Atitude em relação a atributos ecológicos de produtos como base de segmentação de mercado consumidor Outros Idiomas

ID:
4456
Resumo:
No estudo aqui apresentado, verificou-se a utilização da variável atitude em relação a atributos ecologicamente corretos de bens de consumo como base para a segmentação de mercado. Foi realizada uma pesquisa quantitativa descritiva, por meio do estudo de campo, com amostra não probabilística por conveniência de estudantes e professores de uma universidade da cidade de São Paulo/SP, que expressaram suas opiniões por autopreenchimento de um instrumento de coleta de dados estruturado e disfarçado. Os dados foram analisados com duas técnicas multivariadas: análise fatorial e análise de conglomerados. Com a primeira foi possível reduzir o conjunto de variáveis a dois fatores: ciclo de vida e economicidade; os escores desses fatores foram utilizados como entradas à análise de conglomerados. Essa análise gerou conglomerados, possibilitando conclusão favorável ao problema de pesquisa. Os resultados confirmaram as expectativas iniciais da pesquisa quanto à possibilidade de obtenção de conglomerados utilizando a atitude em relação a produtos com atributos ecologicamente corretos.
Citação ABNT:
MOTTA, S. L. S.; MATTAR, F. N. Atitude em relação a atributos ecológicos de produtos como base de segmentação de mercado consumidor. Revista de Administração, v. 46, n. 1, art. 3, p. 32-44, 2011.
Citação APA:
Motta, S. L. S., & Mattar, F. N. (2011). Atitude em relação a atributos ecológicos de produtos como base de segmentação de mercado consumidor. Revista de Administração, 46(1), 32-44.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/4456/atitude-em-relacao-a-atributos-ecologicos-de-produtos-como-base-de-segmentacao-de-mercado-consumidor/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
AAKER, David A.; KUMAR, V.; DAY, George S. Pesquisa de marketing . São Paulo: Atlas, 2001.

ABRAMOVAY, Ricardo. Enxofre no diesel. Folha de S. Paulo , São Paulo, 5 jan. 2009, p. A3.

AJZEN, Icek. Attitudes, personality, and behavior . Centic Court: Open University Press, 1988.

ALMEIDA, Filipe J. R. de. Ética e desempenho social das organizações: um modelo teórico de análise dos fatores culturais e contextuais. Revista de Administração Contemporânea (RAC), Rio de Janeiro, v. 11, n. 3, p. 105-125, jul. /set. 2007.

ALWITT, Linda F.; PITTS, Robert E. Predictive purchase intentions for an environmentally sensitive product. Journal of Consumer Psychology , Hillsdale, v. 5, n. 1, p. 49-64, 1996.

ANASTASI, Anne. Testes psicológicos : teoria e aplicação. São Paulo: Herder, 1965.

BABBIE, Earl. Métodos de pesquisas de survey. Belo Horizonte: UFMG, 2003.

BASS, Frank M.; TALARZYK, W. Wayne. An attitude model for the study of brand preference. Journal of Marketing Research, Chicago, v. 9, n. 1, p. 93-96, Feb. 1972.

BEDANTE, Gabriel N. A influência da consciência ambiental e das atitudes em relação ao consumo sustentável na intenção de compra de produtos ecologicamente embalados . 2004. Dissertação (Mestrado em Administração de Empresas) - Programa de Pós-Graduação em Administração da Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, 2004.

BEDANTE, Gabriel N.; SLONGO, Luiz A. O comportamento de consumo sustentável e suas relações com a consciência ambiental e a intenção de compra de produtos ecologicamente embalados. In: ENCONTRO DE MARKETING DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO - EMA, 1. , 2004, Porto Alegre. Anais. . . Porto Alegre: Anpad, 2004.

BLACKWELL, Roger D.; MINIARD, Paul W.; ENGEL, James F. Comportamento do consumidor . São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2005.

BOYD JR, Harper W.; WALKER JR., Orville C. Marketing management : a strategic approach. Homewood: Irwin, 1990.

CALOMARDE, José V. Marketing ecológico. Madrid: Pirâmide-ESIC, 2000.

