Reflexos das Mudanças Estratégicas no Desempenho Organizacional Outros Idiomas

ID:
58889
Resumo:
Este estudo analisa os reflexos das mudanças estratégicas no desempenho organizacional de um banco, com base nos Indicadores Chave de Performance (KPI). As estratégias de cada unidade foram classificadas com base nas tipologias de Miles e Snow (1978) e tiveram o efeito no desempenho avaliado com base nos KPI. Os resultados da pesquisa mostram que estratégias prospectoras apresentam elevado custo de aquisição e, portanto, devem ser projetadas para longo prazo. Já estratégias defensivas, devem considerar a lacuna de eficiência disponível para crescimento de modo que este compense a maior ênfase em um produto do que nos demais. A estratégia híbrida, que adotou diferentes tipologias, não apresentou os resultados.
Citação ABNT:
FRIEDRICH, M. P. A.; BOGONI, N. M.; BEUREN, I. M. Reflexos das Mudanças Estratégicas no Desempenho Organizacional. Revista Eletrônica de Estratégia & Negócios, v. 13, n. 1, p. 190-214, 2020.
Citação APA:
Friedrich, M. P. A., Bogoni, N. M., & Beuren, I. M. (2020). Reflexos das Mudanças Estratégicas no Desempenho Organizacional. Revista Eletrônica de Estratégia & Negócios, 13(1), 190-214.
DOI:
http://dx.doi.org/10.19177/reen.v13e12020190-214
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/58889/reflexos-das-mudancas-estrategicas-no-desempenho-organizacional/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português