O impacto da migração das empresas para os níveis diferenciados de governança corporativa da BM&F BOVESPA sobre o risco e o retorno de suas ações Outros Idiomas

ID:
8710
Resumo:
A transparência das informações é importante para se ter uma diminuição na assimetria das mesmas. Quanto mais informações de qualidade há sobre o negócio ou desempenho econômico e financeiro de determinada empresa, teoricamente, mais se pode esperar uma diferente percepção do risco por parte do investidor. O objetivo deste estudo foi verificar se a iniciativa das empresas em aderir aos Níveis Diferenciados de Governança Corporativa da BM&F BOVESPA impacta tanto no risco quanto no retorno dos preços de fechamento de suas ações. Para isso, foram utilizados os retornos diários de 252 dias antes e após a adesão das empresas aos NDGC. Foram feitos os testes de Kolmogorov-Smirnov para análise da normalidade, o teste paramétrico de médias emparelhadas e o teste não paramétrico de Wilcoxon para medidas de risco absoluto (desvio-padrão) e relativo (beta), além de retorno. Foram analisados os comportamentos dos papéis de 48 empresas. Os resultados mostraram que as médias dos retornos das ações empresariais não apresentaram diferenças significativas antes e após a data de adesão aos NDGC. Por outro lado, as proxies de risco apresentaram-se significativamente diferentes.
Citação ABNT:
SILVA, R. L. M.; NARDI, P. C. C.; PIMENTA JÚNIOR, T. O impacto da migração das empresas para os níveis diferenciados de governança corporativa da BM&F BOVESPA sobre o risco e o retorno de suas ações. Revista de Administração da UFSM, v. 5, n. 2, p. 222-242, 2012.
Citação APA:
Silva, R. L. M., Nardi, P. C. C., & Pimenta Júnior, T. (2012). O impacto da migração das empresas para os níveis diferenciados de governança corporativa da BM&F BOVESPA sobre o risco e o retorno de suas ações. Revista de Administração da UFSM, 5(2), 222-242.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/8710/o-impacto-da-migracao-das-empresas-para-os-niveis-diferenciados-de-governanca-corporativa-da-bm-f-bovespa-sobre-o-risco-e-o-retorno-de-suas-acoes/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
AGUIAR, A. B.; CORRAR, L. J.; BATISTELLA, F. D. Adoção de práticas de governança corporativa e o comportamento das ações na Bovespa: evidências empíricas. Revista de Administração. v. 39, n.4, p.338-347, out./ nov./dez. 2004.

ALENCAR, R. C.; LOPES, A. B. Custo do Capital Próprio e Nível de Disclosure nas Empresas Brasileiras. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 5, 2005, São PauloSP. Anais... São Paulo: FEA/USP, 2005.

ANDRADE, A.; ROSSETTI, J. P. Governança Corporativa. Fundamentos, Desenvolvimento e Tendências. São Paulo: Atlas, 2004.

ASSAF NETO, A. Contribuição ao estudo da avaliação de empresas no Brasil: uma aplicação prática. Ribeirão Preto: 2003. 202f. Tese (Livre Docência). Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto – FEA-RP/USP, São Paulo, 2003.

BATISTELLA, F. D. et al. Retorno das Ações e Governança Corporativa: um estudo de eventos. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 4, 2004, São PauloSP. Anais... São Paulo: FEA/USP, 2004.

BOTOSAN, C. A. Disclosure Level and the Cost of equity capital. The Accounting Review, v.72, n. 3, p. 323-350, 1997.

BOTOSAN, C. A.; PLUMLEE, A. M. A Reexamination of Disclosure Level and the Expected Cost of Equity Capital. Journal of Accounting Research, v.40, n.1, p.21-40, 2002.

BUSHMAN, R. et alli. What determines corporate transparency? Working Paper, University of Chicago, September 2001.

CAMARGOS, M. A.; BARBOSA, F. V. Evidência Empírica do Impacto da Adesão aos Níveis Diferenciados de Governança Corporativa sobre o Comportamento das Ações na Bovespa. In: ENCONTRO DA ANPAD, 30, 2006, Salvador-BA. Anais... Salvador: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2006.

CARDOSO, D. Correlacionando o Beta do Modelo CAPMCapital Asset Princing Model com as Variáveis do Modelo Fleuriet: uma análise da siderúrgica Belgo Mineira In: Encontro da ANPAD, 24, 2000, FlorianópolisSC. Anais... Florianópolis: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2000.

CARVALHO, A. G. Governança Corporativa no Brasil em Perspectiva. Revista de Administração, São Paulo, v. 37, n. 3, p. 19-32, jul/set. 2002.

COLLIS, J.; HUSSEY, R. Pesquisa em Administração: um guia prático para alunos de graduação e pós-graduação. 2 ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

DIAMOND, D.; VERRECCHIA, R. Disclosure, Liquidity, and the Cost of equity capital. The Journal of Finance, v. 46, n. 4, p.1327-1359, 1991.

FÁVERO, L. P.; BELFIORE, P.; SILVA, F. L. S.; CHAN, B. L. Análise de Dados: modelagem multivariada para tomada de decisões. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.

