Responsabilidade Social das Empresas que Pertencem ao Programa “Em Boa Companhia” da BM&FBovespa Outros Idiomas

ID:
44225
Resumo:
Este estudo objetivou identificar o nível de responsabilidade social das empresas que pertencem ao programa “Em Boa Companhia” da BM&FBovespa. Para isso, realizou-se uma pesquisa descritiva, documental e quantitativa. A população do estudo compreende todas as empresas que fazem parte do programa “Em Boa Companhia” da BM&FBovespa e estão listadas no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) e no Índice Carbono Eficiente (ICO2), sendo composta de 29 empresas. Destas, seis constituíram a amostra, as quais possuíam os dados necessários para a realização desta pesquisa. A análise dos dados foi realizada a partir dos indicadores propostos no modelo de Balanço Social do Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (IBASE). Os resultados evidenciaram que a empresa Banco do Brasil foi a que mais investiu em indicadores sociais internos no período analisado, enquanto que a Ultrapar foi a que menos investiu. Já a empresa Cemig apresentou o maior valor em indicadores externos e o maior investimento se considerada a receita líquida. Constatou-se, também, que dentre as empresas que divulgam seu Balanço Social, o valor relativo aos investimentos com indicadores ambientais é bem inferior aos indicadores internos e externos. Além disso, quase todo o valor investido em indicadores externos é destinado para os tributos.
Citação ABNT:
SCHUSTER, H. A.; MORETTI, B. R.; LAVARDA, C. E. F.; KLANN, R. C. Responsabilidade Social das Empresas que Pertencem ao Programa “Em Boa Companhia” da BM&FBovespa . Revista de Administração da UFSM, v. 9, n. Ed. Especial XVII Engema 2015, p. 7-23, 2016.
Citação APA:
Schuster, H. A., Moretti, B. R., Lavarda, C. E. F., & Klann, R. C. (2016). Responsabilidade Social das Empresas que Pertencem ao Programa “Em Boa Companhia” da BM&FBovespa . Revista de Administração da UFSM, 9(Ed. Especial XVII Engema 2015), 7-23.
DOI:
10.5902/19834659 21731
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/44225/responsabilidade-social-das-empresas-que-pertencem-ao-programa----em-boa-companhia----da-bm-fbovespa-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ABNT. Associação Brasileira de Normas e Técnicas. NBR 16001. Responsabilidade Social: sistema da gestão – requisitos. Brasil, ABNT, 2004.

BM&FBOVESPA. Bolsa de Mercadorias & Futuros e Bolsa de Valores de São Paulo. Em Boa Companhia. 2015. Disponível em: Acesso em: 22 Jul. 2015.

BOHLANDER, G. W; SNELL, S.; SHERMAN, A. W. Administração de Recursos Humanos. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2004.

CESAR, J. F.; SILVA, J. A. A relação entre a responsabilidade social e ambiental com o desempenho financeiro: um estudo empírico na Bovespa no período de 1999 a 2006. In: Congresso Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Ciências Contábeis. Anais... 2008.

COUTINHO, R. B. G.; MACEDO SOARES, T. D. L. V. A.. Gestão estratégica com responsabilidade social: arcabouço analítico para auxiliar sua implementação em empresas no Brasil. Revista de Administração Contemporânea, v. 6, n. 3, p. 75-96, 2002.

CUNHA, J. V. A.; RIBEIRO, M. S. Divulgação voluntária de informações de natureza social: um estudo nas empresas brasileiras. Revista de Administração Eletrônica, v. 1, n. 1, p. 1-23, 2008.

CUNHA, J. V. A.; RIBEIRO, M. S.; SANTOS, A. A demonstração do valor adicionado como instrumento de mensuração da distribuição da riqueza. Revista Contabilidade & Finanças, v. 16, n. 37, p. 7-23, 2005.

CUNHA, P. R.; SANTOS, V.; MASOTTI, F. G., BEUREN, I. M. Balanço social no terceiro setor: análise do nível de adesão ao modelo IBASE de uma organização hospitalar. Enfoque: Reflexão Contábil, v. 29, n. 3, p. 76-93, 2010.

DAL MAGRO, C. B.; DI DOMENICO, D.; UTZIG, M. J. S.; LAVARDA, C. E. F.; MAZZIONI, S. Responsabilidade Social nas Empresas Listadas na BM&FBOVESPA. Revista Gestão e Planejamento, v. 12, n. 3, p. 746-765, 2012.

DIAS, L. N. S.; SIQUEIRA, J. R. M. Análise da evolução qualitativa dos balanços sociais da Petrobras no período de 2000 a 2004. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 6, 2006, São Paulo. Anais... São Paulo: FEA/USP, 2006.

