Comportamento e Particularidades da Produção Científica dos Artigos Divulgados na Revista Geas no Quadriênio 2012-2015 Outros Idiomas

ID:
47379
Resumo:
O objetivo deste estudo foi investigar o comportamento e as particularidades da produção científi ca dos artigos divulgados na Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, no quadriênio 2012-2015. Técnicas de análise bibliométrica e de rede social em 92 artigos identifi cados foram utilizadas como metodologia. Quanto à produção, Simone Sehnem foi a autora mais profícua. Em relação às redes, de um modo geral, observou-se baixa densidade tanto na rede de coautoria, quanto na das instituições. Os temas mais abordados foram: gerenciamento de resíduos sólidos, desenvolvimento sustentável, marketing verde, responsabilidade social empresarial e sustentabilidade. No que tange à metodologia, destacaram-se a pesquisa qualitativa, a documental, a pesquisa bibliográfi ca, a exploratória, as entrevistas, e o estudo de caso. Concluiu-se, de maneira macro, que a Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, mesmo sendo um periódico ainda jovem, aborda, de forma ampla, robusta e contemporânea, temas que ajudam a entender a importância e a complexidade da área ambiental, especialmente, no tocante à gestão ambiental e à sustentabilidade, contribuindo expressivamente para a mencionada área e, consequentemente, para a literatura científi ca nacional.
Citação ABNT:
CORRÊA, R.; RIBEIRO, H. C. M. Comportamento e Particularidades da Produção Científica dos Artigos Divulgados na Revista Geas no Quadriênio 2012-2015 . Amazônia, Organizações e Sustentabilidade, v. 6, n. 1, p. 63-87, 2017.
Citação APA:
Corrêa, R., & Ribeiro, H. C. M. (2017). Comportamento e Particularidades da Produção Científica dos Artigos Divulgados na Revista Geas no Quadriênio 2012-2015 . Amazônia, Organizações e Sustentabilidade, 6(1), 63-87.
DOI:
http://dx.doi.org/10.17800/2238-8893/aos.v6n1p63-87
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/47379/comportamento-e-particularidades-da-producao-cientifica-dos-artigos-divulgados-na-revista-geas-no-quadrienio-2012-2015-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
AKIM, É. K.; MERGULHÃO, R. C. Panorama da produção intelectual sobre a medição de desempenho na gestão pública. Revista de Administração Pública, v. 49, n. 2, p. 337-366, 2005.

ALTOÉ, S. M. L.; VOESE, S. B. Gestão de Resíduos da Indústria do Biodiesel: um Estudo da Criação de Valor na Cadeia de Suprimentos. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, São Paulo, v. 3, n. 1, p. 107-123, 2014.

ALVES, M. T. V. D. Análise de conteúdo: sua aplicação nas publicações de contabilidade. Revista Universo Contábil, v. 7, n. 3, p. 146-166, 2011.

BANDEIRA, M. B. Publicações científicas em turismo: uma análise dos periódicos online no Brasil. CULTUR: Revista de Cultura e Turismo, v. 2, n. 1, p. 1-20, 2008.

BORDIN, A. S.; GONÇALVES, A. L.; TODESCO, J. L. Análise da colaboração científica departamental através de redes de coautoria. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 9, n. 2, p. 37-52, 2014.

CAFÉ, L.; BRÄSCHER, M. Organização da informação e bibliometria. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 13, n. 1, p. 54-75, 2008.

CHAVES, L. C. et al. Gestão ambiental e sustentabilidade em instituições de ensino superior: construção de conhecimento sobre o tema. Revista GUAL, v. 6, n. 2, p. 33-54, 2013.

COSTA, L. M. Desenvolvimento sustentável no Órgão de Solução de Controvérsias da Organização Mundial do Comércio: demolindo mitos e barreiras. Revista de Administração Pública, v. 49, n. 6, p. 1353-1373, 2015.

DOMINGOS, D de C.; BOEIRA, S. L. Gerenciamento de resíduos sólidos urbanos domiciliares: análise do atual cenário no município de Florianópolis. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, v. 4, n. 3, p. 14-30, 2015.

