Benchmarking para Periódicos Brasileiros de Contabilidade: Um Comparativo com o Journal of Accounting and Economics Outros Idiomas

ID:
49946
Resumo:
Este estudo analisou os fatores que interferem no prazo de avaliação dos periódicos nacionais da área de contabilidade e o quão distante este prazo se encontra dos padrões americanos, considerando como base as publicações do Journal of Accounting and Economics (JAE). Pesquisa documental com dados de 1454 artigos de 17 periódicos levantados no Portal de Periódicos da Capes. Observou-se nos resultados um prazo médio de 254 dias entre a data da submissão e o aceite. O maior prazo de avaliação foi de 1220 dias, ou seja, um processo de avaliação superior a 3 anos. Quanto ao menor período, destaca-se 2 artigos publicados pelo periódico Pensar Contábil no mesmo dia que em que foram submetidos. A comparação do prazo médio de avaliação com os resultados do JAE pode servir como embasamento para tornar o processo editorial mais eficiente, e contribuir com o desenvolvimento do conhecimento científico nacional da área. Ademais, os achados contribuem para que os pesquisadores brasileiros reflitam acerca de alguns pontos em que o padrão do conhecimento científico brasileiro de Contabilidade não está acompanhando o internacional. Este fato pode estar ligado à baixa inserção dos manuscritos nacionais em periódicos internacionais.
Citação ABNT:
COELHO, G. N.; HAMMES JUNIOR, D. D.; SANTOS, E. A. D.; FLACH, L. Benchmarking para Periódicos Brasileiros de Contabilidade: Um Comparativo com o Journal of Accounting and Economics. Revista Capital Científico - Eletrônica, v. 16, n. 3, p. 22-35, 2018.
Citação APA:
Coelho, G. N., Hammes Junior, D. D., Santos, E. A. D., & Flach, L. (2018). Benchmarking para Periódicos Brasileiros de Contabilidade: Um Comparativo com o Journal of Accounting and Economics. Revista Capital Científico - Eletrônica, 16(3), 22-35.
DOI:
10.5935/2177-4153.20180018
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/49946/benchmarking-para-periodicos-brasileiros-de-contabilidade--um-comparativo-com-o-journal-of-accounting-and-economics/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALVES DANTAS, J.; SILVA, C. A. T.; SANTANA, C. M.; VIEIRA, E. T. Padrões de comunicação científica em contabilidade: um comparativo entre a Revista Contabilidade e Finanças e a The Accounting Review. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 8, n. 16, 2011.

BAILEY, C. D.; HERMANSON, D. R.; LOUWERS, T. J. An examination of the peer review process in accounting journals. Journal of Accounting Education, v. 26, n. 2, p. 55-72, 2008.

BEUREN, I. M.; DE SOUZA, J. C. Em busca de um delineamento de proposta para classificação dos periódicos internacionais de contabilidade para o Qualis CAPES. Revista Contabilidade & Finanças, v. 19, n. 46, 2008.

BONNER, S. E.; HESFORD, J. W.; VAN DER STEDE, W. A.; YOUNG, S. M. The most influential journals in academic accounting. Accounting, Organizations and Society, v. 31, n. 7, p. 663-685, 2006.

BROWN, L. D. Ranking journals using social science research network downloads. Review of Quantitative Finance and Accounting, v. 20, n. 3, p. 291-307, 2003.

COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR (CAPES). Relatório do processo de classificação de periódicos Área de Administração, Ciências Contábeis e Turismo Quadriênio 2013-2016. , 2015.

CUNHA, P. R.; CORREA, D. C.; BEUREN, I. M. Assuntos de auditoria publicados nos periódicos nacionais e internacionais de contabilidade listados no Qualis CAPES. RIC-Revista de Informação Contábil, v. 4, n. 1, p. 57-75, 2010.

GARFIELD, E. How ISI [R] selects journal for coverage: quantitative and qualitative considerations (Institute for Scientific Information [R]). Journal de Radiologie-Paris, v. 73, p. 565-565, 1992.

HALL, T. W.; ROSS, W. R. Contextual effect in measuring accounting faculty perceptions of accounting journals: An empirical test and updated journal rankings. Advances in Accounting, v. 9, p. 161-182, 1991.

HOWARD, T. P.; NIKOLAI, L. A. Attitude measurement and perceptions of accounting faculty publication outlets. Accounting Review, p. 765-776, 1983.

HSIAO, C. Analysis of panel data. Cambridge: Cambridge University Press, 1986.

IKUNO, L. M.; NIYAMA, J. K.; SANTANA, C. M.; BOTELHO, D. R. Contabilidade internacional: uma análise da produção científica nos principais periódicos internacionais da área-2000 A 2009. Revista de Contabilidade e Organizações, v. 6, n. 15, p. 142, 2012.

LEITE FILHO, G. A. Padrões de produtividade de autores em periódicos e congressos na área de contabilidade no Brasil: um estudo bibliométrico. RAC-Revista de Administração Contemporânea, v. 12, n. 2, p. 533-554, 2008.

LESLIE, D. Are delays in academic publishing necessary? American Economic Review, v. 95, n. 1, p. 407-413, 2005.

LOWE, A.; LOCKE, J. Perceptions of journal quality and research paradigm: results of a web-based survey of British accounting academics. Accounting, Organizations and Society, v. 30, n. 1, p. 8198, 2005.

LUKKA, Kari; KASANEN, E. Is accounting a global or a local discipline? Evidence from major research journals. Accounting, Organizations and Society, v. 21, n. 7-8, p. 755-773, 1996.

MALSCH, B.; SALTERIO, S. E. “Doing good field research”: Assessing the quality of audit field research. Auditing: A Journal of Practice & Theory, v. 35, n. 1, p. 1-22, 2015.

MOIZER, P. Publishing in accounting journals: A fair game? Accounting, Organizations and Society, v. 34, n. 2, p. 285-304, 2009.

MUELLER, S. P. M. O círculo vicioso que prende os periódicos nacionais. Data Grama Zero Revista de Ciência da Informação, 1999.

OLIVEIRA, M. C. Análise dos periódicos brasileiros de contabilidade. Revista Contabilidade & Finanças, v. 13, n. 29, p. 68-86, 2002.

SMITH, L. M. Relative contributions of professional journals to the field of accounting. Accounting Educators Journal, v. 6, n. 1, p. 1-31, 1994.

SOUZA, V.; ENSSLIN, S. R.; ENSSLIN, L. Panorama dos periódicos vinculados à área contábil quanto ao reconhecimento da sociedade científica. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade. 2012.