção Acadêmica do Tema 'Lei 11.638/07' Divulgada em Periódicos Nacionais da Área Contábil entre os Anos de 2008 a 2014 Outros Idiomas

ID:
41694
Periódico:
Resumo:
O objetivo deste estudo foi analisar a produção acadêmica do tema “Lei 11.638/07” divulgada em periódicos da área contábil durante o período de 2008 a 2014. Metodologicamente, este estudo trabalhou as técnicas de análise bibliométrica e de rede social, sendo que esta última também enfatizou as redes two-mode. Das 37 revistas investigadas, 22 publicaram no mínimo um artigo sobre o tema “Lei 11.638/07”. Destes 22 periódicos, quatro ficaram mais em evidência nesta pesquisa: Pensar Contábil, Revista de Contabilidade e Organizações, Contabilidade Vista & Revista e Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade. A Universidade de São Paulo foi a mais profícua. E os temas: ativos intangíveis, convergência contábil, impairment, demonstrações contábeis e informação contábil, foram os mais publicados neste estudo. Este estudo contribuiu para evidenciar, difundir e posteriormente disseminar e socializar o tema “Lei 11.638/07” na literatura científica brasileira, colaborando com isso para seu aperfeiçoamento e desenvolvimento no campo do conhecimento da contabilidade.
Citação ABNT:
RIBEIRO, H. C. M.Produção Acadêmica do Tema 'Lei 11.638/07' Divulgada em Periódicos Nacionais da Área Contábil entre os Anos de 2008 a 2014. Pensar Contábil, v. 18, n. 65, p. 51-66, 2016.
Citação APA:
Ribeiro, H. C. M.(2016). Produção Acadêmica do Tema 'Lei 11.638/07' Divulgada em Periódicos Nacionais da Área Contábil entre os Anos de 2008 a 2014. Pensar Contábil, 18(65), 51-66.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/41694/producao-academica-do-tema--lei-11-638-07--divulgada-em-periodicos-nacionais-da-area-contabil-entre-os-anos-de-2008-a-2014/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
Albuquerque Filho, J. B.; Machado-Da-Silva, C. L. (2009). Práticas organizacionais e estrutura de relações no campo do desenvolvimento metropolitano. Revista de Administração Contemporânea, 13(4), 626-646.

Almeida, S. R. V.; Costa, T. de A.; Coutinho e Silva, A. H.; Laurencel, L. da C. (2011). Análise dos impactos das normas internacionais de contabilidade sobre o lucro líquido e o patrimônio líquido das empresas do setor de extração e processamento de recursos naturais. Revista de Contabilidade do Mestrado em Ciências Contábeis da UERJ, 16(3), 136-156.

Ambrozini, M. A. (2014). Análise do grau de evidenciação das operações com instrumentos financeiros derivativos pelas companhias brasileiras listadas no Ibovespa. Revista Contemporânea de Contabilidade, 11(24), 25-42.

Beuren, I. M.; Almeida, D. M. (2015). Impacto da adoção das normas internacionais de contabilidade na área da controladoria. Revista de Administração Contemporânea, 19(3), 311-335.

Beuren, I. M.; Souza, J. C. de. (2008). Em busca de um delineamento de proposta para classificação dos periódicos internacionais de contabilidade para o Qualis CAPES. Revista Contabilidade & Finanças, 19(46), 44-58.

Bordin, A. S.; Gonçalves, A. L.; Todesco, J. L. (2014). Análise da colaboração científica departamental através de redes de coautoria. Perspectivas em Ciência da Informação, 19(2), 37-52.

Bremenkamp, F. H.; Almeida, J. E. F. de; Pereira, M. M. A. M. (2011). Análise do disclosure relacionado a acidentes ambientais da Petrobras após a Lei nº 11.638/07. Sociedade, Contabilidade e Gestão, 6(Especial), 67-83.

Brito, S. S.; Ambrozini, M. A. (2014). Impactos da implementação das normas internacionais de contabilidade sobre indicadores financeiros: um estudo das empresas brasileiras com ativos biológicos. Contabilidade Vista & Revista, 24(3), 78-102.

Bufrem, L.; Prates, Y. (2005). O saber científico registrado e as práticas de mensuração da informação. Ciência da Informação, 34(2), 9-25.

