Gerenciamento de Resultados por Decisões Operacionais para Sustentar Desempenho nas Empresas Não-Financeiras do Ibovespa Outros Idiomas

ID:
49102
Resumo:
Um dos principais incentivos para gerenciar resultados consiste na manutenção do desempenho recente da companhia. O presente trabalho busca verificar se as empresas não financeiras do Ibovespa que possuem mais incentivos para sustentar o desempenho recente, medido através do índice Market-to-book (MTB), gerenciam mais intensamente os resultados por manipulação de vendas, redução de despesas discricionárias e aumento da produção. A amostra é composta de 51 empresas não financeiras para os anos de 2010 a 2014. Os resultados demonstram que para separação entre MTB maior ou menor que um, não é possível afirmar que o nível de gerenciamento de resultados difere significativamente entre os grupos. Quando considerada a análise em função de clusters por K-média do MTB, constatou-se que as empresas com valores de mercado bem acima da média, e, portanto, com os maiores incentivos para gerenciar o resultado, possuem maiores níveis de manipulação de vendas e diminuição de despesas de vendas, gerais e administrativas.
Citação ABNT:
RODRIGUES, R. M. R. C.; PAULO, E.; MELO, C. L. L. Gerenciamento de Resultados por Decisões Operacionais para Sustentar Desempenho nas Empresas Não-Financeiras do Ibovespa . Contabilidade Vista & Revista, v. 28, n. 3, p. 82-102, 2017.
Citação APA:
Rodrigues, R. M. R. C., Paulo, E., & Melo, C. L. L. (2017). Gerenciamento de Resultados por Decisões Operacionais para Sustentar Desempenho nas Empresas Não-Financeiras do Ibovespa . Contabilidade Vista & Revista, 28(3), 82-102.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/49102/gerenciamento-de-resultados-por-decisoes-operacionais-para-sustentar-desempenho-nas-empresas-nao-financeiras-do-ibovespa-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALMEIDA, J. E. F. de; LOPES, A. B.; CORRAR, L. J. Gerenciamento de resultados para sustentar a expectativa do mercado de capitais: impactos no índice market-to-book. Advances in Scientific and Applied Accounting, v. 4, n. 1, p. 4462, 2011.

ALMEIDA, J. E. F. de; SOUSA, A. F. de; RODRIGUES, A. Fluxo de Caixa e Accruals: Objetividade Versus Subjetividade no Índice Market-to-book das Companhias Abertas Brasileiras. Sociedade, Contabilidade e Gestão, v. 4, n. 1, p. 106-117, 2009.

AVELAR, E. A.; SANTOS, T. S. Gerenciamento de resultados contábeis: uma análise das pesquisas realizadas no Brasil entre os anos de 2000 e 2009. Revista de Contabilidade do Mestrado em Ciências Contábeis da UERJ (online), v. 15, n. 3, p. 19-33, 2010.

BADERTSCHER, B. A. Overvaluation and the choice of alternative earnings management mechanisms. The Accounting Review, v. 86, n. 5, p. 1491-1518, 2011.

CHEN, L.; ZHAO, X. On the relation between the market-to-book ratio, growth opportunity, and leverage ratio. Finance Research Letters, v. 3, p. 253–266, 2006.

COHEN, D. A.; ZAROWIN, P. Accrual-based and real earnings management activities around seasoned equity offerings. Journal of Accounting and Economics, v. 50, n. 1, p. 2-19, 2010.

CUPERTINO, C. M. Gerenciamento de resultados por decisões operacionais no mercado brasileiro de capitais. 2013. 126 f. Tese (Doutorado em Administração) – Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal de Santa Catarina, Santa Catarina, 2013.

CUPERTINO, C. M.; MARTINEZ, A. L.; COSTA JR, N. C. A. da. Consequências para a Rentabilidade Futura com o Gerenciamento de Resultados por Meio de Atividades Operacionais Reais. Revista Contabilidade & Finanças, v. 27, n. 71, p. 232-242, 2016.

