Luxo e Sofisticação nas Vitrines da Borges: Gentrificação Comercial e Turismo no Espaço Urbano de Gramado (RS) Outros Idiomas

ID:
56765
Resumo:
Investiga-se a atividade turística enquanto fator de transformação da paisagem da Avenida Borges de Medeiros, principal avenida central do espaço urbano de Gramado (RS). A análise privilegia o processo de gentrificação (GANT, 2015 ; GOTHAM, 2005; LEY, 1980, 1986, 2003 ; SMITH, 1979, 1982, 1996, 2002) que está ocorrendo na área central do município. O procedimento metodológico compreende: (i) revisão bibliográfica; (ii) pesquisa documental, (iii) visita de campo, adotando-se a observação sistemática e (iv) entrevistas semiestruturadas. Perpassando por determinadas décadas, o recorte temporal da análise compreende os séculos XX e XXI. Os resultados evidenciam que as residências unifamiliares, fábricas e vendas frequentadas pela classe trabalhadora, converteram-se em prédios comerciais, que abrigam, em sua maioria, butiques, restaurantes e equipamentos turísticos, demonstrando um significativo processo de elitização do comércio local.
Palavras-chave:
Citação ABNT:
GEVEHR, D. L.; BERTI, F. Luxo e Sofisticação nas Vitrines da Borges: Gentrificação Comercial e Turismo no Espaço Urbano de Gramado (RS). Caderno Virtual de Turismo, v. 19, n. 3, p. 1-13, 2019.
Citação APA:
Gevehr, D. L., & Berti, F. (2019). Luxo e Sofisticação nas Vitrines da Borges: Gentrificação Comercial e Turismo no Espaço Urbano de Gramado (RS). Caderno Virtual de Turismo, 19(3), 1-13.
DOI:
https://doi.org/10.18472/cvt.19n3.2019.1498
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/56765/luxo-e-so---sticacao-nas-vitrines-da-borges--gentri---cacao-comercial-e-turismo-no-espaco-urbano-de-gramado--rs-/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ARANTES, G. F. de. Intervenções Urbanas: rumo à cidade neoliberal. Curitiba, Appris, 2015.

ARREORTUA, L. A. S. (2013), Gentrificación en la ciudad latinoamericana. El caso de Buenos Aires y Ciudad de México. GeoGraphos: Revista Digital para Estudiantes de Geografía y Ciencias Sociales, v. 44, n. 4, p. 281-304.

ATKINSON, R. Does Gentrification Help Or Harm Urban Neighbourhoods?: An Assessment of the Evidencebase in the Context of New Urban Agenda. Bristol: ESRC Centre for Neighbourhood Research, 2002.

BEHREND, C. (1999). Etapas do Turismo. In: Prefeitura Municipal de Gramado. Raízes de Gramado. Gramado: M&m.

BRASIL.Ministério do Turismo. Gramado (RS). aposta na expansão do turismo de negócios, 2015. Disponível em: . Acesso em: 05 set. 2015.

CASAGRANDE, G. R. Um cheiro do vinho: presença italiana em Gramado. 2006. Diss. Dissertação de Mestrado, PUCRS Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Porto Alegre, 2006.

CERQUEIRA, E. D. V. A evolução das formas de gentrificação: estratégias comerciais locais e o contexto parisiense. Cadernos Metrópole., v. 16, n. 32, p. 417-436, 2014.

CORIOLANO, L. N. M. T. Turismo: prática social de apropriação e de dominação de territórios. América Latina: cidade, campo e turismo, organizado por Amalia Geraiges de Lemos, Mónica Arroyo y María Silveira, p. 367-378, 2006.

CRUZ, R; de C. A. da. Introdução à Geografia do Turismo. 2 ed. São Paulo: Roca, 2003.

DAROS, M. Grãos: coletânea histórica. Gramado: Edição da autora, 2008.

DAVIDSON, M.; LEES, L. New-Build Gentrification: Its Histories, Trajectories, and Critical Geographies. Population, space and place, 16: 395-411, 2009. https://goo.gl/GpFYfg . Acesso em 25 set. 2009.

DORNELES, Edson Bertin. Gramado: a produção e o consumo de uma imagem de uma cidade européia no Brasil. 2001. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2001.

DRECKSLER, C. G. Gramado Contrastes. Porto Alegre: Evangraf, 2012.

FAINSTEIN, S. S.; GLADSTONE, D. Evaluating urban tourism. The tourist city, p. 21-34, 1999.

FURTADO, C. R. Gentrificação e (re)organização urbana em Porto Alegre. Porto Alegre: Ufrgs, 2011.

GANT, A. C. Tourism and commercial gentrification. In: RC21 International Conference, 2015, p. 1-25, 2015.

GOTHAM, K. F. Tourism gentrification: The case of new Orleans' vieux carre (French Quarter). Urban studies, v. 42, n. 7, p. 1099-1121, 2005..

GRAMADO, Secretaria Municipal da Fazenda. Fábricas de chocolate cadastradas em Gramado [mensagem pessoal]. Mensagem recebida por: em: 24out.2016.

