Como elaborar um resumo estruturado como instrumento na disseminação científica: um breve roteiro Outros Idiomas

ID:
61136
Resumo:
Contextualização: Resumos estruturados (com subtítulos como este) estão em fase de adoção por periódicos científicos (estrados B1 e B2) em Ciências Sociais Aplicadas – Administração. Objetivo: O objetivo deste artigo é esclarecer ao leitor que os resumos estruturados tornamse uma tendência em revistas científicas de Ciências Sociais Aplicadas – Administração. Método: O presente estudo utiliza o método empírico e dedutivo, por intermédio de uma abordagem quantitativa e qualitativa; quanto ao procedimento, é uma pesquisa bibliográfica, mediante a revisão de estudos e artigos científicos realizados sobre o tema e websites de periódicos científicos na base SPELL ANPAD, visando esclarecer a relevância do resumo estruturado na elaboração de artigos científicos, dissertações e teses. Resultados: Dos 120 periódicos científicos sobre o tema de administração pesquisados na base Spell, observa-se que apenas 17% dos periódicos adotam o resumo estruturado. A amostra analisada permite evidenciar que o resumo estruturado é mais utilizado por periódicos situados nos estratos B1 e B2 no ranking Spell (ANPAD). Conclusões: Recomenda-se que os editores/autores de revistas de ciências sociais considerem a adoção de resumos estruturados. Acrescenta-se, também, que os resumos estruturados elaborados para periódicos de Ciências Sociais Aplicadas são mais informativos, mais fáceis de ler e de pesquisar ao compará-los com os resumos tradicionais.
Citação ABNT:
SILVA, A. O.; SÉLLOS-KNOERR, V. C.; JANES, D. D. S.; MARTINS, J. A. M. Como elaborar um resumo estruturado como instrumento na disseminação científica: um breve roteiro. International Journal of Professional Business Review, v. 5, n. 2, p. 0-0, 2020.
Citação APA:
Silva, A. O., Séllos-knoerr, V. C., Janes, D. D. S., & Martins, J. A. M. (2020). Como elaborar um resumo estruturado como instrumento na disseminação científica: um breve roteiro. International Journal of Professional Business Review, 5(2), 0-0.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/61136/como-elaborar-um-resumo-estruturado-como-instrumento-na-disseminacao-cientifica--um-breve-roteiro/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
Crespi, T. B.; Preusler, T. S.; Luna, N. A.; Ferreira, M. P. (2017). Novo Qualis: Impacto na Avaliação da Produção Intelectual dos Pesquisadores em Administração. Revista de Ciências da Administração, 1(1), 131-147. doi: 10.5007/2175-8077.2017v19n47p131

Ferreira, M. A. S. P. V. (2013). O Processo Editorial: Da Submissão à Rejeição (ou Aceite). Revista Ibero-Americana de Estratégia, 12(3), 01-11. doi: 10.5585/ijsm.v12i3.2042

Ferreira, M. P. (2014). Como estruturar e escrever um artigo em Administração. Revista Ciências Administrativas, 20(2). https://periodicos.unifor.br/rca/article/view/3490

Ferreira, M. P. (2015). Periódicos e rankings de periódicos em Administração. Revista Pensamento Contemporâneo em Administração, 9(2), 1-16. doi: 10.12712/rpca.v9i2.502

Hartley, J. (1997). Is it appropriate to use structured abstracts in social science journals? Learned Publishing, 10(4), 313-317. doi: https://doi.org/10.1087/09531519750146789

Hartley, J. (2008). Academic Writing and Publishing: A Practical Handbook.

Hartley, J.; Betts, L. (2007). The effects of spacing and titles on judgments of the effectiveness of structured abstracts. Journal of the American Society for Information Science and Technology, 58(14), 2335-2340. doi: https://doi.org/10.1002/asi.20718

Hartley, J.; Cabanac, G. (2017). Thirteen Ways to Write an Abstract. Publications, 5(2), 11. doi: 10.3390/publications5020011

Martins, C. B.; Maccari, E. A.; Silva, A de O.; Todorov, M do C. A. (2014). Retrato dos periódicos científicos de secretariado no Brasil. EccoS Revista Científica, (34). http://www.redalyc.org/resumen.oa?id=7153 2890004

Nakayama, T.; Hirai, N.; Yamazaki, S.; Naito, M. (2005). Adoption of structured abstracts by general medical journals and format for a structured abstract. Journal of the Medical Library Association, 93(2), 237-242. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1082941/

SCOPUS. (2020). Content Policy and Selection-Content. https://www.elsevier.com/solutions/scopus/how-scopus-works/content/content-policyand-selection

Serra, F. A. R.; Fiates, G. G.; Ferreira, M. P. (2008). Publicar é difícil ou faltam competências?O desafio de pesquisar e publicar em revistas científicas na visão de editores e revisores internacionais. RAM - Revista de Administração Mackenzie, 9(4), 32-55. doi: 10.1590/S1678-69712008000400004

Simões, M da G.; Freitas, M. C. V. de.; Borges, M. M.; Ferreira, C. (2013). O resumo estruturado como recurso na disseminação da produção científica na área da saúde. 879-900. Faculdade de Letras da Universidade do Porto. http://eprints.rclis.org/20874/

Bayley, L.; Eldredge, J. (2003). The structured abstract: An essential tool for researchers. Hypothesis, 17(1), 11-13.