Remuneração dos Executivos e Indicadores de Desempenho em Empresas Participantes do Ibovespa Outros Idiomas

ID:
51992
Resumo:
Fundamentado na Teoria da Agência, neste estudo teve-se por objetivo principal analisar a relação entre a remuneração dos gestores de 48 empresas participantes do Ibovespa e seus indicadores de desempenho, utilizando-se dos testes de correlação, análise de correspondência múltipla e regressão. Os resultados evidenciaram a inexistência de correlação significante entre a remuneração dos diretores-executivos e os indicadores Lucro por Ação e Retorno sobre o Patrimônio Líquido. Embora os níveis de significância encontrados para a correlação entre remuneração dos diretoresexecutivos e desempenho apontem para a existência de correlação somente para os indicadores Q de Tobin e a variação do Valor de Mercado, destaca-se a necessidade de continuidade dos estudos sobre o tema, uma vez que, em razão da separação da propriedade e controle e dos consequentes conflitos de agência entre proprietários e gestores, as empresas precisam adotar mecanismos para que o alinhamento entre esses agentes possibilite a criação de oportunidades que possam potencializar seus resultados.
Citação ABNT:
SILVA, R. B.; SILVA, D. S. C.; LUCA, M. M. M.; VASCONCELOS, A. C. Remuneração dos Executivos e Indicadores de Desempenho em Empresas Participantes do Ibovespa. RACE: Revista de Administração, Contabilidade e Economia, v. 17, n. 3, p. 867-888, 2018.
Citação APA:
Silva, R. B., Silva, D. S. C., Luca, M. M. M., & Vasconcelos, A. C. (2018). Remuneração dos Executivos e Indicadores de Desempenho em Empresas Participantes do Ibovespa. RACE: Revista de Administração, Contabilidade e Economia, 17(3), 867-888.
DOI:
http://dx.doi.org/10.18593/race.v17i3.16721
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/51992/remuneracao-dos-executivos-e-indicadores-de-desempenho-em-empresas-participantes-do-ibovespa/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português