Produção Técnica de Mestrados Profissionais em Administração: Análise da Divulgação de Relatos Técnicos entre os Anos de 2013 A 2017 Outros Idiomas

ID:
55242
Resumo:
'Objetivo do estudo': O objetivo do estudo foi analisar quais os eventos e periódicos de maior relevância na divulgação de relatos técnicos, bem como analisar as diferenças de diretrizes entre os tipos de produções técnicas, designados como relato técnico. 'Metodologia/abordagem': O estudo de abordagem qualitativa, exploratória, descritiva e explicativa foi baseado em levantamentos de chamadas de eventos e anais de publicações em encontros científicos da área de Administração, Ciências Contábeis e Turismo, que apresentaram regras específicas para relatos técnicos. 'Originalidade/Relevância': A relevância do estudo é demonstrar como a divulgação de relatos técnicos evoluiu ao longo dos anos, visto ser uma forma de divulgação de resultados práticos de uma intervenção em setores ou organizações, na qual o rigor metodológico segue a mesma base científica de linhas acadêmicas. 'Principais resultados': O total de produções somaram 159 publicações, entre os anos de 2013 a 2017, sendo que no ano de 2015 foi observado que o número de publicações de relatos técnicos triplicou, em relação ao ano de 2014. 'Contribuições teóricas/metodológicas': estudo realizado foi possível determinar as formas de divulgação desta modalidade de produção técnica, com uma tendência crescente da produção, como observado no estudo entre os anos de 2016 e 2017. 'Conclusão': A modalidade de relato técnico surgiu como uma ferramenta importante para a divulgação de soluções direcionadas para as práticas em administração em organizações e empresas, bem como para a sociedade, visto que a busca por soluções ou intervenções propostas também são necessárias em setores públicos.
Citação ABNT:
AQUINO, S.; CORTESE, T. T. P.; SHIBAO, F. Y. Produção Técnica de Mestrados Profissionais em Administração: Análise da Divulgação de Relatos Técnicos entre os Anos de 2013 A 2017. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, v. 8, n. 1, p. 188-204, 2019.
Citação APA:
Aquino, S., Cortese, T. T. P., & Shibao, F. Y. (2019). Produção Técnica de Mestrados Profissionais em Administração: Análise da Divulgação de Relatos Técnicos entre os Anos de 2013 A 2017. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, 8(1), 188-204.
DOI:
https://doi.org/10.5585/geas.v8i1.11238
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/55242/producao-tecnica-de-mestrados-profissionais-em-administracao--analise-da-divulgacao-de-relatos-tecnicos-entre-os-anos-de-2013-a-2017/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
Aken, J. E. van. (2005). Management research as a design science: Articulating the research products of mode 2 knowledge production in management. British Journal of Management, 16(1), 19–36.

Associação Brasileira de Normas Técnicas. (1989). NBR 10719. Apresentação de relatórios técnico-científicos. Rio de Janeiro, pp. 1-9.

Associação Brasileira de Normas Técnicas. (2003). NBR 6022.Informação e documentação: artigo em publicação periódica científica impressa: apresentação. Rio de Janeiro, pp. 2-3.

Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração. (2014). Normas para Relato Tecnológico. http://www.anpad.org.br/m/content.php?e=aWRfZXZlbnRvPTQmaWRfdGV4dG89NTE=.

Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração. (2016). TAC - Tecnologias de Administração e Contabilidade. Publicação Descontinuada. http://www.anpad.org.br/~anpad/periodicos.php.

Barata, R.C.B. (2016). Dez coisas que você deveria saber sobre o Qualis. Revista Brasileira de Pós-Graduação - RBPG, 13(1), 1-18.

Biancolino, C.A.; Kniess, C.T.; Maccari, E.A.; Rabechini, R. Jr. (2012). Protocolo para elaboração de relatos de produção técnica. Revista de Gestão e Projetos - GeP, 3(2), 294-307.

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (2014). Capes recomenda 574 opções de cursos de mestrado profissional. http://www.brasil.gov.br/educacao/2014/05/capes-recomenda-574-opcoes-de-cursos-demestrado-profissional.