Burrell, Q. L. (2001). “Ambiguity” and scientometric measurement: a dissenting view. Journal of the American Society for Information Science and Technology, 52(12), 1075-1080.

Capes - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Nd. Recuperado em: .

Cardoso, R. L.; Saravia, E.; Tenório, F. G.; Silva, M. A. (2009). Regulação da contabilidade: teorias e análise da convergência dos padrões contábeis brasileiros aos IFRS. Revista de Administração Pública, 43(4), 773-799.

Carvalho, L. N. G. de, Costa, P de S.; Oliveira, A. T. de. (2010). Impairment no setor público: particularidades das normas nacionais e internacionais. Revista de Administração Pública, 44(4), 839-876.

Cerqueira, D. A. C.; Rezende, A. J.; Dalmácio, F. Z.; Silva, J. M. da. (2012). O impacto do reconhecimento do custo atribuído e da divulgação de impairment de ativos tangíveis e intangíveis (IFRS) sobre os preços e os retornos das ações das companhias brasileiras. Revista de Contabilidade do Mestrado em Ciências Contábeis da UERJ, 17(3), 5-23.

Coelho, C. M. P.; Niyama, J. K.; Rodrigues, J. M. (2011). Análise da qualidade da informação contábil frente a implementação dos IFRS: uma pesquisa baseada nos periódicos internacionais (1999 a 2010). Sociedade, Contabilidade e Gestão, 6(2), 7-20.

Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC). Pronunciamentos. Recuperado em: .

Cosenza, J. P.; Laurencel, L. da C. (2011). Um olhar sobre a harmonização contábil no Brasil à luz da teoria Habermasiana. Revista de Informação Contábil, 5(4), 79-103.

Costa, A de J. B.; Lustosa, P. R. B. (2014). Rankings de los programas de posgrado en contabilidad: análisis de producción docente según publicación en revistas brasileñas (2000-2009). Cuadernos de Contabilidad, 15(38), 549-573.

Crisóstomo, V. L. (2009). Ativos Intangíveis: estudo comparativo dos critérios de reconhecimento, mensuração e evidenciação adotados no Brasil e em outros países. Contabilidade, Gestão e Governança, 12(1), 50-68.

Cunha, P. R. da; Santos, V. dos; Hein, N.; Lyra, R. L. W. C. de. (2013). Reflexos da Lei nº 11.638/07 nos indicadores contábeis das empresas têxteis listadas na BM&FBovespa. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, 7(2), 112-130.

Ducci, N. P. C.; Teixeira, R. M. (2011). As redes sociais dos empreendedores na formação do capital social: um estudo de casos múltiplos em municípios do norte pioneiro no estado do Paraná. Cadernos EBAPE.BR, 9(4), 967-997.

Egghe, L. (1999). On the law of Zipf-mandelbrot for multi-word phrases. Journal of the American Society for Information Science, 50(3), 233-241.

Espejo, M M dos S. B.; Cruz, A. P. C. da, Costa, F.; Espejo, R. A.; Comunelo, A. L. (2010). Evidências empíricas do ensino no curso de ciências contábeis – uma análise das respostas às alterações provenientes da Lei 11.638/07. Revista de Contabilidade do Mestrado em Ciências Contábeis da UERJ, 15(1), 22-39.

Ferreira, F. R.; Martinez, A. L.; Costa, F. M. da; Passamani, R. R. (2012). Book-tax differences e gerenciamento de resultados no mercado de ações do Brasil. Revista de Administração de Empresas, 52(5), 488-501.

Ferreira, J. B. P. D. L.; Niyama, J. K.; Mendes, P. C. D. M. (2008). Critérios de mensuração e reconhecimento estabelecidos pela lei societária, normas da CVM e legislação tributária: uma pesquisa empírica nas companhias abertas brasileiras. Pensar Contábil, 10(40), 1-13.

Ferreira, M. A. S. P. V.; Reis, N. R.; Serra, F. A. R.; Costa, B. K. (2014). Understanding the footprint of the RBV in international business studies: the last twenty years of research. Brazilian Business Review, 11(4), 53-83.

Francisco, E. de R. (2011). RAE-eletrônica: exploration of archive in the light of bibliometrics, geoanalysis and social network. Revista de Administração de Empresas, 51(3), 280-306.