FICO, C. A pós-graduação em história: tendências e perspectivas da área. História, Ciências, Saúde – Manguinhos, v. 22, n. 3, p. 1019-1031, 2015.

FRANCISCO, E de R. RAE-eletrônica: Exploração do acervo à luz da bibliometria, geoanálise e redes sociais. Revista de Administração de Empresas, v. 51, n. 3, p. 280-306, 2015.

GINZBURG, J. Periódicos acadêmicos: antagonismo entre produção e leitura (notas sobre revistas da área de letras publicadas em 2013). Revista Expedições: Teoria da História & Historiografia, v. 5, n. 1, p. 10-41, 2014.

GODOY, A. S. Introdução à pesquisa qualitativa e suas possibilidades. Revista de Administração de Empresas, v. 35, n. 2, p. 57-63, 1995.

GOMES, M. V. P. Eco-business: a big-brand takeover of sustainability. Revista de Administração de Empresas, v. 54, n. 1, p. 86-88, 2014.

GUEDES, V, L. S.; BORSCHIVER, S. Bibliometria: uma ferramenta estatística para a gestão da informação e do conhecimento, em sistemas de informação, de comunicação e de avaliação científica e tecnológica. VI ENCONTRO NACIONAL DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO. 2005. Bahia. Anais... Salvador: CINFORM, 2005, v. 6, p. 1-18.

GUIMARÃES, T. N. ; LEITE FILHO, G. A. Empresas modelo versus empresas não modelo de responsabilidade social: um estudo comparativo de indicadores econômico-financeiros no período de 2001 a 2004. Enfoque: Reflexão Contábil, v. 26, n. 3, p. 63-74, 2007.

GÜNTHER, H. Pesquisa qualitativa versus pesquisa quantitativa: esta é a questão? Psicologia: Teoria e Pesquisa, v. 22, n. 2, p. 201-210, 2006.

IIZUKA, E. S.; PEÇANHA, R. S. Análise da produção científica brasileira sobre sustentabilidade entre 2008 e 2011. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, v. 3, n. 1, p. 1-17, 2014.

ISSLER, J. V.; Pillar, T. C. de L. A. Mensurando a produção científica internacional em economia de pesquisadores e departamentos brasileiros. Pesquisa e Planejamento Econômico, v. 2, n. 2, p. 323-381, 2002.

KNEIPP, J. M. et al. Análise bibliométrica da produção científica da Revista de Administração da UFSM: em busca de novas perspectivas e desafios. Revista de Administração da UFSM, v. 6, n. 2, p. 443-458, 2003.

KURAMOTO, H. Informação científica: proposta de um novo modelo para o Brasil. Revista Ciência da Informação, v. 35, n. 2, p. 91-102, 2006.

LAYRARGUES, P. P.; LIMA, G F da C. The Brazilian environmental education macro-political-pedagogical trends. Ambiente & Sociedade, v. 17, n. 1, p. 23-40, 2014.

LEAL, R. P. C.; ALMEIDA, V de S. e; BORTOLON, P. M. Produção científica brasileira em finanças no período 2000-2010. Revista de Administração de Empresas, v. 53, n. 1, p. 46-55, 2013.

LEITE FILHO, G. A. Padrões de produtividade de autores em periódicos e congressos na área de contabilidade no Brasil: um estudo bibliométrico. Revista de Administração Contemporânea, v. 12, n. 2, p. 533-554, 2008.

LEVY, D. L. Environmental management as political sustainability. Organization & Environment, v. 10, n. 2, p. 126-147, 1997.

LOPES, V. N.; PACAGNAN, M. N. Marketing verde e práticas socioambientais nas indústrias do Paraná. Revista de Administração da USP, v. 49, n. 1, p. 116-128. 2014.

LOUSADA, M. et al. Produção científica sobre gestão do conhecimento e gestão da informação no âmbito da ciência da informação: uma aplicação da lei de Bradford. Anales de Documentación, v. 15, n. 2, p. 1-17, 2012.

LUCA, M. M. M. et al. Análise da produção científica referente à temática de sustentabilidade em pesquisas da administração. Administração: Ensino e Pesquisa, v. 15, n. 3, p. 469-500, 2014.

