Três Visões sobre Ética e Evasão Fiscal: Como se Posicionam os Estudantes da Área de Negócios? Outros Idiomas

ID:
52895
Resumo:
A evasão fiscal é um problema comportamental que ameaça a capacidade do governo de levantar receitas. Porém, ainda são poucos os trabalhos que examinam a não-conformidade com as obrigações tributárias sob um olhar ético. Na literatura sobre o tema, emergiram três visões relacionadas à ética da evasão fiscal. A primeira assume que a evasão nunca é ética. A segunda assume que a evasão é sempre ou quase sempre ética. A terceira visão está associada à noção de que a evasão não é absolutamente antiética. Nesse sentido, o presente trabalho teve por objetivo investigar como 195 estudantes dos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Economia de Universidades Federais de Minas Gerais se posicionam em relação a essas três visões, partindo do modelo de McGee, Ho e Li (2008), que apresenta 15 afirmações sobre a evasão fiscal. Os estudantes foram classificados de acordo com sua visão por meio de uma análise de cluster e analisaram-se as associações de variáveis como idade, sexo, etc. com cada um dos grupos formados. Após a realização de uma análise de cluster, constatou-se que a maioria dos estudantes foi posicionada no grupo que considera a evasão como sempre antiética, enquanto a menor parte considera a evasão como ética. Constatou-se que as mulheres são menos propensas à evasão fiscal e que indivíduos de maiores faixas de idade são menos propensos a enxergar a evasão como ética. Em relação aos cursos, percebeu-se que os alunos de Ciências Contábeis são menos propensos à evasão fiscal em relação aos alunos dos cursos de Administração e Ciências Econômicas. Por fim, sintetizaram-se as visões de cada um dos grupos por meio da análise do Discurso do Sujeito Coletivo.
Citação ABNT:
CRUZ, F. R.; PAIVA, A. C. V.; CUNHA, J. V. A.; BARBOSA NETO, J. E. Três Visões sobre Ética e Evasão Fiscal: Como se Posicionam os Estudantes da Área de Negócios? . Revista Universo Contábil, v. 14, n. 2, p. 82-99, 2018.
Citação APA:
Cruz, F. R., Paiva, A. C. V., Cunha, J. V. A., & Barbosa Neto, J. E. (2018). Três Visões sobre Ética e Evasão Fiscal: Como se Posicionam os Estudantes da Área de Negócios? . Revista Universo Contábil, 14(2), 82-99.
DOI:
10.4270/ruc.2018212
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/52895/tres-visoes-sobre-etica-e-evasao-fiscal--como-se-posicionam-os-estudantes-da-area-de-negocios--/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALLINGHAM, M. G.; SANDMO, A. Income tax evasion: a theoretical analysis. Journal of Public Economics, v. 1, n. 3-4, p. 323-338, 1972.

ALSABTI, K.; RANKA, S.; SINGH, V. An efficient k-means clustering algorithm. Electrical Engineering and Computer Science, 1997. Disponível em: http://surface.syr.edu/eecs/43/. Acesso em: 20 de dez. de 2016.

BERGER, F. S.; DALLAPICULA, T. M.; ALENCAR, R. C.; DALMÁCIO, F. Z. A ética da evasão fiscal: um estudo comparativo de profissionais e estudantes da área de negócios. In: International Accounting Congress IAAER & ANPCONT, 3, 2009. Anais… São Paulo: IAAER & ANPCONT, 2009.

BORDIGNON, M. A fairness approach to income tax evasion. Journal of Public Economics, v. 52, n. 3, p. 345-362, 1993.

COHN, G. The Jewish view on paying taxes. Journal of Accounting, Ethics & Public Policy, v. 1, n. 2, p. 109-120, 1998.

CROWE, M. T. The moral obligation of paying just taxes. Washington: Catholic University of America Press, 1944.

DELEUZE, G. Filosofia prática. São Paulo: Escuta, 2002.

ENGIDA, T. G.; BAISA, G. A. Factors influencing taxpayers’ compliance with the tax system: an empirical study in Mekelle City, Ethiopia. eJournal of Tax Research, v. 12, n. 2, p. 433-452, 2014.

ERIKSEN, K.; FALLAN, L. Tax knowledge and attitudes towards taxation: a report on a quasi-experiment. Journal of Economic Psychology, v.17, n. 3, p. 387-402, 1996.

