A Fase Embrionária do Campo de Públicas: O Processo de Expansão e Diversificação do Ensino de Graduação de Administração Pública no Brasil entre 1995 e 2006 Outros Idiomas

ID:
53719
Resumo:
Este artigo é per se uma radiografia do ensino de graduação de Administração Pública no Brasil que evidencia um macroambiente favorável para o ressurgimento dessa formação acadêmica e contextualiza sua oferta no País entre 1995 e 2006. Resultado de uma investigação de natureza exploratória que se utilizou da compilação de dados secundários do Inep/MEC e do levantamento de informações primárias de alguns cursos, o trabalho descreve e analisa a expansão e a diversificação de tal ensino em território nacional, sugerindo a existência de um ciclo ou fase embrionária que antecedeu a institucionalização do chamado campo de públicas.
Citação ABNT:
COELHO, F. S.A Fase Embrionária do Campo de Públicas: O Processo de Expansão e Diversificação do Ensino de Graduação de Administração Pública no Brasil entre 1995 e 2006. Revista Administração em Diálogo, v. 21, n. 2, p. 240-267, 2019.
Citação APA:
Coelho, F. S.(2019). A Fase Embrionária do Campo de Públicas: O Processo de Expansão e Diversificação do Ensino de Graduação de Administração Pública no Brasil entre 1995 e 2006. Revista Administração em Diálogo, 21(2), 240-267.
DOI:
http://dx.doi.org/10.23925/2178-0080.2019v21i2.42277
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/53719/a-fase-embrionaria-do-campo-de-publicas--o-processo-de-expansao-e-diversificacao-do-ensino-de-graduacao-de-administracao-publica-no-brasil-entre-1995-e-2006/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português