GRAMADO. Prefeitura Municipal. Raízes de Gramado. Gramado: [s.n], 1999.

GRAMADO. Secretaria Municipal de Educação. Gramado, simplesmente Gramado. Gramado. Gramado, 1987.

IBGE (INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA). Censo Demográfico 2010. http://cod.ibge.gov.br/NRF . Acesso em: 12 set. 2010.

IBGE (INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA). Dados gerais do município. 2015. Disponível em: http://cidades.ibge.gov.br/painel/painel.php? codmun=430910 . Acesso em: 15 dez 2016.

KOPPE, I. C.; DRECKSLER, C. G. Era uma Vez...! Relatos de Gramado. Edição Comemorativa aos 25 Anos do Orbis Club de Gramado e 10 anos do Jornal de Gramado. Canoas: Escola Profissional La Salle, 1993.

LEY, D. Alternative explanations for inner-city gentrification: a Canadian assessment. Annals of the association of american geographers, v. 76, n. 4, p. 521-535, 1986.

LEY, D. Artists, aestheticisation and the field of gentrification. Urban studies, v. 40, n. 12, p. 2527-2544, 2003.

LEY, D. Liberal ideology and the postindustrial city. Annals of the Association of American Geographers, v. 70, n. 2, p. 238-258, 1980.

LUCHIARI, M. T. D. P. Urbanização turística, um novo nexo entre o lugar e o mundo. Org: LIMA, Luiz Cruz. Da diversidade ao campo: a diversidade do saber-fazer turístico. Fortaleza: UECE, 1998.

MAUAD, A. M. . Sob o Signo da Imagem: a produção da fotografia e o controle dos códigos de representação social da classe dominante, no Rio de Janeiro, na primeira metade do século XX. Tese de doutorado, Universidade Federal Fluminense, Niterói, Rio de Janeiro. 1990

MENDES, L. Gentrificação turística em Lisboa: neoliberalismo, financeirização e urbanismo austeritário em tempos de pós-crise capitalista 2008-2009. Cadernos Metrópole, v. 19, n. 39, p. 479-512, 2017.

MUNDO DE CHOCOLATE (Gramado). O Parque. http://mundodechocolate.rs/. Acesso em:25set.2017.

NETO, M. Supermercado Imec fecha loja da Avenida Borges de Medeiros. 2014. http://www.mironneto.com/site/noticia_arquivada.php?noticia=726 . Acesso em: 16 maio 2014.

OLIVEIRA, M R da S.; VITTE, C de C. O fenômeno turístico e suas implicações na cidade de Ouro Preto. In: ENCONTRO ANPPAS, 2., 2004, Indaiatuba. Anais.. Indaiatuba: Anppas, 2004. p. 1 18. http://www.anppas.org.br/encontro_anual/encontro2/GT/GT15/melissa.pdf . Acesso em: 25 jun. 2016

RIGATTI, D. O turista, o morador e o uso do espaço urbano: interações espaciais em Gramado e Canela. Paisagem e Ambiente, n. 16, p. 69-107, 2002.

SÁNCHEZ, F. A reinvenção das cidades. 2. ed. Chapecó: Unochapecó, 2010.

SILVA, M. da G. L. Cidades turísticas: identidades e cenários de lazer. Aleph, 2004.

SMITH, N. (2007). Gentrificação, a fronteira e a reestruturação do espaço urbano. Geousp: Espaço e Tempo, n. 21, p. 15-31.

SMITH, N. “Gentrification and uneven development”. Economic geography, v. 58, n. 2, 139-155, 1982.

SMITH, N. A gentrificação generalizada: de uma anomalia local à “regeneração” urbana como estratégia urbana global. De volta à cidade. São Paulo: Annablume, p. 59-87, 2006.

SMITH, N. Gentrification and Capital: Theory, Practice and Ideology in Society Hill, Antipode, v. 11, n. 3, 24-35, 1979.

SMITH, N. New globalism, new urbanism: gentrification as global urban strategy. Antipode, n. 34, n. 3, 427-450, 2002.

SMITH, N. The new urban frontier: Gentrification and the revanchist city. Psychology Press, 1996.

VAN CRIEKINGEN, M.; FLEURY, A.La ville branchée: gentrification et dynamiques commerciales à Bruxelles et à Paris. Belgeo. Revue belge de géographie, n. 1-2, p. 113-134, 2006.

VARAJÃO, G. F. D. C.; DINIZ, A. M. A. Turismo, produção do espaço e urbanização: evolução do uso e ocupação do solo de Lavras Novas, Ouro Preto-MG. Caderno de Geografia, Belo Horizonte, v. 24, p.73-89, n. mar. 2014. http://periodicos.pucminas.br/index.php/geografia/article/view/6660 . Acesso em: 23 jun. 2014.

VARGAS, D. P. de; GASTAL, S. Chocolate e Turismo: o percurso histórico em Gramado, RS. Turismo Visão e Ação, v. 17, n. 1, p. 66-102, 2015.

YOSHINAGA, M. (2007). Hierarquia Viária. Disponível em: https://goo.gl/nhPXei. Acesso em: 9 nov. 2007.