Sostenibilidad y Gestión de Instituciones de Educación Superior: Análisis de la Producción Científica Other Languages

ID:
55235
Abstract:
'Objective of the study': To analyze the evolution of scientific publications on socio-environmental management and sustainability in Higher Education Institutions (IES). 'Methodology / approach': We used the ProKnow-C method to select the bibliographic portfolio and carry out the bibliometric analysis. The research period covered 2002 to early 2017. 'Originality / Relevance': Due to the relevance that sustainability has been gaining in recent years, socioenvironmental management emerges as a way for organizations to demonstrate, in their policies and practices, their commitment towards society and the environment. In this context, HEIs need to serve as an example because of their role as opinion makers. Given the above, the purpose of the study proves to be relevant. 'Main results': A bibliographic portfolio with 40 articles was selected, where the Journal of Cleaner Production and the International Journal of Sustainability in Higher Education stood out. We observed a significant increase in the number of citations to the articles in our bibliographic portfolio in the last five years under analysis. 'Theoretical / methodological contributions': The results of the study will help researchers chose a high-quality and scientifically relevant theoretical background. 'Conclusion': As a recommendation for future works, we suggested the application of the next stage of the ProKnow-C method, called systemic analysis, to examine the content of the articles in the bibliographic portfolio evidenced in this research.
ABNT Citation:
HENCHEN, A. V.; MOURA-LEITE, R.; LOPES, J. C. J. Sustentabilidade e Gestão de Instituições de Ensino Superior: Análise da Produção Científica . Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, v. 8, n. 1, p. 38-61, 2019.
APA Citation:
Henchen, A. V., Moura-leite, R., & Lopes, J. C. J. (2019). Sustentabilidade e Gestão de Instituições de Ensino Superior: Análise da Produção Científica . Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, 8(1), 38-61.
DOI:
https://doi.org/10.5585/geas.v8i1.13763
Permalink:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/55235/sostenibilidad-y-gestion-de-instituciones-de-educacion-superior--analisis-de-la-produccion-cientifica/i/en
Document type:
Artigo
Language:
Português
References:
ACS Publications. (2017). Environmental Science and Technology. http://pubs.acs.org/journal/esthag

Afonso, M. H. F.; Souza, J. V.; Ensslin, S. R.; Ensslin, L. (2011). Como construir conhecimento sobre o tema de pesquisa?Aplicação do processo Proknow-C na busca de literatura sobre avaliação do desenvolvimento sustentável. Revista de Gestão Social e Ambiental, 5(2), 47-62.

Berchin, I. I.; Grando, V. S.; Marcon, G. A.; Corseuil, L.; Guerra, J. B. S. O. A. (2017). Strategies to promote sustainability in higher education institutions: case study of a federal institute of higher education of Brasil. International Journal of Sustainability in Higher Education, 18(7), 1018-1038.

Bortoluzzi, S. C.; Ensslin, S. R.; Ensslin, L.; Valmorbida, S. M. I. (2011). A Avaliação de desempenho em redes de pequenas e médias empresas: estado da arte para as delimitações postas pelo pesquisador. Revista Eletrônica de Estratégia & Negócios, 4(2), 202-222.

Ceulemans, K.; Molderez, I.; Van Liedekerke, L. (2015). Sustainability reporting in higher education: a comprehensive review of the recent literature and paths for further research. Journal of Cleaner Production, 106, 127-143.

Chaves, L. C.; Freitas, C L de; Ensslin, L.; Pfitscher, E. D.; Petri, S. M.; Ensslin, S. R. (2013). Gestão ambiental e sustentabilidade em instituições de ensino superior: construção de conhecimento sobre o tema. Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, 6, 33-54.

Christensen, P.; Thrane, M.; Herreborg Jørgensen, T.; Lehmann, M. (2009). Sustainable development: Assessing the gap between preaching and practice at Aalborg University. International Journal of Sustainability in Higher Education, 10(1), 4-20.

De Resende Lara, P. T. (2012). Sustentabilidade em Instituições de Ensino Superior. Revista Monografias Ambientais, 7(7), 1646-1656.

Engelman, R.; Guisso, R.; Fracasso, E. M. (2009). Ações de gestão ambiental nas Instituições de Ensino Superior: o que tem sido feito. RGSA - Revista de Gestão Social e Ambiental, 3(1).

Ensslin, S. R.; Ensslin, L.; Imlau, J. M.; Chaves, L. C. (2014). Processo de mapeamento das publicações científicas de um tema: portfólio bibliográfico e análise bibliométrica sobre avaliação de desempenho de cooperativas de produção agropecuária. Revista de Economia e Sociologia Rural, 52(1), 587-608.

Freitas, C. L. (2013). Avaliação de Sustentabilidade em Instituições Públicas Federais de Ensino Superior (IFES): proposição de um modelo baseado em sistemas gerenciais de avaliação e evidenciação socioambiental. Dissertação de mestrado, Contabilidade, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

Frizzo, K.; Motke, F. D.; Machado, E. C.; Silva, Y. C.; Ávila, L. V.; Zamberlam, J. F. (2014). Análise das práticas de Gestão Ambiental das Instituições de Ensino Superior. Revista Eletrônica em Gestão, Educação e Tecnologia Ambiental, 18(1), 196208.

Gondim, S. M. G. (2002). Perfil profissional e mercado de trabalho: relação com a formação acadêmica pela perspectiva de estudantes universitários. Estudos de psicologia, 7(2), 299-309.

Hart, S. L. & Milstein, M. B. (2004). Criando valor sustentável. RAE executivo, 3(2), 65-79.

Jacobi, P. (2003). Educação ambiental, cidadania e sustentabilidade. Cadernos de pesquisa, 118(3), 189-205.

