Composição do Conselho de Administração no setor de energia elétrica do Brasil Outros Idiomas

ID:
9964
Resumo:
O objetivo deste artigo foi avaliar, no setor de energia elétrica, se a composição dos conselhos afetam o valor e o desempenho das empresas. Para tal foi feito um
levantamento bibliográfico com aplicação em um estudo de caso empírico do setor em questão. Foram utilizados dados secundários baseados em uma amostra de 38 companhias de grande porte no período de 2005 a 2010, cujas ações são negociadas na BM&FBOVESPA. Os resultados das regressões em painel apontam que o tamanho do conselho de administração e a independência do conselho apresentaram relação positiva, ao passo que a porcentagem de mulheres no conselho não apresentou relação positiva com as variáveis de desempenho.
Citação ABNT:
ALMEIDA, R. S.; KLOTZLE, M. C.; PINTO, A. C. F. Composição do Conselho de Administração no setor de energia elétrica do Brasil. Revista de Administração da Unimep, v. 11, n. 1, p. 156-180, 2013.
Citação APA:
Almeida, R. S., Klotzle, M. C., & Pinto, A. C. F. (2013). Composição do Conselho de Administração no setor de energia elétrica do Brasil. Revista de Administração da Unimep, 11(1), 156-180.
Link Permanente:
http://www.spell.org.br/documentos/ver/9964/composicao-do-conselho-de-administracao-no-setor-de-energia-eletrica-do-brasil/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
ANDRADE, Lélis Pedro de; SALAZAR, German Torres; CALEGARIO, Cristina Lélis Leal and SILVA, Sabrina Soares. Governança corporativa: uma análise da relação do conselho de administração com o valor de mercado e desempenho das empresas Brasileiras.RAM, Rev. Adm. Mackenzie (Online). v. 10, n.4, pp. 4-31, 2009.

BLACK, Bernard S.; DE CARVALHO, Antonio Gledson; GORGA, Erica, The Corporate Governance of Privately Controlled Brazilian Firms (A GovernançaCorporativa Das EmpresasBrasileiras Com ControlePrivadoNacional) Cornell Legal Studies Research Paper No. 08-014; ECGI Finance Working Paper No. 206/2008; Northwestern Law & Econ Research Paper No. 09-19; U of Texas Law, Law and Econ Research Paper No. 109, 2009.

BOONE, A. Field, L.; Karpoff, J.; Raheja, C. The Determinants of Corporate Board Size and Composition: an Empirical Analysis.Journal of Financial Economics, v. 85, n. 1, p. 66–101, 2007.

CARTER, D. A., et.al. Corporate Governance, Board Diversity, and Firm Value. Financial Reviewv. 38, n. 1, p. 33-53, 2003. Código das Melhores Práticas de Governança Corporativa, v.4, 2009. Disponível em http://www.ibgc.org.br/CodigoMelhoresPraticas.aspx (Acesso dia 15/10/2011)

DUTRA, Marcos Galileu Lorena; SAITO, Richard. Conselhos de Administração: Análise de sua Composição em um Conjunto de Companhias Abertas Brasileiras. Revista de Administração Contemporânea, v.6, n.2, p. 0927, maio/agosto, 2002

ECGI Finance Working Paper No. 206/2008; Northwestern Law & Econ Research Paper No. 09-19; U of Texas Law, Law and Econ Research Paper No. 109, 2009

ERHARDT, N., et. al. Board of Director Diversity and Firm Financial Performance. Corporate Governance: An International Review, v. 11, n. 2, p. 102-111, 2003.

FORBES, D.; MILLIKEN, F. Cognition and corporate governance: Understanding boards of directors as strategic decision making groups. Academy of Management Review, v. 24, n. 3, p. 489-505, 1999.

HERMALIN, B.; WEISBACH, M. Boards of directors as an endogenously determined institution: a survey of the economic literature. Economic Policy Review of the Federal Reserve Bank of New York, v.9, p. 7-36, 2003.

HILLMAN, A.J.; DALZIEL, T. Boards ofdirectors and firm performance: integratingagency and resource dependenceperspectives. The Academy of Management Review, v. 28, n. 3, p. 383-396, 2003.

LEAL, R. Governance Practices and Corporate Value A Recent Literature Survey. RAUSP. Revista de Administração, Sâo Paulo, v. 39, n.4, p. 327-337, 2004.

LEAL, R.; OLIVEIRA, C.L. An evaluation of board practices in Brazil.Corporate Governance:International Journal of Business in Society, v.2, p.21-25, 2002.

LEITE, André Luís da Silva; CASTRO, Nivalde J. de. Estrutura de Governança e a formação de Holdings no setor elétrico.Estratégia e Negócios, Florianópolis, v.1, n.2, p.xx. Julho/Dezembro 2008.

O setor elétrico brasileiro. Disponível em www.ccee.org.br (Acesso dia 15/10/2011) Recomendações da CVM sobre Governança Corporativa, 2002. Disponível em www.cvm.gov.br (Acesso dia 15/10/2011) Relatório de Mulheres na Administração das Empresas Brasileiras Listadas2010 e 2011. Disponível em: www.ibgc.org.br (Acesso dia 27/10/2011)

ROSE, C. Does female board representationinfluence firm performance? The Danish evidence.Corporate Governance: An International Review, v. 15, n. 2, p. 404-413, 2007.

SANTANA, Eduardo Alves de; OLIVEIRA, Carlos Augusto C.N.V. de. A estrutura de Governança da estrutura de energia elétrica: Uma análise através da economia dos custos de transação.Revista de Economia Contemporânea, v.4, n.1, p.147-178, 2000.

SHRADER, C., et. al. Womenin Management and Firm Financial Performance:An Exploratory Study. JournalofManagerialIssues, v. 9, n. 3, p. 355–372, 1997.

SILVA, André Luiz Carvalhal da.Governança corporativa e sucesso empresarial: melhores práticas para aumentar o valor da firma. Editora Saraiva, São Paulo, 2006.

SILVEIRA, Alexandre de Micelida.Governança Corporativa, Desempenho e Valor da Empresa no Brasil. 2004. Dissertação de Mestrado Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.

SILVEIRA, Alexandre de Micelida.Governança Corporativa e Estrutura de Propriedade: Determinantes e Relação com o Desempenho das Empresas no Brasil. 2008. Tese de Doutorado – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

SILVEIRA, Alexandre Di Miceli da, et. al. Estrutura de governança e desempenho financeiro nas companhias abertasbrasileiras: um estudo empírico. Caderno de Pesquisas em Administração, v.10,n. 1, p. 57-71, 2003.

SILVEIRA, Alexandre M. da; LEAL, Ricardo P.C.; SILVA, André Luiz Carvalhal da; BARROS, Lucas A. B. de C. EndogeneityofBrazilian Corporate GovernanceQualityDeterminants.Corporate Governance The International Journal of Business in Society, v. 10, n.2, p. 191-202, 2010. Working paper, 2008.

VENTURA, L. C.Os Fundamentos da Governança Corporativa. São Paulo: Trevisan, 2000. Women on Board, 2011. PublicadoporCatalyst. Disponível em: http://www.catalyst.org/publication/433/women-on-boards (Acesso dia27/10/2011)

YERMACK, D. Higher Market Valuation of Companies with a Small Board of Directors. Journal of Financial Economics, v. 40, p. 185-211, 199

ZAHRA, S.; PEARCE, J. Boards of Directorsand Corporate Financial Performance: A Reviewand Integrative Model.Journal of Management, v. 15, n. 2, p. 291–334, 1989.