FRANCIS, J. R.; KHURANA, I. K.; PEREIRA, Raynolde. Disclosure Incentives and Effects on Cost of Capital around the World. The Accounting Review, v.80, n.4, p.1125-1162, 2005.

GODE, D.; MOHANRAM, P. What affects the implied cost of equity capital ? New York University Paper, p.1-30, 2001.

HAIL, L. The Impact of Voluntary corporate disclosures on the ex-ante cost of capital for Swiss firms. The European Accounting Review, v. 2 , n. 4, p. 741-773, 2002.

HEALY, P.; HUTTON, A.; PALEPU, K. Stock Performance and Intermediation Changes Surrounding Sustained Increases in Disclosure, Contemporary Accounting Research, v. 16, n. 3, Fall 1999, p. 485-520.

HILLBRECHT, R. Economia Monetária. São Paulo: Atlas, 1999.

JENSEN, M.; MECKLING, W. H. Theory of the firm: managerial behavior, agency costs and ownership structure. Journal of Financial Economics, Amsterdã, v. 3, n. 4, p. 305-360, oct.1976.

KITAGAWA, C. H.; GODOY, C. R.; ALBUQUERQUE, A. A.; CARVALHO, F. L. Estudo Empírico sobre o Comportamento do Custo de Capital Próprio das Empresas Listadas nos Níveis 1 e 2 de Governança Corporativa da Bovespa. In: ENCONTRO DA ANPAD, 31, 2007, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2007.

LAMBERT, R.; LEUZ, C.; VERRECCHIA, R. E. Accouting Information, Disclosure and the Cost of Capital. Journal of Accounting Research, v. 45, n. 2, p. 385-420, 2007.

LANZANA, A. P. Relação entre Disclosure e Governança Corporativa das Empresas Brasileiras. São Paulo, 2004. Dissertação (Mestrado em Administração) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo.

MACEDO, F. Q.; MELLO, G. R.; TAVARES FILHO, F. Adesão ao Nível 1 de Governança Corporativa da Bovespa e a Percepção de Risco e Retorno das Ações pelo Mercado. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 6, 2006, São PauloSP. Anais... São Paulo: FEA/USP. p. 1-13.

MALACRIDA, M. J. C.; YAMAMOTO, M. M. Governança Corporativa: nível de evidenciação das informações e sua relação com a volatilidade das ações do Ibovespa. Revista de Contabilidade e Finanças. ed. comemorativa, set. 2006.

MARKOWITZ, H. Portfolio Selection. The Journal of Finance. v.7, n.1, 77-91, mar. 1952.

MARTINS, V. A.; SILVA, R. L. M.; NARDI, P. C. C. Governança Corporativa e Liquidez das ações. In: ENCONTRO DA ANPAD, 30, 2006, Salvador. Anais... Salvador: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2006.

NAKAMURA, W. T.; GOMES, E. A.; ANTUNES, M. T. P.; MARÇAL, E. F. Estudos sobre os Níveis de Disclosure Adotados pelas Empresas Brasileiras e seu Impacto no Custo de Capital. In: ENCONTRO DA ANPAD, 30, 2006, Salvador. Anais... Salvador: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2006.

OKIMURA, R. T. Estrutura de Propriedade, Governança Corporativa, Valor e Desempenho das Empresas no Brasil. 2003. 120f. Dissertação (Mestrado) Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2003.

PEDREIRA, E. B.; SANTOS, J. O. Análise da Relação Entre o Índice de Governança Corporativa, Preço das Ações e Desempenho dos Três Principais Bancos Privados Brasileiros. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 6, 2006, São PauloSP. Anais... São Paulo: FEA/USP, 2006.

RABELO, S. S. T.; ROGERS, P.; RIBEIRO, K. C. S.; MENDES-DA-SILVA, W. Performance das Melhores Práticas de Governança Corporativa no Brasil: um estudo de carteiras. In: ENCONTRO DA ANPAD, 31, 2007, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2007.

ROSS, S. A.; WESTERFIELD, R. W.; JAFFE, J. F. Administração Financeira. Tradução Antonio Zorato Sanvicente. São Paulo: Atlas, 1995.

SCHADEWITZ, H. J.; BLEVINS, D. R. Major Determinants of Interim Disclosures in am emerging market. American Business Review, n. 16, p. 41-55, jan., 1998.

SIRQUEIRA, A. B.; KALATZIS, A. E. G.; TOLEDO, F. M. B. Boas Práticas de Governança Corporativa e Otimização de Portfólio. Revista da Anpec, n.1, v.8. jan. 2007.

TOLEDO, M. M.; PAMPLONA, E. O. Avaliação do Risco Sistemático do Setor Bancário. In: ENEGEP, 24, 2006, Fortaleza. Anais... Fortaleza: Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2006.

TRIOLA, M. F. Introdução à Estatística. 7 ed. Rio de Janeiro: LTC, 1998.

VASCONCELLOS, P. C. Governança corporativa diz respeito à criação de valor. Revista RI Relações com Investidores. n. 52, p.19-20, jun. 2002.