Sistematização da gestão do conhecimento: um estudo a partir da experiência na elaboração de um manual de segurança em uma empresa de energia Outros Idiomas

ID:
6805
Resumo:
Trabalhar com o conhecimento de forma integrada aos processos de uma empresa desponta a gestão do conhecimento (GC) como uma sistemática de trabalho no ambiente organizacional, almejando atingir os objetivos de uma organização. Nesta abordagem o processo de padronização através do desenvolvimento de procedimentos tem importância relevante, pois representa a experiência implícita da empresa e serve como solução bem sucedida para tarefas complexas, contribuindo para a eficácia e eficiência dos processos. Neste aspecto, o presente estudo tem como objetivo discutir a influência da padronização de procedimentos como estratégia de sistematização do conhecimento, através de uma análise do processo de geração, retenção, disseminação e aplicação do conhecimento. Como opção metodológica, é proposta uma pesquisa classificada como bibliográfica, exploratória, qualitativa e aplicada, suportada por uma pesquisa do tipo survey. Como resultados, são apresentadas as principais contribuições da abordagem da GC, através da identificação do processo de implementação da GC e da discussão da influência da padronização como estratégia de sistematização do conhecimento, através da experiência do caso Petrobras.

Citação ABNT:
BEZERRA, M. S. M.; LIMA, G. B. A. Sistematização da gestão do conhecimento: um estudo a partir da experiência na elaboração de um manual de segurança em uma empresa de energia. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, v. 1, n. 2, art. 13, p. 232-248, 2011.
Citação APA:
Bezerra, M. S. M., & Lima, G. B. A. (2011). Sistematização da gestão do conhecimento: um estudo a partir da experiência na elaboração de um manual de segurança em uma empresa de energia. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, 1(2), 232-248.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/6805/sistematizacao-da-gestao-do-conhecimento--um-estudo-a-partir-da-experiencia-na-elaboracao-de-um-manual-de-seguranca-em-uma-empresa-de-energia/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
BABBIE, E. Métodos de pesquisa survey. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999.

BARROSO, A.; GOMES, E. Tentando entender a gestão do conhecimento. Revista da Administração Pública (RAP), v. 33, n. 2, p. 147-170, 1999.

BEZERRA, M. S. M. A padronização de procedimentos como estratégia de sistematização do conhecimento: o caso da implantação do manual de segurança em uma empresa de energia. Niterói: UFF, 2011. 198f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção). Universidade Federal Fluminense, 2011.

CAMPOS, V. F. Qualidade total Padronização de empresas. Belo Horizonte: Fundação Cristiano Otoni, 1992.

CARTONI, D. M. Gestão do conhecimento como ferramenta de estratégia organizacional. Revista de Ciências Gerenciais, v. 10, n. 12, p. 96-105, 2006.

CAVALCANTI, M.; GOMES, E. A nova riqueza das organizações: Os capitais do conhecimento. Revista TN Petróleo, Ano III, n. 16, 2000.

DAVENPORT, T. H.; PRUSAK, L. Working knowledge: How organizations manage what they know. Boston: Havard Business School, 1998.

EDVINSSON, L.; MALONE, M. S. Capital intelectual: descobrindo o valor real de sua empresa pela identificação de seus valores internos. São Paulo: Makron Books, 1998.

FERREIRA, A. Novo dicionário Aurélio da língua portuguesa. 4. ed. São Paulo: Editora Positivo, 2009.

FREITAS, H. et al. O método de pesquisa survey. Revista de Administração, v. 35, n. 3, p. 105-112, 2000.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

INMETRO. Vocabulário internacional de termos fundamentais e gerais de metrologia. 2. ed., Brasília: Editora Inmetro, 2000.

ISHIKAWA, K. TQC Total Quality Control: Estratégia e administração da qualidade. São Paulo: IMC Internacional Sistemas Educativos, 1986.

KAPLAN R. S.; NORTON, D. P. The balanced scorecard: Measures that drive performance. Harvard Business Review, Jan-Fev, 1992.

KOROWAJZCUK, A.; BALCEIRO, R. Método para o alinhamento da gestão do conhecimento à qualidade: O caso Petrobras. In: CONGRESO LATINOAMERICANO DE CALIDAD EN LA INDUSTRIA DEL PETRÓLEO Y DEL GÁS HACIA LA EXCELENCIA, 2., Bariloche (AR): 2004. Anais.... Bariloche (AR): 2004.

KROGH, G.; ICHIJO, K.; NONAKA, I. Facilitando a criação do conhecimento: reinventando a empresa com o poder da inovação contínua. Rio de Janeiro: Campus, 2001.

MERRIAM, S. B. Qualitative research and case study applications in education. São Francisco: Jossey-Bass Publishers, 1998.

NONAKA, I.; TAKEUCHI, H. Gestão do conhecimento. Porto Alegre: Bookman, 2008.

PETROBRAS. Caderno de práticas de gestão com foco no conhecimento. Brasil: 2003.

PETROBRAS. Diretrizes Corporativas de segurança, meio ambiente e Saúde. 2001.

PETROBRAS. Manual de Segurança do E&P. Brasil: 2009.

PETROBRAS. Plano estratégico 2020. Brasil: 2008.

POLANYI, M. Tacit knowing: Its bearing on some problems philosophy. Reviews of Modern Physics, v. 34, n. 4, p. 601-616, 1962.

RIBEIRO, E. A. Implantação da padronização nos processos de trabalho na construção pesada. Belo Horizonte: UFMG, 2002. 145 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção). Universidade Federal de Minas Gerais, 2002.

RODRIGUEZ, M. Gestão empresarial Organizações que aprendem. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2002.

SILVA, A. K. F. Como as formas e ferramentas de transferência de conhecimento podem agregar valor na gestão de projetos: Um estudo de caso. Niterói: UFF, 2007. 132f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção). Universidade Federal Fluminense, 2007.

SILVA, S. L. Gestão do conhecimento: uma revisão crítica orientada pela abordagem da criação do conhecimento. Ciência da Informação, v.33, n. 2, 2004.

SVEIBY, K. A nova riqueza das nações. Rio de Janeiro: Editora Campus, 1998.

VERGARA, S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 10. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

WAH, L. Muito além de um modismo. HSM Management, v. 4, n. 22, 2000.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.