CANNELL, Charles F.; KAHN, Robert L. Coleta de dados por entrevista. In: FESTINGER, Leon; KATZ, Daniel (Coord. ). A pesquisa na psicologia social . Rio de Janeiro: Fundação Getulio Vargas, 1974.

CAPRA, Fritjof. As conexões ocultas : ciência para uma vida sustentável. São Paulo: Cultrix, 2002.

CHEIN, Isidor. Uma introdução à amostragem. In: SELLTIZ, Claire; JAHODA, Marie; DEUTSCH, Morton; COOK, Stuart W. Métodos de pesquisa nas relações sociais. São Paulo: EPU, 1974.

CHEN, Chialin. Design for the environment: a quality-based model for green product development. Management Science , Linthicum, v. 47, n. 2, p. 250-263, Feb. 2001.

CLEVELAND, Mark; KALAMAS, Maria; LAROCHE, Michel. Shades of green: linking environmental locus of control and pro-environmental behaviors. The Journal of Consumer Marketing , Santa Barbara, v. 22, n. 4/5, p. 198-212, 2005.

COOMBS, Clyde H. Teoria e métodos da mensuração social. In: FESTINGER, Leon; KATZ, Daniel (Coord.). A pesquisa na psicologia social . Rio de Janeiro: Fundação Getulio Vargas, 1974.

COOPER, Donald R.; SCHINDLER, Pamela S. Métodos de pesquisa em administração. 7. ed. Porto Alegre: Bookman, 2003.

CRAVENS, David W. Strategic marketing . Burr Ridge: Irwin, 1994.

DAVIS, Joel J. Strategies for environmental advertising. The Journal of Consumer Marketing , Santa Barbara, v. 10, n. 2, p. 19-36, 1993.

DONAIRE, Denis. Gestão ambiental na empresa. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

DRUCKER, Peter. Sociedade pós-capitalista. São Paulo: Pioneira/Publifolha, 1999.

DUPAS, Gilberto. Filantropia e capitalismo global. Folha de S. Paulo, São Paulo, 2 nov. 2006, p. A3.

FRANKEL, Carl; CODDINGTON, Walter. Environmental marketing. In: KOLLURU, Rao V. (Ed. ). Environmental strategies handbook. Newe York: McGraw-Hill, 1994

FUKUYAMA, Francis. O fi m da história e o último homem. Rio de Janeiro: Rocco, 1992.

FURSE, David H.; GREENBERG, Barnett A. Cognitive style and attitude as market segmentation variables: a comparison. Journal of Advertising , Provo, v. 4, n. 4, p. 39-44, Fall 1975.

GETZNER, Michael; GRABNER-KRÄUTNER, Sonja. Consumer preferencies and marketing strategies for “green shares”: specifics of the Austrian market. The International Journal of Bank Marketing , Bradford, v. 22, n. 4/5, p. 260-278, 2004.

GIACOMINI FILHO, Gino. Ecopropaganda. São Paulo: Senac São Paulo, 2004.

HAIR JR., Joseph F.; ANDERSON, Rolph E.; TATHAM, Ronald L.; BLACK, William C. Análise multivariada de dados . 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

HILL, Helene; LYNCHEHAUM, Fidelma. Organic milk: attitudes and consuption patterns. British Food Journal , Bradford, v. 104, n. 7, p. 526-542, 2002.

HONKANEN, Pirjo; OLSEN, Svein O.; MYRLAND, Oystein. Preference-based segmentation: a study of meal preferences among Norwegian teenagers. Journal of Consumer Behavior, London, v. 3, n. 3, p. 235-250, Mar. 2004.

JOHNSON, Richard M. Market segmentation: a strategic management tool. Journal of Marketing Research, Chicago, v. 8, n. 1, p. 13-18, Feb. 1971.

JOHNSON, Scott D.; JOHNSON, Denise M. Eco-attitudes and eco-behaviors in the New German States: a 1992 perspective. In: POLONSKY, Michael J.; MINTU-WIMSATT, Alma T. (Ed.). Environmental marketing : strategies, practice, theory, and research. New York: Hawort, 1995.

JÖHR, Hans. O verde é negócio . São Paulo: Saraiva, 1994.

KEILOR, Bruce; OWENS, Deborah; PETTIJOHN, Charles. A cross cultural/cross national study of influencing factors and socially desirable response biases. International Journal of Market Research , Henley-on-Themes, v. 43, n. 1, p. 63-84, First Quarter 2001.