GROENLAND, E. A.; VELDHOVEN, G. M. V. Tax evasion behavior: a psychological framework. Journal of Economic Psychology, v. 3, n. 2, p. 129-144, 1983.

GRZYBOVSKI, D.; HAHN, T. Educação fiscal: premissa para melhor percepção da questão tributária. Revista de Administração Pública (RAP), Rio de Janeiro, v. 40, n. 5, p. 841-864, 2006.

HAIR, J. F.; BLACK, W. C.; BABIN, B. J.; ANDERSON, B. E.; TATHAM, R. L. Análise Multivariada de Dados. 6 ed. Porto Alegre: Bookman, 2009.

LEFÈVRE, A. M. C.; CRESTANA, M. F.; CORNETTA, V. K. A utilização da metodologia do discurso do sujeito coletivo na avaliação qualitativa dos cursos de especialização" Capacitação e Desenvolvimento de Recursos Humanos em Saúde-CADRHU", São Paulo2002. Saúde e Sociedade, São Paulo, v. 12, n.2, p. 68-75, jul./dez., 2003.

LEFÈVRE, F.; LEFÈVRE, A. M. C. O sujeito coletivo que fala. Interface-Comunic, Saúde, Educ, Botucatu-SP, v. 10, n. 20, p. 517-24, jul./dez., 2006.

LEFÈVRE, F.; LEFÈVRE, A. M. C.; TEIXEIRA, J. J. V. O discurso do sujeito coletivo: uma nova abordagem metodológica em pesquisa qualitativa. Caxias do Sul: EDUCS, 2000.

MARTINS, G. de A; THEÓPHILO, C. R. Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas. 2 ed. São Paulo: Atlas. 2009.

MCGEE, R. W., HO, S. S.; LI, A. Y. A comparative study on perceived ethics of tax evasion: Hong Kong vs the United States. Journal of Business Ethics, v. 77, n. 2, p. 147-158, 2008.

MCGEE, R. W.; HO, S. S. The ethics of tax evasion: a survey of accounting, business and economics students in Hong Kong. Social Science Research Network (SSRN), p. 1-19, fev., 2006.

MCGEE, R. W.; SMITH, S. R. Ethics and tax evasion: a comparative study of accounting and business student opinion in Utah. Andreas School of Business Working Paper, 2006. Disponível em . Acesso em: 13 de dez. de 2018.

MCGEE, R. W. Three views on the ethics of tax evasion. Journal of Business Ethics, v. 67, n. 1, p. 15-35, 2006.

MCGEE, R. W.; TYLER, M. Tax evasion and ethics: a demographic study of 33 countries. Social Science Research Network (SSRN), p. 1-20. 2006.

MOREIRA, J. M. A ética empresarial no Brasil. São Paulo: Pioneira, 1999. POÇO, M. L. C. Percepção da evasão e fraude fiscal em Portugal: um estudo sociológico. 2013. 93 f. Dissertação (Mestrado em Contabilidade e Fiscalidade Empresarial) Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra, Instituto Politécnico de Coimbra. Coimbra, 2013.

SIQUEIRA, M. L.; RAMOS, F. S. Evasão fiscal do imposto sobre a renda: uma análise do comportamento do contribuinte ante o sistema impositivo brasileiro. Economia Aplicada, v. 10, n. 3, p. 399-424, 2006.

STEINLEY, D. K-means clustering: a half-century synthesis. British Journal of Mathematical and Statistical Psychology, v. 59, n. 1, p 1-34. 2006.

TAMARI, M. Ethical issues in tax evasion: a Jewish perspective. Journal of Accounting, Ethics & Public Policy, v. 1, n. 2, p. 121-132, 1998.

TENNYSON, S. Economic institutions and individual ethics: a study of consumer attitudes toward insurance fraud. Journal of Economic Behaviour & Organization, v. 32, n. 2, p. 247-265, 1997.

VALLS, A. L. M. O que é ética. São Paulo: Editora Brasiliense, 1994.

VÁSQUEZ, A. S. Ética. 15ª ed. Rio de Janeiro: Editora Civilização Brasileira, 1995.

WEIGEL, R. H.; HESSING, D. J.; ELFFERS, H. Tax evasion research: a critical appraisal and theoretical model. Journal of Economic Psychology, v. 8, n. 2, P. 215-235, 1987.