EIDT, A.; FANK, O. L.; VOGT, M.; DEGENHART, L. Responsabilidade Social: Estudo nas Empresas Listadas no Programa em “Boa Companhia” da Bolsa de Valores BM&FBOVESPA. Revista Conexão, n. 1, p. 1-19, 2014.

FERRAZ, M. O.; SCUDELER, V. C. O balanço social como indicador da responsabilidade social empresarial. Universitas, n. 2, p. 11-35, 2009.

GONZAGA, F. M.; LIMA, L. A. S.; REBELO, L. M. B.; SOUZA, W. A. R. O Balanço Social e a Responsabilidade Social nas Empresas Brasileiras: Avaliação em Empresas de Capital Aberto. In: Convibra Administração. 2012. Anais... 2012.

HORTA, C. E. R.; RAMOS, F. R.; LIMA, L. Responsabilidade Social. Abmes, n. 5, p. 1925, 2011.

IBASE.Instituto Brasileiro de Análises Econômicas. Balanço Social. 2015. Disponível em: . Acesso em: 21 Jul. 2015.

LIMA, D. V.; VIEGAS, W. Tratamento contábil e evidenciação das externalidades ecológicas. Revista Contabilidade & Finanças, v. 13, n. 30, p. 46-53, 2002.

LONGENECKER, J. G. Introdução à administração: uma abordagem comportamental. 1. ed. São Paulo: Atlas, 1981.

LUCA, M. M. M.; MOURA, A. A. F.; NASCIMENTO, F. S. P. Evidenciação voluntária de informações sociais por empresas de capital aberto no Brasil com base nos indicadores de responsabilidade social da ONU. Revista Alcance, v. 19, n. 3, p. 362-380, 2012.

MAZZIONI, S. Delineamento de um modelo de balanço social para uma fundação universitária. 2005. 193 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis) - Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis da Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, 2005.

MAZZIONI, S.; DI DOMENICO, D.; ZANIN, A. A evidenciação da prática corporativa de ações de responsabilidade social com o uso do balanço social. Revista Catarinense da Ciência Contábil, v. 9, n. 27, p. p. 43-59, 2011.

MAZZIONI, S.; TINOCO, J. E. P.; OLIVEIRA, A. B. S. Proposta de um modelo de balanço social para fundações universitárias. Revista Base (Administração e Contabilidade) da UNISINOS, v. 4, n. 3, p. 274-286, 2007.

MOSCOVICI, F. Renascença Organizacional. 8. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2000.

OLIVEIRA, J. A. P. Uma avaliação dos balanços sociais das 500 maiores. RAE-eletrônica, v. 4, n. 1, 2005.

PINTO, A. L.; RIBEIRO, M. S. Balanço social: avaliação de informações fornecidas por empresas industriais situadas no estado de Santa Catarina. Revista Contabilidade & Finanças, v. 15, n. 36, p. 21-34, 2004.

QUINTANA, A. C.; JACQUES, F. V. S.; MARTINS, A. S. R.; VALLE, P. R. P. C. A Evidenciação Quantitativa dos Investimentos Ambientais com o Auxílio do Balanço Social e da Demonstração do Valor Adicionado. RICG - Revista Iberoamericana de Contabilidade e Gestión, v. 11, n. 21, p. 1-17, 2013.

SANTOS, A. P.; SILVA JÚNIOR, L. R. Balanço Social: Uma Análise Comparativa dos Indicadores Sociais Internos e Externos das Instituições Financeiras Caixa e Banco do Brasil 2002 a 2011. Revista Unemat de Contabilidade, v. 2, n. 4, p. 53-69, 2013.

SOUZA, E. C.; PFITSCHER, E. D.; FREY, I. A. Balanço Social: uma análise dos indicadores sociais internos de uma empresa do ramo de pesquisa agropecuária no período de 2006 a 2010. 2011. In: XIV Semead – Seminários em Administração, São Paulo, Anais... 2011.

TORRES, C. Responsabilidade social das empresas (RSE) e balanço social no Brasil. In: SILVA, César Augusto Tibúrcio; FREIRE, Fátima de Souza. (Org.). Balanço social: teoria e prática. São Paulo: Atlas, 2001.

TREVISAN, F. A. Balanço social como instrumento de marketing. RAE-eletrônica, v. 1, n. 2, p. 1-12, 2002.

TUPY, O. Investimentos em meio ambiente, responsabilidade social e desempenho econômico-financeiro de empresas no Brasil. Revista de Estudos Politécnicos, v. 6, n. 10, p. 73-86, 2008.