Gestão e Qualidade em Serviços das Ceramistas no Vale do Jequitinhonha Outros Idiomas

ID:
51897
Periódico:
Resumo:
Este artigo enfatiza o trabalho desenvolvido pelas empreendedoras ceramistas de Padre Paraíso, município localizado na região nordeste do estado de Minas Gerais. O objetivo da pesquisa é avaliar a satisfação dos compradores, consumidores de arte da cerâmica, em relação à qualidade dos produtos e do trabalho das mulheres que produzem e comercializam peças cerâmicas nas estradas e nas feiras livres do Médio Vale do Rio Jequitinhonha. A metodologia deste estudo possui caráter preponderantemente descritivo e quantitativo, a partir de uma readaptação da abordagem teórico-metodológica Servqual. Os resultados obtidos sugerem que os atributos da qualidade são delineados primordialmente pelas facetas empáticas e tangíveis. Ao final, são discutidas as implicações socioculturais, comerciais e acadêmicas dos resultados obtidos nesse território multifatorial de contrastes.
Citação ABNT:
SILVEIRA, R. Z.; MIGUEL, M. C. Gestão e Qualidade em Serviços das Ceramistas no Vale do Jequitinhonha . Revista Alcance, v. 25, n. 2, p. 226-239, 2018.
Citação APA:
Silveira, R. Z., & Miguel, M. C. (2018). Gestão e Qualidade em Serviços das Ceramistas no Vale do Jequitinhonha . Revista Alcance, 25(2), 226-239.
DOI:
alcance.v25n2(Mai/Ago).p226-239
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/51897/gestao-e-qualidade-em-servicos-das-ceramistas-no-vale-do-jequitinhonha-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
Araújo, A. M.; Melo Filho, J. M.; Pinto, R. J.; Machado, W. R. B.; Castro Silva, A. C. G. (2017). Análise da qualidade em um restaurante universitário através da ferramenta SERVQUAL. Exacta, 5(4), 103-115

Araújo, J. J.; Castro Silva, A. C. G. (2017). Aplicação da ferramenta SERVQUAL para mensurar a satisfação dos clientes em uma academia de ginástica em Petrolina - PE. Exacta, 15(2), 323-334.

Berry, L. L.; Parasuraman, A (1992). Serviços de Marketing: Competindo Através da Qualidade. São Paulo: Maltese: Norma.

Brasil. (2017). Portaria n. 24, de 4 de Abril de 2017, Vinculação dos ODS aos seus principais comandos legais. Brasília. 2016. http://www.mma.gov.br/informma/item/11602informacoes-ambientais-ods-mma-legislacao

Brasil. Decreto n. 8.892, de 27 de Outubro de 2016. (2016). Cria a Comissão Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Brasília. Www4.Planalto.Gov.Br/Ods/Assuntos/Legislacao.

Campos, A.; Miguel, M.; Carvalho, S. (2018). Aplicação do modelo Servqual na bienal do livro da Zona da Mata: o olhar dos interagentes abrindo novas páginas para melhoria da qualidade. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, 23(52), 84-94. doi: https://doi.org/10.5007/15182924.2017v23n52p84

Canclini, N. G. (2012). A Sociedade Sem Relato: antropologia e estética da iminência. São Paulo, SP: Edusp.

Dalglish, L. (2008). Noivas da seca: Cerâmica Popular do Vale do Jequitinhonha. São Paulo: Unesp.

Feitosa, W. R.; Colona, S. F.; Kelch, R. S. (2017). A case study about the assessment of quality of services in a logistics company in the light of the SERVQUAL model. Independent Journal of Management & Production, 8(5), 641-658.

Geertz, C. (2006). O Saber Local: Novos Ensaios em Antropologia Interpretativa. Petrópolis: Vozes.

Gregório, H.; Santos, P.; Pires, I.; Prada, J.; Queiroga, F. L. (2016).Comparison of veterinary health services expectations and perceptions between oncologic pet owners, non-oncologic pet owners and veterinary staff using the SERVQUAL. Methodology Veterinary World, 9(11), 1275-1281.

