Mulheres em Home Office Durante a Pandemia da Covid-19 e as Configurações do Conflito Trabalho-Família Outros Idiomas

ID:
60464
Resumo:
Esta pesquisa objetivou compreender os impactos que a adoção do home office, no período da quarentena da Covid-19, teve no conflito trabalho-família vivida por trabalhadoras brasileiras. Para alcançar o objetivo, foram entrevistadas 14 profissionais com diferentes arranjos familiares. Todas as entrevistadas relataram sobrecarga de trabalho devido às exigências organizacionais, às demandas com os filhos e com a casa. Apesar disso, cabe destacar que, de acordo com os depoimentos, a sobrecarga de trabalho não intensificou o conflito trabalho-família para todas, o que vai na contramão do previsto na literatura. Algumas entrevistadas alegaram que o home office aproximou-as dos filhos e maridos e propiciou mais tempo para atividade físicas e de lazer. Tal achado pode contribuir para ampliar o debate sobre o conflito trabalho-família, muitas vezes conflituosa, ao postular que não apenas o tempo, a pressão e o comportamento são fontes deste conflito, mas também a distância física que as horas dedicadas ao trabalho fora de casa requerem.
Citação ABNT:
LEMOS, A. H. C.; BARBOSA, A. O.; MONZATO, P. P. Mulheres em Home Office Durante a Pandemia da Covid-19 e as Configurações do Conflito Trabalho-Família. Revista de Administração de Empresas, v. 60, n. 6, p. 388-399, 2020.
Citação APA:
Lemos, A. H. C., Barbosa, A. O., & Monzato, P. P. (2020). Mulheres em Home Office Durante a Pandemia da Covid-19 e as Configurações do Conflito Trabalho-Família. Revista de Administração de Empresas, 60(6), 388-399.
DOI:
http://dx.doi.org/10.1590/S0034-759020200603
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/60464/mulheres-em-home-office-durante-a-pandemia-da-covid-19-e-as-configuracoes-do-conflito-trabalho-familia/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português