Quality Saúde – Uma Adaptação Transcultural Multicêntrica dos Constructos da Escala Servqual de Satisfação para o SUS, por Translação de Conhecimento de Especialistas e Usuários Outros Idiomas

ID:
53902
Resumo:
O Conselho Federal de Medicina (2014, 2015) publicou pesquisas que revelaram uma suposta insatisfação de mais de 90% da população brasileira no que diz respeito à saúde pública e à suplementar. Em uma pesquisa bibliográfica integrativa sobre a mensuração de qualidade e satisfação do usuário de saúde no Brasil são tímidos os resultados obtidos, além de não haver registros de padronização de sistemas de mensuração de qualidade e satisfação no SUS. Por sua vez, uma breve análise da escala proposta na iniciativa do Gespública (BRASIL, 2014) revela muita similaridade com as cinco dimensões e com as 22 questões da escala original Servqual (PARASURAMAN et al., 1991ª ; BERRY et al., 1994), mas, não há evidências da validade na construção da escala de satisfação que compõe o IPPS. Objetivo: estudaram-se as questões da escala Servqual visando à validação de constructos (ideiasforças) representativos das 22 questões originais, no âmbito do SUS. Métodos: Os resultados obtidos das respostas de 195 profissionais e 506 usuários, em três fases sucessivas (painel de especialistas, grupos Delphi e pesquisa de campo), foram objetos de análise descritiva e de significância estatística. Resultados/conclusões: os 40 constructos, 22 subdimensões e 05 macrodimensões que surgiram e tiveram valorações médias acima do nível 3 (relevante) foram usados para análise inferencial, com rigor metodológico. As análises de confiabilidade e validade resultaram em um modelo final de 38 constructos, 15 subdimensões e quatro macrodimensões que podem, futuramente, basear a proposição de questões pertinentes em um instrumento avaliativo de qualidade percebida (satisfação) no SUS.
Citação ABNT:
MOITA, G. F.; BARBOSA, A. C. Q.; RAPOSO, V. M. R. Quality Saúde – Uma Adaptação Transcultural Multicêntrica dos Constructos da Escala Servqual de Satisfação para o SUS, por Translação de Conhecimento de Especialistas e Usuários. Revista do Serviço Público, v. 70, n. 2, p. 325-364, 2019.
Citação APA:
Moita, G. F., Barbosa, A. C. Q., & Raposo, V. M. R. (2019). Quality Saúde – Uma Adaptação Transcultural Multicêntrica dos Constructos da Escala Servqual de Satisfação para o SUS, por Translação de Conhecimento de Especialistas e Usuários. Revista do Serviço Público, 70(2), 325-364.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/53902/quality-saude-----uma-adaptacao-transcultural-multicentrica-dos-constructos-da-escala-servqual-de-satisfacao-para-o-sus--por-translacao-de-conhecimento-de-especialistas-e-usuarios/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português