Gestão Social e Políticas Públicas de Desenvolvimento Territorial Outros Idiomas

ID:
8475
Resumo:
Recentemente a unidade administrativa de intervenção das políticas públicas de desenvolvimento rural passou a ter como foco o território. O objetivo deste trabalho é analisar como a mudança de abordagem destas políticas implica em desafios e possibilidades à sua gestão social. Este recorte analítico perpassa o papel assumido pelas institucionalidades participativas e a criação de arranjos institucionais para garantir a participação social na elaboração e execução de políticas públicas. Por meio da análise do desenho institucional da política de desenvolvimento territorial no Médio Rio Doce, localizado em Minas Gerais, observou-se a ênfase no processo de participação da sociedade civil organizada na gestão e avaliação da política. Não obstante, ao mesmo tempo em que o território pode despertar iniciativas de indução da dinamização econômica e criar arranjos institucionais para qualificar sua gestão, se ampliam as dificuldades devido à abrangência geográfica e os conflitos de interesse, impondo limites à consolidação de ações territoriais.
Citação ABNT:
FREITAS, A. F.; FREITAS, A. F.; DIAS, M. M. Gestão Social e Políticas Públicas de Desenvolvimento Territorial. Administração Pública e Gestão Social, v. 4, n. 1, p. 76-99, 2012.
Citação APA:
Freitas, A. F., Freitas, A. F., & Dias, M. M. (2012). Gestão Social e Políticas Públicas de Desenvolvimento Territorial. Administração Pública e Gestão Social, 4(1), 76-99.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/8475/gestao-social-e-politicas-publicas-de-desenvolvimento-territorial/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ABRAMOVAY, Ricardo. Conselhos além dos limites. Estudos Avançados, São Paulo, v. 15, n. 43, p.121-140, 2001.

ASSIS, Thiago Rodrigues de Paula. Agricultura familiar e Gestão Social: ONGs, poder público e participação na construção do desenvolvimento rural. 2005. 145p. Dissertação (mestrado). Universidade Federal de Lavras, Lavras/MG, 2005.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições Setenta, 2009.

BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1989.

BOURDIEU, Pierre. Razões Práticas: sobre a teoria da ação. 3° Ed. São Paulo: Papirus, 2000.

BRASIL, Ministério Do Desenvolvimento Agrário (MDA). Referência para a Gestão social dos territórios rurais. Brasília, Série Documentos SDT, n°3, 2005, 32p.

BRASIL. Ministério Do Desenvolvimento Agrário. Referencias para o desenvolvimento territorial sustentável. Brasília, DF, 2003.

DIAS, Marcelo Miná. Relatório qualitativo do processo de desenvolvimento territorial: território médio rio doce. Viçosa: PLURAL, 2008.

DIAS. Marcelo Miná. Conhecendo os conselhos estaduais de desenvolvimento rural: uma análise a partir de um processo de capacitação. In: AMODEO, Nora Beatriz Presno, ALIMONDA, Hector. (Orgs.). Ruralidades, capacitação e desenvolvimento. Viçosa: Editora da UFV, 2006. p. 123-149.

EVANS, Peter. Para além da “monocultura institucional”: instituições, capacidades e o desenvolvimento deliberativo. Sociologias. 2003. v. 5, n. 9, p. 20-62, 2003.

FLORISBELO, Glauco Regis. Estudo propositivo da base econômica territorial: Território Médio Rio Doce. Viçosa: MDA/SDT, 2005.

GRAZIANAO DA SILVA, José. Quem precisa de uma estratégia de desenvolvimento? Textos para Discussão nº 02. Brasília: NEAD/CNDRS/MDA, 2001.

KYOTA, Norma. A representação dos agricultores familiares em espaços institucionais de representação social no sudoeste do Paraná. 2006. 204 p. Tese (Doutorado). Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2007.

NAVARRO, Zander. Desenvolvimento Rural no Brasil: os limites do passado e os caminhos do futuro. Estudos Avançados. v. 15, n. 43, p. 83-100, 2001.

PECQUEUR, Bernard. O desenvolvimento territorial: uma nova abordagem dos processos de desenvolvimento para as economias do Sul. Raízes, v. 24, n.1, p. 1022, 2005.

SCHNEIDER, Sérgio. A abordagem territorial do desenvolvimento rural e suas articulações externas. Sociologias, v. 6, n. 11, p. 88-125, 2004.

SEN, Amartya. Desenvolvimento como liberdade. São Paulo, Companhia das Letras, 1999.

TONNEAU, Jean Philippe; CUNHA, Luis Henrique. Pesquisas em desenvolvimento territorial no semi-árido. Raízes. v. 24, n. 01, p. 45-53. 2005.