KOTLER, Philip. Administração de marketing : a edição do novo milênio. 10. ed. São Paulo: Prentice Hall, 2000.

KRECH, David; CRUTCHFIELD, Richard S.; BALLACHEY, Egerton L. O indivíduo na sociedade : um manual de psicologia social. 2. ed. São Paulo: Pioneira, 1973.

LAROCHE, Michel; BERGERON, Jasmin; BARBARO-FORLEO, Guido. Targeting consumers who are willing to pay more for environmentally friendly products. The Journal of Consumer Marketing , Santa Barbara, v. 18, n. 6, p. 503-520, 2001.

MALHOTRA, Naresh K. Pesquisa de marketing : uma orientação aplicada. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2006.

MANZINI, Enzo; VEZZOLI, Carlo. O desenvolvimento de produtos sustentáveis : os requisitos ambientais dos produtos industriais. São Paulo: Edusp, 2002.

MARCOVITCH, Jacques. Para mudar o futuro : mudanças climáticas, políticas públicas e estratégias empresariais. São Paulo: Edusp/Saraiva, 2006.

MATTAR, Fauze N. Pesquisa de marketing : metodologia, planejamento. 4. ed. São Paulo: Atlas, 1997.

McCARTY, John A.; SHRUM, L. J. The recycling of solid wastes: personal values, value orientations, and attitudes about recycling as antecedents of recycling behavior. Journal of Business Research, New York, v. 30, n. 1, p. 53-62, May 1994.

MENON, A.; MENON, A.; CHOWDHURY, J.; JANKOVICH, J. Evolving paradigm for environmental sensitivity in marketing programs: a synthesis of theory and practice. Journal of Marketing Theory and Practice, Statesboro, v. 7, n. 2, p. 1-15, Spring 1999.

MINTZBERG, Henry. Ascensão e queda do planejamento estratégico. Porto Alegre: Bookman, 2004.

MOURA, Maurício C. de. Modelo para segmentação por benefícios de consumidores bancários pessoas físicas: uma aplicação em São Paulo-SP. 2005. Dissertação (Mestrado em Administração de Empresas) - Programa de Pós-Graduação em Economia da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, São Paulo, São Paulo, Brasil, 2005.

MOWEN, John C.; MINOR, Michael S. Comportamento do consumidor. São Paulo: Prentice Hall, 2003.

NEVES, Marcos F. Planejamento e gestão estratégica de marketing. São Paulo: Atlas, 2005.

OTTMAN, Jacquelyn A. Marketing verde: desafios e oportunidades para a nova era do marketing. São Paulo: Makron Books, 1994.

PRAKASH, Aseem. Green marketing, public policy and managerial strategies. Business Strategy and the Environment , Chichester, v. 11, n. 5, p. 285-297, Sept. /Oct. 2002.

PROCTOR, Tony. Strategic marketing: an introduction. London: Routledge, 2000.

REICH, Ben; ADCOCK, Christine. Valores, atitudes e mudanças de comportamento. Rio de Janeiro: Zahar, 1976.

RIVAS, Javier A. Comportamiento del consumidor . Madrid: Esic, 1997.

ROCHA, André L. P. da; MARQUES, Deise L. de S. Marketing verde para quem? In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, 28. , 2004, Curitiba. Anais. . . Curitiba: Anpad, 2004.

RODDY, Gerardine; COWAN, Cathal A.; HUTCHINSON, George. Consumer attitudes and behavior to organic foods in Ireland. Journal of International Consumer Marketing , New York, v. 9, n. 2, p. 41-63, 1996.

RODRIGUES, Aroldo. Psicologia social . 10. ed. Petrópolis: Vozes, 1983.

ROSTER, Catherine A.; ROGERS, Robert A.; HOZIER JR. , George C.; BAKER, Kenneth B.; ALBAUM, Gerald. Management of marketing research projects: does delivery method matter anymore in survey research? Journal of Marketing Theory and Practice, Armonk, v. 15, n. 2, p. 127-144, Spring 2007.