MACEDO, C. V. P. de; FREITAS, A. A. F. de; GUERRA, D de S. Uma escala para mensuração da importância percebida pelos docentes sobre a abordagem socioambiental nos cursos de administração de empresas. Revista de Administração Mackenzie, v. 14, n. 1, p. 75-97, 2013.

MACHADO JÚNIOR, C. A produção de dissertações em administração sobre sustentabilidade nas regiões Norte e Centro-Oeste. Gestão & Regionalidade, v. 30, n. 88, 19-33, 2014.

MACHADO JÚNIOR, C. et al. Estudo bibliométrico da sustentabilidade ambiental: os 15 anos do Simpósio de Administração da Produção, Logística e Operações Internacionais – SIMPOI. J Health Sci Inst., v. 31, n. 2, p. 123-131, 2013.

MAZZEI, L. C. et al. Uma análise da produção acadêmica brasileira em marketing esportivo enquanto área multidisciplinar. Revista Brasileira de Marketing, v. 12, n. 4, p. 183-200, 2013.

MENDES-DA-SILVA, W.; ONUSIC, L. M.; GIGLIO, E. M. Rede de Pesquisadores de Finanças no Brasil: Um Mundo Pequeno Feito por Poucos. Revista de Administração Contemporânea, 17, n. 6, p. 739-763, 2013.

MIHALIČ, T. Environmental management of a tourist destination: A factor of tourism competitiveness. Tourism Management, v. 21, n. 1, p. 65-78, 2000.

MORETTI, S L do A.; CAMPANARIO, M de A. A produção intelectual brasileira em responsabilidade social empresarial-RSE sob a ótica da bibliometria. Revista de Administração Contemporânea, v. 13, n. Especial, p. 68-86, 2009.

NOBRE, F. S.; RIBEIRO, R. E. M. Cognition and sustainability: multiple case studies of the BM&FBovespa corporate sustainability index. Revista de Administração Contemporânea, v. 17, n. 4, p. 499-517, 2013.

OLIVEIRA, J. A. P. de. Uma avaliação dos balanços sociais das 500 maiores. RAE Eletrônica, v. 4, n. 1, p. 1-19, 2005.

OLIVEIRA, M. C. Análise dos periódicos brasileiros de contabilidade. Revista Contabilidade & Finanças, v. 13, n. 29, p. 68-86, 2002.

ORSIOLLI, T. A. E.; NOBRE, F. S. Empreendedorismo sustentável e stakeholders fornecedores: criação de valores para o desenvolvimento sustentável. Revista de Administração Contemporânea, v. 20, n. 4, p. 502-523, 2016.

PALMA, L. C.; ALVES, N. B.; SILVA, T. N. da. Educação para a sustentabilidade: a construção de caminhos no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS). Revista de Administração Mackenzie, v. 14, n. 3, p. 83-118, 3013.

PASCHOALIN FILHO, J. A. et al. Comparação entre as massas de resíduos sólidos urbanos coletadas na cidade de São Paulo por meio de coleta seletiva e domiciliar. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, v. 3, n. 3, p. 19-33, 2014.

PERRINI, F.; TENCATI, A. Sustainability and stakeholder management: the need for new corporate performance evaluation and reporting systems. Business Strategy and the Environment, v. 15, n. 5, p. 296-308, 2006.

PINHEIRO, L V de S. et al. Transformando o discurso em prática: uma análise dos motivos e das preocupações que influenciam o comportamento pró-ambiental. Revista de Administração Mackenzie, v. 12, n. 3, p. 83-113, 2011.

POMBO, F. R.; MAGRINI, A. Panorama de aplicação da norma ISO 14001 no Brasil. Gestão & Produção, v. 15, n. 1, p. 1-10, 2008.

PORTULHAK, H. Revista de Contabilidade e Controladoria (RC&C): análise dos cinco primeiros anos de publicação (2009-2013). Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, v. 8, n. 4, p. 403-419, 2014.

RAZMAN, M. R. et al.Environmental management and sustainability: A study on the precautionary principle focusing on health and food hygiene safety. Journal of Food, Agriculture & Environment, v. 11, n. 1, p. 1051-1054, 2013.