Fuji, A. H. (2008). Contabilização de títulos e valores mobiliários: uma comparação entre as normas brasileiras, do FASB e do IASB. Revista Contabilidade & Finanças, 19(47), 112-123.

Geron, C. M. S. (2008). Evolução das práticas contábeis no Brasil nos últimos trinta anos: da Lei n° 6.404/76 à Lei n° 11.638/07. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis), USP, São Paulo.

Gomes, C. V.; Souza, P. de; Lunkes, R. J. Práticas contábeis divulgadas por empresas de materiais básicos antes e após a vigência da Lei n. 11.638/07. Registro Contábil, 5(1), 148-167.

Gonçalves, J. C.; Batista, B. L. L.; Macedo, M A da S.; Marques, J. A. V. da C. (2014). Análise do impacto do processo de convergência às normas internacionais de contabilidade no Brasil: um estudo com base na relevância da informação contábil. Revista Universo Contábil, 10(3), 25-43.

Igarashi, D. C. C.; Tognon, F. C.; Igarashi, W. Análise de demonstrativos financeiros de modo a identificar as alterações na evidenciação dos ativos intangíveis em função da Lei nº 11.638/07. ConTexto, 11(19), 77-88.

Ikuno, L. M.; Niyama, J. K. (2015). Uma análise epistemológica das pesquisas em contabilidade internacional: um estudo em periódicos internacionais de língua inglesa. Revista Ambiente Contábil, 7(1), 109-131.

Ikuno, L. M.; Niyama, J. K.; Santana, C. M.; Botelho, D. R. (2012). Contabilidade internacional: uma análise da produção científica nos principais periódicos internacionais da área - 2000 a 2009. Revista de Contabilidade e Organizações, 6(15), 142-163.

Klann, R. C.; Paton, C.; Cunha, J. V. A. D.; Toledo Filho, J. R. D. (2011). Impacto da contabilização do arrendamento mercantil financeiro segundo a Lei 11.638/07 nas demonstrações contábeis das empresas aéreas brasileiras. Revista Catarinense da Ciência Contábil, 8(24), 81-96.

Klann, R. C.; Salla, N. M. G. (2014). Convergência voluntária às normas internacionais de contabilidade em sociedades cooperativas: correlação entre padrões e práticas. ConTexto, 14(26), 90-102.

Leite, D. U.; Pinheiro, L. E. T. (2014). Disclosure de ativo intangível: um estudo dos clubes de futebol brasileiros. Revista Enfoque: Reflexão Contábil, 33(1), 89-104.

Lemes, S.; Carvalho, L. N. G. de. (2009). Comparabilidade entre o resultado em BR GAAP e US GAAP: evidências das companhias brasileiras listadas nas bolsas norte-americanas. Revista Contabilidade & Finanças, 20(50), 25-45.

Lindner, G.; Cunha, P. R. da; Faveri, D. B. de. Reflexo da adoção da Lei 11.638/07 e da medida provisória 449/08 nos indicadores econômico-financeiros das empresas listadas no segmento de fios e tecidos na BM&FBovespa. Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace, v. 8, p. 1-17.

Lunedo, A. C. B., Kruger, S. D., Mazzioni, S., Lunedo, R.; Folletto, E. P. (2014). As Caracteristicas das publicações brasileiras sobre as IFRS e os pronunciamentos contábeis em periódicos de elevado impacto. Revista Sociais e Humanas, 27(2), 40-57.

Lunedo, A. C. B.; Kruger, S. D.; Mazzioni, S.; Lunedo, R.; Folletto, E. P. (2014). As Caracteristicas das publicações brasileiras sobre as IFRS e os pronunciamentos contábeis em periódicos de elevado impacto. Revista Sociais e Humanas, 27(2), 40-57.

Macêdo, H. C. de, Paulo, E., Martins, V. G.; Niyama, J. K. (2011). Análise da sensibilidade do resultado contábil às variações do ativo permanente ocasionadas pela Lei n 11.638/07. Revista de Informação Contábil, 5(3), 43-58.

Macedo, M A da S., Machado, M. A. V., Murcia, F. D. R.; Machado, M. R. (2011). Analise do impacto da substituição da DOAR pela DFC: um estudo sob a perspectiva do value-relevance. Revista Contabilidade & Finanças, 22(57), 299-318.

