Governança do Turismo: Planejamento e Gestão Local e Regional em Gramado-RS, Brasil Outros Idiomas

ID:
54027
Resumo:
A governança do turismo tem se apresentado como relevante para compreensão da competitividade das destinações turísticas. No presente estudo, buscou-se compreender como se desenvolve a governança do turismo em Gramado-RS, no sul do Brasil, considerando a atuação dos atores sociais no planejamento e gestão da atividade em âmbito local e regional. A metodologia, com abordagem qualitativa, utilizou-se de pesquisa bibliográfica, observação direta e entrevistas com atores sociais com papel chave no processo de integração dos órgãos de governança. As evidências identificadas permitiram constatar que a estrutura de governança encontrada em Gramado-RS contribui para o desenvolvimento da atividade turística, uma vez que a atuação dos setores público e privado é pautada pela articulação e cooperação quanto ao planejamento e a gestão da atividade. Essa situação apresenta-se como uma forma de diferencial estratégico da destinação turística estudada, o que cria as condições adequadas para o desenvolvimento de um processo de gestão competitiva e viabiliza a oferta de produtos turísticos de qualidade.
Citação ABNT:
TRINDADE, B. S.; CÉSAR, P. A. B.; VIANNA, S. L. G. Governança do Turismo: Planejamento e Gestão Local e Regional em Gramado-RS, Brasil. Rosa dos Ventos - Turismo e Hospitalidade, v. 11, n. 3, p. 653-663, 2019.
Citação APA:
Trindade, B. S., César, P. A. B., & Vianna, S. L. G. (2019). Governança do Turismo: Planejamento e Gestão Local e Regional em Gramado-RS, Brasil. Rosa dos Ventos - Turismo e Hospitalidade, 11(3), 653-663.
DOI:
http://dx.doi.org/10.18226/21789061.v11i3p653
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/54027/governanca-do-turismo--planejamento-e-gestao-local-e-regional-em-gramado-rs--brasil/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
Araújo, V. C. (2002). A conceituação de governabilidade e governança, da sua relação entre si e com o conjunto da reforma do Estado e do seu aparelho. Brasília: Enap.

Beni, M. C. (2006). Política e planejamento de turismo no Brasil. São Paulo: Aleph.

Beni, M. C. (Org.) (2012). Turismo: planejamento estratégico e capacidade de gestão: desenvolvimento regional, rede de produção e clusters. Barueri, SP: Manole.

Brasil (2007). Coordenação geral de Regionalização. Institucionalização das instâncias de governança regional. Brasília.

Camargo, A. (2003). Governança para o século 21. In: Trigueiro, M. A. (org.). Meio ambiente no século 21. Campinas: Autores Associados.

Carvalho, A. G. de. (2002). Governança corporativa no Brasil em perspectiva. Revista de Administração da USP, 37(3), 19-32.

César, P. A. B. (2011). Turismo e desenvolvimento sustentável: análise dos modelos de planejamento turístico. Caxias do Sul, RS: Educs.

Fazenda, A. N.; Silva. N. & Costa, F. (2008). Política e planeamento turístico à escala regional – o caso da Agenda Regional de Turismo para o Norte de Portugal. Revista Portuguesa de Estudos Regionais, 18(2), 77-100.

Goedert, A. R. (2005). Governança em rede de desenvolvimento e experiência em Santa Catarina. Tese, Doutorado em Engenharia de Produção, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (2017). Brasil em síntese.

Ignarra, L. R. (2003). Fundamentos do Turismo. São Paulo: Thomson.

Mota, K. C. N.; Vianna, S. L. G. & Anjos, F. A. (2013). Competitividade das destinações turísticas – estudos de casos brasileiros. São Paulo: Atlas.

Nuno, F.; Silva, F. N. & Costa, C. (2010). Plano de turismo do Vale D’ouro: O plano como parte de um processo de desenvolvimento sustentável de destinos turísticos. Worldwide Hospitality and Tourism Themes, 2(4), 428-440.

Queiroz, L. M. A. (2005). A gestão pública e a competitividade de cidades turísticas: a experiência da cidade de Salvador. Tese Doutorado Planificacion Territorial y Desarrollo Regional, Universitat de Barcelona, Barcelona, España.

Ritchie, B. & Crouch, G. (2003). The competitive destination: A sustainable tourism perspective, Oxfordshire: Cabi.

Ruschmann, D. V de M. (2003). Turismo e planejamento sustentável: a proteção do meio ambiente. Campinas: Papirus.

Ultramari, C. & Rezende, D. A. (2008). Planejamento estratégico e planos diretores municipais: referencias e bases de aplicação. Revista de Administração Contemporânea, 12(3), 717739.

Viana, A. L. B. (2012). Modelos relacionais para a organização e o desenvolvimento regional do turismo. Tese, Doutorado em Desenvolvimento Regional, Universidade de Santa Cruz do Sul, Brasil.