REJOWSKI, M.; ALDRIGUI, M. Periódicos científicos em turismo no Brasil: dos boletins técnico-informativos às revistas científicas eletrônicas. Revista Turismo em Análise, v. 18, n. 2, p. 245-268, 2007.

REVISTA DE GESTÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE. A revista GeAS. .

REVISTA DE GESTÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE. Foco e escopo. .

RIBEIRO, H. C. M. 35 anos de publicações acadêmicas da revista de administração da USP. Revista Ambiente Contábil, v. 8, n. 1, p. 294-322, 2016.

RIBEIRO, H. C. M. Análise da produção científica da temática gestão socioambiental na perspectiva da revista. RGSA - Revista de Gestão Social e Ambiental, v. 7, n. 2, p. 86-104, 2013.

RIBEIRO, H. C. M. Características da produção veiculada na Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade no período de 2007 a 2012. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, v. 7, n. 4, p. 424-443, 2013.

RIBEIRO, H. C. M. Estado da arte da Revista Contabilidade Vista & Revista: uma análise da produção acadêmica de 2008 a 2012. ConTexto, v. 15, n. 30, p. 36-56, 2015.

RIBEIRO, H. C. M. Marketing verde: uma análise bibliométrica e sociométrica dos últimos 20 anos. Revista Gestão & Sustentabilidade Ambiental, v. 3, n. 2, p. 87-112, 2015.

RIBEIRO, H. C. M. Particularidades da produção acadêmica publicada na Revista de Administração e Contabilidade da Unisinos no período de 2004 a 2014. Revista Contabilidade Vista e Revista, v. 26, n. 3, p. 80-105, 2015.

RIBEIRO, H. C. M. Quinze anos de estudo da Revista de Administração Contemporânea sob a ótica da bibliometria e da rede social. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, v. 5, n. Especial, p. 86-108, 2015.

RIBEIRO, H. C. M. Sustentabilidade e governança corporativa: um estudo da evidenciação de emissões de GEE das empresas listadas no ISE Bovespa. REUNA, v. 19, n. 5, p. 89-116, 2014.

SILVA, M. R. da; HAYASHI, C. R. M.; HAYASHI, M. C. P. I. Análise bibliométrica e cientométrica: desafios para especialistas que atuam no campo. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 2, n. 1, p. 110-129, 2011.

SOUZA, M. T. S. de et al. Estudo bibliométrico de teses e dissertações em administração na dimensão ambiental da sustentabilidade. Revista Eletrônica de Administração, v. 76, n. 3, p. 541-568, 2013.

SOUZA, M. T. S.; RIBEIRO, H. C. M. Sustentabilidade Ambiental: uma Meta-análise da Produção Brasileira em Periódicos de Administração. Revista de Administração Contemporânea, Rio de Janeiro, v. 17, n. 3, p. 368-396, 2013.

TINOCO, J. E. P.; ROBLES, L. T. A contabilidade da gestão ambiental e sua dimensão para a transparência empresarial: estudo de caso de quatro empresas brasileiras com atuação global. Revista de Administração Pública, Rio de Janeiro, v. 40, n. 6, p. 1077-1096, 2006.

TOMAÉL, M. I.; MARTELETO, R. M.. Redes sociais de dois modos: aspectos conceituais. TransInformação, v. 25, n. 3, p. 245-253, 2013.

TRIERWEILLER, A. C. et al. Gestão ambiental: levantamento da produção científica brasileira em periódicos de Engenharia de Produção. Produção, v. 24, n. 2, p. 435-450, 2013.

TRINDADE, L. H.; TRINDADE, C. G.; NOGUEIRA, E. C. de O. R. Lacunas na pesquisa em gestão de pessoas: uma proposta de agenda para pesquisas futuras. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, v. 5, n. 1, p. 169-183, 2015.

URBIZAGASTEGUI, R. A produtividade dos autores sobre a lei de Lotka. Ciência da Informação, v. 37, n. 2, p. 87-102, 2008.

ZUCATTO, L.; FERASSO, M.; EVANGELISTA, M. A importância das exportações para o desenvolvimento local da fronteira Noroeste do Rio Grande do Sul e do Extremo-Oeste de Santa Catarina. Revista Portuguesa e Brasileira de Gestão, v. 9, n. 1-2, p. 97-111, 2010.