Machado Júnior, C. (2012). A influência de pesquisadores do stricto sensu em administração na legitimação do conhecimento em sustentabilidade ambiental. Tese (Doutorado em Administração), Universidade Nove de Julho, São Paulo.

Machado, M. A. V., Macedo, M A da S.; Machado, M. R. (2015). Análise da relevância do conteúdo informacional da DVA no mercado brasileiro de capitais. Revista Contabilidade & Finanças, 26(67), 57-69.

Martins, A. I., João, B. N.; Marion, J. C. (2012). O perfil da pesquisa contábil sobre IFRS: uma revisão bibliométrica dos artigos internacionais sobre a materia. Revista Científica Hermes, v. 7, p. 133-154.

Martins, G. S., Rossoni, L., Csillag, J. M., Martins, M. E.; Pereira, S. C. F. (2010). Gestão de operações no Brasil: uma análise do campo científico a partir da rede social de pesquisadores. RAE-eletrônica, 9(2), 1-26.

Mazzioni, S., Politelo, L., Moreira, W. J.; Klann, R. C. (2014). Fatores determinantes na evidenciação da redução ao valor recuperável de ativos (impairment test) em empresas listadas na BM&FBovespa. Revista de Administração e Contabilidade da Unisinos, 11(4), 276-291.

Mello, C. M. de; Crubellate, J. M; Rossoni, L. (2010). Dinâmica de relacionamento e prováveis respostas estratégicas de programas brasileiros de pós-graduação em administração à avaliação da capes: proposições institucionais a partir da análise de redes de co-autorias. Revista de Administração Contemporânea, 14(3), 434-457.

Murcia, F. D. R.; Borba, J. A. (2008). Possibilidades de inserção da pesquisa contábil brasileira no cenário internacional: uma proposta de avaliação dos periódicos científicos de contabilidade e auditoria publicados em língua inglesa e disponibilizados no portal de periódicos da Capes. Revista Contabilidade & Finanças, 19(46), 30-43.

Murcia, F. D. R.; Souza, M. M. de; Wuergues, A. F. E.; Duarte, G. (2013). Realização ou estorno da reserva de reavaliação: fatores determinantes da escolha das companhias abertas no brasil após o advento da lei 11.638/07. Advances in Scientific and Applied Accounting, 6(1), 112-133.

Nascimento, S G O. de A. S. do; Lopes, J E do G.; Colauto, R. D.; Pederneiras, M. M. M. (2014). Colonização da contabilidade: um estudo sobre o processo de convergência da contabilidade brasileira aos padrões internacionais. Revista Ambiente Contábil, 6(2), 134-151.

Nogueira Junior, E.; Jucá, M. N.; Silva Macedo, M. Á. da; Corrar, L. J. (2013). Início da adoção das IFRS no Brasil: Os impactos provocados na relação entre o lucro e o fluxo de caixa operacional. Contabilidade Vista & Revista, 23(1), 47-74.

Oliveira, V. A.; Lemes, S. (2011). Nível de convergência dos princípios contábeis brasileiros e norte-americanos às normas do IASB: uma contribuição para a adoção das IFRS por empresas brasileiras. Revista Contabilidade & Finanças, 22(56), 155-173.

Ott, E.; Cunha, J. V. A. da; Cornacchione Júnior, E. B.; De Luca, M. M. M. (2011). Relevância dos conhecimentos, habilidades e métodos instrucionais na perspectiva de estudantes e profissionais da área contábil: estudo comparativo internacional. Revista Contabilidade & Finanças, 22(57), 338-356.

Pinto, A. F.; Avelar, B.; Fonseca, K. B. C.; Araújo Silva, M. B.; Costa, P. de S. (2014). Value relevance da evidenciação de provisões e passivos contingentes. Pensar Contábil, 16(61), 54-65.

Ponte, V. M. R.; Oliveira, M. C.; Cavalcante, D. S.; De Luca, M. M. M. (2012). Análise das práticas de divulgação do ajuste ao valor presente pelas companhias listadas na BM&FBovespa. Revista Universo Contábil, 8(1), 53-69.

Ramos-Rodríguez, A. R.; Ruíz-Navarro, J. (2004). Changes in the intellectual structure of strategic management research: a bibliometric study of the strategic management journal, 1980-2000. Strategic Management Journal, v. 25, p. 981-1004.

