Proposta de adaptação da contabilidade financeira para uso do custeio variável sem violar a legislação tributária

ID:
46253
Resumo:
O custeio variável é, indubitavelmente, um excelente método de custeio devido às diversas possibilidades de análise nele contidas, como: apuração do ponto de equilíbrio, grau de alavancagem operacional, margem de segurança, maior facilidade na precificação, avaliação precisa da descontinuidade de produtos e decisões sobre comprar ou fabricar. No entanto, esse método de custeio não é utilizado na contabilidade financeira, por não ser aceito pela legislação brasileira do imposto de renda. A pesquisa de cunho bibliográfico aplicada apresenta uma proposta de adaptação na contabilidade financeira para que esta possa adotar o custeio variável sem violar a legislação tributária brasileira. Para isso, os custos de produção fixos devem ser separados e ativados em conta específica do ativo ‘Estoque de custos fixos’ e contabilizados no resultado, à medida que os produtos são vendidos.
Citação ABNT:
PINTO, L. J. S.Proposta de adaptação da contabilidade financeira para uso do custeio variável sem violar a legislação tributária. Revista Mineira de Contabilidade, v. 4, n. 40, p. 32-40, 2010.
Citação APA:
Pinto, L. J. S.(2010). Proposta de adaptação da contabilidade financeira para uso do custeio variável sem violar a legislação tributária. Revista Mineira de Contabilidade, 4(40), 32-40.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/46253/proposta-de-adaptacao-da-contabilidade-financeira-para-uso-do-custeio-variavel-sem-violar-a-legislacao-tributaria/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português