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (2014). Mestrado Profissional: o que é? http://capes.gov.br/avaliacao/sobre-aavaliacao/mestrado-profissional-o-que-e.

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (2014). Qualis. http://www.capes.gov.br/component/content/article?id=2550:capes-aprova-a-novaclassificacao-do-qualis.

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (2017). CAPES divulga resultado final da Avaliação Quadrienal 2017. http://capes.gov.br/sala-deimprensa/noticias/8691-capes-divulga-resultado-final-da-avaliacao-quadrienal-2017.

Duarte, E.N.; Ramalho, F.A.; Autran, M.M.M.; Paiva; E.B.; Araújo, M.B.S. (2009). Estratégias metodológicas adotadas nas pesquisas de iniciação científica premiadas na UFPB: em foco a Série “Iniciados”. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, 14(27), 170-190.

Gil, A.C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social. 6 ed. São Paulo: Atlas.

Grey Literature International Steering Committee. (2005). Guidelines for the production of scientific and technical reports: how to write and distribute grey literature. http://eprints.rclis.org/7469/2/index.html.

Marchioro, G. (2007). Indicadores SciELO e JCR/ISI identificam fluxo de informação científica brasileira. https://www.ufrgs.br/blogdabc/indicadores-scielo-e-jcrisiidentifica/.

Marconi, M. A.; Lakatos, E.M. (2005). Fundamentos de metodologia científica. 6 ed.). São Paulo: Atlas, p. 262.

Motta, G.S. (2017). Editorial Seção Artigos Tecnológicos: Como Escrever um Bom Artigo Tecnológico? Revista de Administração Contemporânea, 21(5).

nd. (2017). Portaria da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior n. 131 de 28 de junho de 2017. Dispõe sobre o mestrado e o doutorado profissionais. https://www.capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/30062017portaria-131-2017.pdf

nd. (2017). Portaria n. 389, de 23 de março de 2017.Dispõe sobre o mestrado e doutorado profissional no âmbito da pós-graduação stricto sensu. http://www.capes.gov.br/tutorial-sucupira/documentos/Portaria3892017_doutoradoprofissional.pdf.

nd. Documentos e Debates. (1997). Mestrado Profissional. Revista de Administração Contemporânea, 1(2), 145-152.

Padilha, P.; Lima, T. (2015). Relação Causa-Efeito de Custos Indiretos Desatualizados: um Estudo de Caso em uma Indústria Alimentícia. Revista Gestão & Tecnologia, 15(2), 235-249.

Pinheiro, R.G.; Sousa, F.E.R.; Moreira, I.R. (2018). Relato técnico sobre a contribuição do compliance na mitigação de riscos fiscais em uma empresa do segmento do alumínio situada na região do ABC Paulista. RICADI, n. 4, p. 107-127.

Plataforma Sucupira. (2019). Cursos avaliados e reconhecidos. https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/programa/quantitativos/quantita tivoAreaAvaliacao.jsf.

Rojo, C. A.; Walter, S. A. (2014). Relato técnico: roteiro para elaboração. Revista Competitividade e Sustentabilidade - ComSus, 1(1), 1-18.

Rosa, R. A. (2016). Qualis Periódicos CAPES na Administração, Contábeis e Turismo, o que mudou? SCI & ORG – Ciência e Organizações. https://sciandorg.wordpress.com/2016/01/30/qualis-capes-na-administracao-contabeis-eturismo-o-que-mudou/.

Scientific Periodicals Electronic Library (2019). Objetivos do Spell. http://www.spell.org.br/sobre/objetivos

Silva, A. O. (2018). Periódicos técnicos. http://scholarlyopenaccess.hospedagemdesites.ws/scholarly_open/lista-dos-periodicos-para-publicar-relatotecnicoartigo-tecnologico/.

Thomsett-Scott, B. (2018). Technical Reports.A guide to technical reports: what they are, where they come from, how to find them. Penn State University Libraries. https://guides.libraries.psu.edu/c.php?g=407286&p=2773498