James, M. & Card, K. (2012). Factors contributing to institutions achieving environmental sustainability. International Journal of Sustainability in Higher Education, 13(2), 166-176.

Khoury, G.; Rostami, J.; Turnbull, P. L. (1999). Corporate social responsibility: Turning words into action. Conference Board of Canada.

Lima, T. C. S. de; Mioto, R. C. T. (2007). Procedimentos metodológicos na construção do conhecimento científico: a pesquisa bibliográfica. Revista Katalysis, 10, 35-45.

Lozano, R.; Lukman, R.; Lozano, F. J.; Huisingh, D.; Lambrechts, W. (2013). Declarations for sustainability in higher education: becoming better leaders, through addressing the university system. Journal of Cleaner Production, 48, 10-19.

Luiz, L. C.; Alberton, L.; Da Rosa, F. S.; Pfitscher, E. D. (2014). Inclusão de Práticas Ambientais nas Auditorias Realizadas no Âmbito de uma Instituição Federal de Educação. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade: GeAS, 3(2), 92-112.

Luiz, L. C.; Rau, K.; Freitas, C. L.; Pfitscher, E. D. (2013). Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) e práticas de sustentabilidade: estudo aplicado em um instituto federal de educação, ciência e tecnologia. Administração Pública e Gestão Social, 5(2), 114-134.

Maimon, D. (1999). ISO 14001 - Passo a passo da implantação nas pequenas e médias empresas. Rio de Janeiro: Qualitymark Editora Ltda.

Matos, A.; Cabo, P.; Ribeiro, M. I.; Fernandes, A. (2015). As instituições de ensino superior perante a problemática ambiental. EduSer - Revista de educação, 7(2), 13-40.

Moura-Leite, R. & Padgett, R. (2014). The effect of corporate social actions on organizational reputation. Management Research Review, 37(2), 167-185.

Nascimento, L. F.; Lemos, Â D da C.; Mello, M. C. A. de. (2008). Gestão socioambiental estratégica. Porto Alegre: Bookman.

Otero, G. G. P. (2010). Gestão Ambiental em Instituições de Ensino Superior: práticas dos Campi da Universidade de São Paulo. Dissertação de mestrado, Programa de Pós-Graduação em Ciência Ambiental, Universidade de São Paulo, São Paulo.

Portal Brasil. (2015). Agenda de Desenvolvimento Sustentável é adotada por unanimidade na ONU. http://www.brasil.gov.br/meio-ambiente/2015/09/agenda-dedesenvolvimento-sustentavel-e-adotada-por-unanimidade-na-onu

Portal Brasil. (2015). Novo acordo global deve ter força de lei, defende Dilma na COP21. http://www.brasil.gov.br/meio-ambiente/2015/11/novo-acordo-global-deve-terforca-de-lei-defende-dilma-na-cop21

Rosa, F. S. da; Ensslin, S. R.; Ensslin, L. (2009). Evidenciação Ambiental: Processo Estruturado de Revisão de Literatura sobre Avaliação de Desempenho da Evidenciação Ambiental. Sociedade, Contabilidade e Gestão, 4(2).

Rubbo, P.; Pilatti, L. A.; Telles, L. B.; Bittencourt, J. V. M.; De Francisco, A. C. (2016). Sustentabilidade organizacional: Uma análise da produção científica da base Scopus no período de 2005 a 2014. Revista ESPACIOS, v. 37, n. 13. 2016.

Senado Federal. (2015). Acordo na COP-21 com metas obrigatórias aos países pode ser "histórico", diz Vanessa. http://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2015/12/10/acordo-com-metas-obrigatorias-aos-paisesna-cop-21-pode-ser-historico-diz-vanessa/tablet

Shriberg, M. P. (2002). Institutional assessment tools for sustainability in higher education: Strengths, weaknesses, and implications for practice and theory. Higher Education Policy, 15(2), 153-167.

Shriberg, M. P. (2002). Sustainability in US higher education: organizational factors influencing campus environmental performance and leadership. Tese de doutorado, University of Michigan, Michigan.

Tasca, J. E.; Ensslin, L.; Ensslin, S. R. & Alves; M. B. M. (2010). An approach for selecting a theoretical framework for the evaluation of training programs. Journal of European Industrial Training, 34(7), 631-655.

Tauchen, J. & Brandli, L. L. (2006). A gestão ambiental em instituições de ensino superior: modelo para implantação em campus universitário. Gestão & Produção, 13(3), 503-515.

Taylor & Francis Online. (2017). Economic Systems Research. http://www.tandfonline.com/action/journalInformation?show=aimsScope&journalCode=cesr20

Valmorbida, S. M. I.; Ensslin, S. R.; Ensslin, L.; Bortoluzzi, S. C. (2011). Gestão Pública com foco em resultados: Evidenciação de oportunidades de pesquisa. Revista CAP - Accounting and Management, 5(5), 126-136.

Valmorbida, S. M. I.; Ensslin, S. R.; Ensslin, L.; Ripoll-Feliu, V. M. (2014). Avaliação de Desempenho para Auxílio na Gestão de Universidades Públicas: Análise da Literatura para Identificação de Oportunidades de Pesquisas. Contabilidade, Gestão e Governança, 17(3), 04-28.

Vaz, C. R.; Ionamata, D. O.; Stiirmer, J. C. (2014). Estado da arte do gerenciamento de resíduos sólidos em instituições de ensino superior: uma revisão de literatura. Anais do Congresso de Gestão Ambiental, Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, 5.

Velazquez, L.; Munguia, N.; Ojeda, M. (2013). Optimizing water use in the University of Sonora, Mexico. Journal of Cleaner Production, 46, 83-88.

Viebahn, P. (2002). An environmental management model for universities: from environmental guidelines to staff involvement. Journal of Cleaner Production, 10(1), 03-12.