Reina, D. R. M.; Reina, D.; Silva, S. F. da. (2014). Comparabilidade da informação contábil em empresas brasileiras após a adoção das normas internacionais de contabilidade. Revista Contemporânea de Contabilidade, 11(23), 77-94.

Reina, S. G.; Varolo, F A de Q.; Gozer, I. C. (2011). Normas internacionais de contabilidade: um estudo bibliométrico nos periódicos contábeis. Revista de Ciências Empresariais da Unipar, 12(1), 131-152.

Reis, N. R.; Ferreira, M. P.; Santos, J. C.; Serra, F. R. (2013). A bibliometric study of the cultural models in international business research. Revista de Administração e Contabilidade da Unisinos, 10(4), 340-354.

Ribeiro, H. C. M. (2013). Características da produção veiculada na Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade no período de 2007 a 2012. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, 7(4), 424-443.

Ribeiro, H. C. M. (2014). Corporate governance versus corporate governance: an international review: uma análise comparativa da produção acadêmica do tema governança corporativa. Revista Contemporânea de Contabilidade, 11(23), 95-116.

Ribeiro, H. C. M. (2014). Quinze anos de produção acadêmica do tema contabilidade internacional: uma análise bibliométrica em periódicos brasileiros. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, 8(3), 326-343.

Rossoni, L.; Guarido Filho, E. R. (2009). Cooperação entre programas de pós-graduação em administração no Brasil: evidências estruturais em quatro áreas temáticas. Revista de Administração Contemporânea, 13(3), 366-390.

Santos, E. S.; Calixto, L. (2010). Impactos do início da harmonização contábil internacional (lei 11.638/07) nos resultados das empresas abertas. RAE eletrônica, 9(1), 1-26.

Santos, L. P. G. dos, Lima, G. A. S. F. de; Freitas, S. C. de; Lima, I. S. (2011). Efeito da Lei 11.638/07 sobre o conservadorismo condicional das empresas listadas BM&FBovespa. Revista Contabilidade & Finanças, 22(56), 174-188.

Santos, M. A. C. dos; Cavalcante, P. R. N. (2014). O efeito da adoção dos IFRS sobre a relevância informacional do lucro contábil no Brasil. Revista Contabilidade & Finanças, 25(66), 228-241.

Silva, A. F. S. da; Silva, E. P. da; Denberg, M W dos S. (2011). Mensuração do fair value de ativos tangíveis: estoque e ativo imobilizado. Pensar Contábil, 13(51), 48-55.

Silva Filho, A C da C. E.; Martins, V. G.; Machado, M. A. V. (2013). Adoção do valor justo para os ativos biológicos: análise de sua relevância em empresas brasileiras. Revista Universo Contábil, 9(4), 110-127.

Silva, J. O. da; Haussmann, D. C. S.; Beuren, I. M. (2012). Reflexos das alterações da Lei nº 11.638/07 nas informações trimestrais de empresas de capital aberto. Revista de Contabilidade e Controladoria, 4(1), 62-77.

Silva, R. L. M. da; Nardi, P. C. C. (2014). Demonstrações contábeis no Brasil após adoção do CPC 13: reação do mercado de ações. Advances in Scientific and Applied Accounting, 7(3), 362-385.

Tavares, M. F. N.; Lopes, J E de G.; Ribeiro Filho, J. F.; Pederneiras, M. M. M.; Amaro, R. G.; Iudícibus, S. de. (2010). Uma contribuição epistemológica à contabilidade internacional: análise nas dissertações e teses brasileiras divulgadas no banco de dados de teses e dissertações (BDTD) entre 1999 e 2008. Advances in Scientific and Applied Accounting, 3(2), 217-238.

Teodoro, J. D.; Espejo, M M dos S. B.; Scherer, L. M.; Barros, C. M. E. (2011). O processo de harmonização às normas internacionais sob a perspectiva da produção científica. Pensar Contábil, 13(52), 5-14.

Vanti, N. A. P. (2002). Da bibliometria à webometria: uma exploração conceitual dos mecanismos utilizados para medir o registro da informação e a difusão do conhecimento. Ciência da Informação, 31(2), 152-162.