Jakupovic, V.; Solakovic, S.; Celebic, N.; Kulovic, D. (2018). Reliability and Validity of Modified Service Quality Instrument (SERVQUAL) in Patients’ Motivation to Adhere to Insulin Therapy. Materia Socio-Medica, 30(1), 53-57.

Las Casas, A. L. (2017). Qualidade Total Em Serviços: Conceitos, Exercícios, Casos Práticos. 6 ed. São Paulo: Atlas.

Levi-Strauss, C. (1986). O Pensamento Selvagem. 7 ed. Campinas, SP: Papirus.

Macêdo, J.; Alves de Paula, I.; Cardoso, M.; Souza Valdevino, R.; de Souza Ferraz, S. G. (2013). Emprego da Escala SERVQUAL na avaliação da Qualidade de Serviços de Hospedagem durante uma romaria em Juazeiro do Norte (CE). Gestão da Produção, Operações e Sistemas, 8(2), 151.

Machado, J. P. (2016). O Conceito de Artesanato: Uma Produção Manual. Missões, 2(2), 52-72. Recuperado em 29 abril, 2017, de Http://Publicase.Unipampa.Edu.Br/Index.Php/Missoes/Article/View/23117/8659.

Maksimović Mlađan, V.; Đorđević Bojan, S.; Brzaković Miodrag, D.; Grahovac Miloš, M. (2017). Transport services quality measurment using SERVQUAL model. Tehnika, 72(6), 928-935.

Mamun-ur-Rashid, M.; Rhman, M.Z. (2017). Quality of higher education in Bangladesh: Application of a modified SERVQUAL model. Problems of Education in the 21st Century, 75(1), 72-91.

Mascelani, Â. (2008). Caminhos da arte popular: O Vale do Jequitinhonha. Rio De Janeiro: Museu Casa Do Pontal.

Naqavi, M. R.; Refaiee, R.; Baneshi, M. R.; Nakhaee, N. (2014). Analysis of Gap in Service Quality in Drug Addiction Treatment Centers of Kerman, Iran, Using SERVQUAL Model. Addiction & Health, 6(3/4), 85-93.

Nitecki, D. A.; Hernon, P. (2000). Measuring Service Quality At ¨YalesUniversity’s¨ Libraries. The Journal Of Academic Librarianship, 26(4), 259-273.

Onu - Organização Das Nações Unidas. Financiamento Transformador. www.Onumulheres.Org.Br/Noticias/Financiamento-Transformador-Pode-Acabar-Com-A-DesigualdadeDe-Genero-Ate-2030.

Ouriques, H. R.; Ramos, I. Da S. (2006). Trabalho Feminino no Terceiro Setor: o Mito da Emancipação Feminina. In: Pimenta, S. M.; Saraiva, L. A. S.; Corrêa, M. L. (Org.). Terceiro Setor: Dilemas e Polêmicas. pp. 137-162. São Paulo: Saraiva.

Parasuraman, A.; Zeithaml, V. A.; Berry, L. L. (1985). A Conceptual Model of Service Quality And Its Implications For Future Research. Journal Of Marketing, 4(49), 41-50.

Rezaei, J.; Kothadiya, O.; Tavasszy, L.; Kroesen, M. (2018). Quality assessment of airline baggage handling systems using SERVQUAL and BWM. Tourism Management, 66, 85-93.

Sampaio Barbosa, F. L.; Rabelo Neto, A.; Nunes Moreira, R.; de Almeida Bizarria, F. P. (2016). As dimensões da escala servqual naqualidadepercebidaporclientes de postos de combustível: um estudo em Teresina-PI. Capital Científico, 14(3), 1-16.

Stefano, N. M.; Vergara, L. G. L.; Casarotto Filho, N. (2017). Avaliação da Qualidade do e-learning: uso do fuzzy Servqual. Geintec, 7(2), 3744-3759.

Unesco. (2003). Convención para la Salvaguardia del Patrimonio Cultural Inmaterial. 32ª Conferencia General, 2003. Paris. http://Portal.Unesco.Org

Veludo-de-Oliveira, T.; Ikeda, A. A. (2007). Servqual em instituições educacionais: um estudo comparativo de suas aplicações. Alcance, 14(2), 189-206.