Comprometimento Organizacional no Terceiro Setor: O Caso de uma Organização Tradicionalista Gaúcha Outros Idiomas

ID:
52417
Resumo:
O estudo objetivou analisar as dimensões do comprometimento organizacional em uma entidade tradicionalista gaúcha localizada na região noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Para isso, primeiramente analisou-se o comprometimento da organização com base nas dimensões: comprometimento afetivo, instrumental, normativo e outros. Conclui-se que dentre as dimensões analisadas, a média geral mais alta foi a pertencente a dimensão comprometimento afetivo, destacando que as experiências vividas na entidade, a afeição e lealdade estão acima de tudo, pois proporciona momentos prazerosos junto com a família inteira e integra pessoas com diferentes profissões, personalidades, visões, idades com um objetivo em comum.
Citação ABNT:
VEIGA, L. D. S.; FABRICIO, A.; LOPES, L. F. D.; ROTILLI, L. B.; ZALUSKI, F. C. Comprometimento Organizacional no Terceiro Setor: O Caso de uma Organização Tradicionalista Gaúcha. Revista de Carreiras e Pessoas, v. 9, n. 1, p. 63-83, 2019.
Citação APA:
Veiga, L. D. S., Fabricio, A., Lopes, L. F. D., Rotilli, L. B., & Zaluski, F. C. (2019). Comprometimento Organizacional no Terceiro Setor: O Caso de uma Organização Tradicionalista Gaúcha. Revista de Carreiras e Pessoas, 9(1), 63-83.
DOI:
http://dx.doi.org/10.20503/recape. v9i1.37666
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/52417/comprometimento-organizacional-no-terceiro-setor--o-caso-de-uma-organizacao-tradicionalista-gaucha/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALMEIDA, M. S. Elaboração de projeto, TCC, dissertação e tese: uma abordagem simples, prática e objetiva. 3. ed., São Paulo: Ed. Atlas S. A., 2011.

ANDRADE, M. M. Introdução à metodologia do trabalho cientifico. 10. ed., São Paulo: Atlas, 2010

BANDEIRA, M. L.; MARQUES, A.L.; VEIGA, R. T. As dimensões múltiplas do comprometimento organizacional: um estudo na ECT/MG. Revista de Administração Contemporânea, [S.l.]: v.4, n.2, p.133-157, mai.-ago. 2000.

BARROS, A. R. O. Comprometimento organizacional: um estudo de suas relações com práticas de gestão de pessoas e intenção de permanência. 2007. 145 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Administração) – Escola de Administração, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2007.

BASTOS, A. V. B. O conceito de comprometimento sua natureza e papel nas explicações do comportamento humano no trabalho. Organização e Sociedade, v. 1, n. 2, p. 77-106, 1994.

BRUM, C. K. Tradicionalismo e educação no Rio Grande do Sul. Cad. Pesqui. São Paulo, v. 39, n. 138, p. 775-794, dez. 2009.

CASSIANO, R. M. Estratégias competitivas das empresas produtoras de sementes de soja: um estudo exploratório no Sul de Mato Grosso. Dissertação (Mestrado em Administração e Desenvolvimento Organizacional) Faculdade Cenecista de Varginha. Varginha, 2005.

CHIAVENATO, I. Desempenho humano nas empresas: como desenhar cargos e avaliar o desempenho. 5ª. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

COHEN, R. A.; FINK, L. S. Comportamento Organizacional: Conceitos e Estudos de Casos. 6ª ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2003.

CORTES, J. C. P. Origem da semana farroupilha e primórdios do movimento tradicionalista. Porto Alegre: Evangraf, 1994.

DUBRIN, J. A. Fundamentos do Comportamento Organizacional. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2003.

FERNANDES, R. C. O que é terceiro setor? In: IOSCHPE, Evelyn Berg (org.). 3º setor: desenvolvimento social sustentado. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1997. p. 25-33.

FIELD, A. Discovering Statitics Using Sps. 3 ed. Sage, 2009.

FREITAS, M. E. Gestores da vida. ERA Executivo. v. 1, n. 1. Ago/set/out, 2002.

GOMES, D. D. Fator K, Conscientização & Comprometimento – Criando Qualidade no Ambiente da Organização. 3 ed. São Paulo: Pioneira, 1994.

KANAANE, R. Comportamento Humano nas Organizações: O homem runo ao século XXI. 2ª ed. São Paulo: Atlas, 1999.

LOPES, L. F. D. Métodos Quantitativos. 1ª edição. Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria, 2016.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 7. ed., São Paulo: Atlas, 2010.

MATSDORFF, S. A. M.; REMPEL, C.; LAROQUE, L. F. S. Ambiente e qualidade de vida – percepções de participantes do centro de tradições gaúchas (ctg) nova querência de boa vista roraima. Revista Caderno Pedagógico, Lajeado, v. 13, n. 3, 2016.

MEDEIROS, C. A. F.; ENDERS, W. T. Validação do Modelo de Conceitualização de Três Componentes do Comprometimento Organizacional (Meyer e Allen, 1991). RAC, v.2, n.3, set./dez. 1998: 67-87.

MEYER, J. P.; ALLEN, N. J. A three-component conceptualization of organizational commitment. Human Resource Management Review, v. 1, p. 61-89, 1991.

OLIVEIRA, L. H. Exemplo de cálculo de Ranking Médio para Likert. Notas de Aula. Metodologia Científica e Técnicas de Pesquisa em Administração. Mestrado em Adm. e Desenvolvimento Organizacional. PPGA CNEC/FACECA: Varginha, 2005.

ROBBINS, P. S. Comportamento Organizacional. 11ª ed. São Paulo: Pearson Prenticce Hall, 2005.

VERGARA, S. C. Características do mundo contemporâneo e as repercussões na gestão municipal. In: VERGARA, S. C., CORRÊA, V. L. A. Gestão pública municipal efetiva. 2. ed. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2004