Taxa de Inadimplência Corporativa: uma proposta de um índice inadimplência para o mercado de crédito corporativo brasileiro baseado na Metodologia da Moody’S Outros Idiomas

ID:
6257
Resumo:
O objetivo deste estudo é apresentar uma proposta de medida de inadimplência para o mercado de crédito corporativo brasileiro. O nome dado a esta medida é Taxa de Inadimplência Corporativa (TIC) e ela foi desenvolvida levando em consideração as várias formas de registro da inadimplência (tais como título protestado, cheque devolvido por falta de fundo, pedido de falência, concordata, etc.) de forma integrada. O conceito da TIC baseou-se nos fundamentos das metodologias das taxas de inadimplência do mercado de crédito negociado em bolsa, especialmente a da Moody’s. A eventual implementação da TIC ajudará os gestores de carteira de crédito a avaliar e comparar as evoluções da inadimplência de diferentes segmentos de empresas ao longo de vários anos. Esses segmentos podem ser feitos por setor econômico, região, rating, etc. Mensurando e registrando freqüências de inadimplência de empresas de capital aberto ou fechado, de acordo com a metodologia da TIC, facilitaria a estimação das probabilidades futuras de inadimplência das empresas.
Citação ABNT:
CIA, J. C.Taxa de Inadimplência Corporativa: uma proposta de um índice inadimplência para o mercado de crédito corporativo brasileiro baseado na Metodologia da Moody’S. Revista Universo Contábil, v. 6, n. 3, p. 45-63, 2010.
Citação APA:
Cia, J. C.(2010). Taxa de Inadimplência Corporativa: uma proposta de um índice inadimplência para o mercado de crédito corporativo brasileiro baseado na Metodologia da Moody’S. Revista Universo Contábil, 6(3), 45-63.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/6257/taxa-de-inadimplencia-corporativa--uma-proposta-de-um-indice-inadimplencia-para-o-mercado-de-credito-corporativo-brasileiro-baseado-na-metodologia-da-moody---s/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ALTMAN, Edward I.; HUKKAWALA, Naeem; KISHORE, Vellore. Defaults & returns on high yield bonds: lessons from 1999 and outlook for 2000-2002. Business Economics, p. 2738, April, 2000b.

ALTMAN, Edward I.; HUKKAWALA, Naeem; KISHORE, Vellore. Report on defaults & returns on high yield bonds: analysis through 1999 and default outlook for 2000-2002. New York University: Salomon Center, 2000a.

ALTMAN, Edward I. Measuring corporate bond mortality and performance. Journal of Finance, n. 44, p. 909-922, 1989.

ALTMAN, Edward I.; SAUNDERS, Anthony. Credit risk measurement: developments over the last 20 years. Journal of Banking e Finance, n. 21, p. 1721-1742, 1997.

CAOUETTE, John B.; ALTMAN, Edward I.; NARAYANAN, Paul. Gestão do risco de crédito: o próximo grande desafio financeiro. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2000.

CARTY, L. V.; LIEBERMAN, D. Historical default rates of corporate bond issuers, 1920 – 1996. Moody’s Investor Service. Global Credit Research, Jan., 1997.

CREDIT SUISSE FIRST BOSTON. CreditRisk+: a credit risk framework. 1997. Disponível em: . Acesso em: 31 ago. 2008.

DOUAT, João Carlos. Desenvolvimento de modelo para administração de carteiras de crédito a pessoas jurídicas em um banco comercial com base na teoria da diversificação de riscos. 1994. Tese (Doutorado em Administração) Programa de Pós-Graduação da Fundação Getúlio Vargas / Escola de Administração de São Paulo (FGV/EAESP).

GUPTON, G.M.; FINGER, C.C.; BHATIA, M. CreditMetrics™ Technical Document: the benchmark for understanding credit risk. J.P. Morgan Inc. 1997. Disponível em: . Acesso em: 31 ago. 2008.

KEALHOFER, Stephen; BOHN, Jeffrey R. Portfolio management of default risk. San Francisco: KMV, 2001. Disponível em: . Acesso em: 31 ago. 2008.

KEENAN, Sean C.; HAMILTON, David T.; BERTHAULT, Alexandra. Historical default rates of corporate bond issuers, 1920-1999. Moody’s Investor Service. Global Credit Research, Jan, 2000.

MARKOWITZ, H. Portfolio selection. Journal of Finance, v. 7, n. 1, p. 77-91, 1952.

MORGAN, J. B.; GOLLINGER, T. L. Calculation of an efficient frontier for a commercial loan portfolio. Journal of Portfolio Management, Fall, 1993.

MORGAN, J. B. Managing a loan portfolio like an equity fund. Banker’s Magazine, jan./feb. 1989.

SAUNDERS, Anthony. Financial institutions management: a modern perspective. 2. ed. Irwin: McGraw-Hill, 1994.

SAUNDERS, Anthony. Medindo risco de crédito: novas abordagens para value-at-risk e outros paradigmas. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1999.

WILSON, Thomas C. Measuring and managing credit portfolio risk: part 1. Modelling Systematic Default Risk. Risk Magazine, 1997.

WILSON, Thomas C. Measuring and managing credit portfolio risk: part 2 of 2. Portfolio Loss Distributions. Risk Magazine, 1997.

ZENG, Bin; ZHANG, Jing. Measuring credit correlations: equity correlations are not enough! KMV, LLC, 2001. Disponível em: . Acesso em: 31 ago. 2008.