DOUKAKIS, L. C. The effect of mandatory IFRS adoption on real and accrualbased earnings management activities. J. Account. Public Policy, v. 33, p. 551572, 2014.

GUNNY, K. The relation between earnings management using real activities manipulation and future performance: Evidence from meeting earnings benchmarks. Contemporary Accounting Research, v. 27, n. 3, p. 855-888, 2010.

GUNNY, K. What Are the Consequences of Real Earnings Management? Working paper: University of California, 2005. Disponível em: . Acesso em: 22.out.2015.

HEALY, P. M.; WAHLEN, J. M. A review of the earnings management literature and its implications for standard setting. Accounting Horizons, v. 13, n. 4, p. 365–383, 1999.

LATTIN, J. M.; CARROL, J. D.; GREEN, P. E. Análise de dados multivariados. São Paulo: Cengage learning, 2011.

MARTINEZ, A. L.; CARDOSO, R. L. Gerenciamento da informação contábil no Brasil mediante decisões operacionais. REAd, v. 15, n. 3, p. 600-626, 2009.

MARTINEZ, A. L. Detectando earnings management no Brasil: estimando os accruals discricionários. Revista Contabilidade & Finanças, v.19, n.46, p.7-17, 2008.

MARTINEZ, A. L. Earnings management in Brazil: a survey of the literature. Brazilian Business Review, v. 10, n. 4, p. 1-29, 2013.

MARTINEZ, A. L. Gerenciamento dos resultados contábeis: estudo empírico das companhias abertas brasileiras. 2001. 153 f. Tese (Doutorado em Ciências Contábeis) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001.

MARTINEZ, A. L. Novo Mercado, auditoria e o gerenciamento de resultados por escolhas contábeis e por decisões operacionais no Brasil. In: CONGRESSO USP DE CONTROLADORIA E CONTABILIDADE, 9, 2009, São Paulo/SP, Anais... São Paulo, 2009.

PAULO, Edilson. Manipulação das informações contábeis: uma análise teórica e empírica sobre os modelos operacionais de detecção de gerenciamento de resultados. 2007. 2 v. Tese (Doutorado em Ciências Contábeis) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.

RAOLI, E. Do managers engage in earnings management to support firm´s market valuation? Corporate Ownership & Control, v. 10, n. 2, p. 627-645, 2013.

REIS, E. M.; CUNHA, J. V. A.; RIBEIRO, D. M. Análise do gerenciamento de resultados por meio de decisões operacionais nas empresas componentes do IBrX – Índice Brasil. Advances in Scientific and Applied Accounting, v. 7, n. 2, p. 201-223, 2014.

REIS, E. M. Um estudo empírico do gerenciamento de resultados por meio de decisões operacionais nas empresas abertas brasileiras. 2014. 154 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis) – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, 2014.

RIAHI-BELKAOUI, A. Accouting Theory. 5. ed. London: Cengage learning, 2004.

ROYCHOWDHURY, S. Earnings management through real activities manipulation. Journal of Accounting and Economics, v. 42, p. 335–370, 2006.

ROYCHOWDHURY, S.; WATTS, R. L. Asymmetric timeliness of earnings, market-tobook and conservatism in financial reporting. Journal of Accounting and Economics, v. 44, p. 2-31, 2007.

SEIDLER, J. C. O.; DECOURT, R. F. Gerenciamento de resultados: análise bibliométrica dos estudos científicos nacionais no período de 2006 a 2013. ReCont: Registro Contábil, v. 5, n. 2, p. 21-48, 2014.

TAYLOR, G. K.; XU, R. Z. Consequences of real earnings management on subsequent operating performance. Research in Accounting Regulation, v. 22, p. 128-132, 2010.

ZANG, A. Y. Evidence on the trade-off between real activities manipulation and accrual-based earnings management. The Accounting Review, v. 87, n. 2, p. 675703, 2012.

ZHAO, Y.; CHEN, K. H.; ZHANG, Y.; DAVIS, M. Takeover protection and managerial myopia: Evidence from real earnings management. J. Account. Public Policy, v. 31, n. 1, p. 109-135, 2012.