SANJUÁN, Ana I.; SÁNCHEZ, Mercedes; GIL, José M.; GRACIA, Azucena; SOLER, Francisco. Brakes to organic market enlargement in Spain: consumers´and retailers´attitudes and willingness to pay. International Journal of Consumer Studies, Oxford, v. 27, n. 2, p. 134-144, Mar. 2003.

SCHMIDHEINY, Stephan. Mudando o rumo : uma perspectiva empresarial global sobre desenvolvimento e meio ambiente. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1992.

SCHWEPKER JR.; Charles H.; CORNWELL, T. Bettina. An examination of ecologically concerned consumers and their intention to purchase ecologically packaged products. Journal of Public Policy & Marketing , Chicago, v. 10, n. 2, p. 77-102, Fall 1991.

SELLTIZ, Claire; JAHODA, Marie; DEUTSCH, Morton; COOK, Stuart W. Métodos de pesquisa nas relações sociais . São Paulo: EPU, 1974.

SHETH, Jagdish N.; MITTAL, Banwari; NEWMAN, Bruce I. Comportamento do cliente: indo além do comportamento do consumidor. São Paulo: Atlas, 2001.

SIEGEL, Sidney; CASTELLAN JR, N. John. Estatística não-paramétrica para ciências do comportamento . 2. ed. Porto Alegre: Artmed, 2006.

SKAF, Paulo. Argumentos voláteis. Folha de S. Paulo, São Paulo, 31 jul. 2007, p. A3.

SMITH, Wendell R. Product differentiation and market segmentation as alternative marketing strategies. Journal of Marketing , New York, v. 21, p. 3-8, July 1956.

SOLOMON, Michael R. O comportamento do consumidor : comprando, possuindo e sendo. Porto Alegre: Bookman, 2002.

STARKE, Linda. Sinais de esperança : lutando por nosso futuro comum. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1991.

SZAJMAN, Abram. Brasil: potência ambiental. Folha de S. Paulo, São Paulo, 7 out. 2007, p. B4.

TACHIZAWA, Takeshy. Gestão ambiental e responsabilidade social corporativa : estratégias de negócios focadas na realidade brasileira. São Paulo: Atlas, 2002.

TOLEDO, Geraldo L. Segmentação de mercado e estratégia de marketing . 1972. Tese (Doutorado em Administração de Empresas) - Programa de Pós-Graduação em Economia da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, São Paulo, São Paulo, Brasil, 1972.

TSE, A. C. B.; YIM, F. H. K. How do consumers perceive clear and transparent products? International Journal of Commerce & Management , Indiana, v. 12, n. 1, p. 68-78, 2002.

TUCKER JR., Lewis R.; DOLICH, Ira J.; WILSON, David. Profiling environmentally responsible consumer-citizens. Journal of the Academy of Marketing Science, Greenvale, v. 9, n. 4, p. 454-478, Fall 1981.

VEIGA, Ricardo T.; SANTOS, Deborah O.; LACERDA, Tales S. Antecedentes da intenção de consumo de cosméticos ecológicos. In: ENCONTRO DE MARKETING DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO - EMA, 2., 2006, Rio de Janeiro. Anais. . . Rio de Janeiro: Anpad, 2006.

VERDURME, Annelies; VIAENE, Jacques. Consumer beliefs and attitude towards genetically modified food: basis for segmentation and implications for communication. Agribusiness, Hoboken, v. 19, n. 1, p. 91-113, Winter 2003.

VLOSKY, Richard P.; OZANNE, Lucie K.; FONTENOT, Renée J. A conceptual model of US consumer willingness-to-pay for environmentally certified wood products. Journal of Consumer Marketing , Santa Barbara, v. 16, n. 2, p. 122-136, 1999.

WALLEY, Keith; CUSTANCE, Paul; PARSONS, Stephen. UK consumer attitudes concerning environmental issues impacting the agrifood industry. Business Strategy and the Environment , Chichester, v. 9, n. 6, p. 355-366, Nov. /Dec. 2000.

WILSON, Richard M. S.; GILLIGAN, Colin. Strategic marketing management : planning, implementation and control. Oxford: Butterworth-Heinemann, 2001.

YANKELOVICH, Daniel. New criteria for market segmentation. Harvard Business Review , Boston, v. 42, p. 83-90, 1964.